Masashi Hamauzu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Masashi Hamauzu
Masashi Hamauzu em 2012
Informação geral
Nascimento 20 de setembro de 1971 (43 anos)
Origem Munique
País  Alemanha
Gênero(s) Orquestral, ambiente, eletrônica
Instrumento(s) Piano, voz
Período em atividade 1996-atualmente
Gravadora(s) NTT Publishing
DigiCube
Square Enix
Nippon Crown

Masashi Hamauzu (浜渦正志, Hamauzu Masashi?, 20 de setembro de 1971) é um compositor japonês de trilhas sonoras de videogames e fez parte da Square Enix de 1996 a 2010. Ele é melhor conhecido pelo seu trabalho compondo para as séries Final Fantasy e SaGa. Nascido na Alemanha, de mãe de descendência japonesa e de pai alemão, Hamauzu foi criado no Japão. Ele começou a se interessar na música ainda no jardim de infância, recebendo aulas de piano de seus pais. Hamauzu foi contratado pela Square (a atual Square Enix) em 1996 como trainee, e sua carreira como compositor solo teve início no ano seguinte, quando ele compôs a trilha sonora de Chocobo No Fushigina Dungeon. Ele colaborou com seu amigo e colega de composição Junya Nakano em vários jogos, trabalhando também com Ryo Yamazaki na maioria dos títulos que seguem a partir de SaGa Frontier 2.

Após Nobuo Uematsu deixar a Square Enix em 2004, Hamauzu assumiu o posto de compositor da equipe musical da companhia. Também passou a ser um renomado pianista, arranjando uma série de álbuns, incluindo Sailing To The World Piano Score de Yasunori Mitsuda, 2006. Sua música incorpora vários estilos, embora ele faça uso da música clássica e ambiente com maior predominância. Em 2010, Hamauzu deixou a Square Enix para iniciar seu próprio estúdio, Monomusik.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Masashi Hamauzu nasceu em Munique, Baviera, Alemanha. Sua mãe, japonesa, era professora de piano, e seu pai, alemão, era cantor de ópera.[1] Ele desenvolveu interesse pela música ainda no jardim de infância.[2] Crescendo na Alemanha, Hamauzu recebeu suas primeiras lições de canto e de piano de seus pais e criou suas primeiras composições enquanto cursava o ensino médio. Com o nascimento de seu irmão, a família se mudou para Osaka, Japão. Ele se matriculou na Universidade Nacional de Belas-Artes e Música de Tóquio, se juntando a um grupo de pianistas. Hamauzu conheceu sua esposa na universidade, e eles tiveram uma filha. Após se formar na universidade, ele pensou na possibilidade de se tornar um músico clássico, mas descobriu que queria trabalhar com músicas em jogos ao invés.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Um grande fã da série Final Fantasy,[3] Hamauzu decidiu se candidatar a uma vaga na Square. Nobuo Uematsu ficou impressionado com seu currículo, e contratou Hamauzu como trainee em 1996.[1] O seu primeiro trabalho foi em Front Mission: Gun Hazard, compondo ao lado de Uematsu, Yasunori Mitsuda e Junya Nakano.[4] Mais tarde naquele mesmo ano, ele criou, novamente ao lado de outros compositores, quatro faixas para o título Tobal No. 1.[5] Trabalhando com Nakano nesses jogos, Hamauzu admirou seu estilo musical, e eles se tornaram amigos; eles fizeram composições colaboradas em vários títulos.[1] O primeiro projeto solo de Hamauzu veio em 1997 com Chocobo No Fushigina Dungeon.[6] Logo após o lançamento do título, Hamauzu e Yasuo Sako criaram Chocobo No Fushigina Dungeon Coi Vanni Gialli, um álbum com arranjos orquestrais da trilha sonora do jogo.[7] Tanto a trilha sonora como Coi Vanni Gialli foram bem recebidas. Hamauzu teve uma pequena participação na composição do altamente aclamado Final Fantasy VII; ele trabalhou como programador de sintetizador na versão da música de Joseph Haydn, "A Criação", e providenciou os vocais graves no coro de oito em "One-Winged Angel".[1]

Imagem da sede da Square Enix, empresa onde Hamauzu começou sua carreira.

Em 1999, Hamauzu foi indicado como compositor de SaGa Frontier 2, substituindo o compositor de longa data da série SaGa, Kenji Itō.[8] Ele passou algum tempo tentando se adaptar ao estilo musical que Itō tinha estabelecido para a série; porém, mais tarde, ele acabou percebendo que queria usar seu estilo próprio. O projeto o apresentou ao programador de sintetizadores Ryo Yamazaki com quem ele trabalharia com os vários projetos que viriam a seguir.[1] Hamauzu também lançou Piano Pieces "SF2" – Rhapsody On A Theme Of SaGa Frontier 2, um álbum de faixas arranjadas, apresentando peças de piano da trilha sonora.[9] Em 2001, Hamauzu e Nakano foram escolhidos para auxiliar Uematsu na produção da trilha sonora do sucesso de crítica Final Fantasy X,[10] [11] graças à habilidade de criar músicas com um estilo diferente das de Uematsu.[12] Embora alguns fãs da série foram indiferentes com as suas composições, o seu trabalho foi, em geral, bem recebido.[13] Hamauzu também contribuiu com o álbum de arranjos Piano Collections, que ele descreveu como seu trabalho mais desafiador, e também com a faixa "Feel", um arranjo da música "Hymn Of The Fayth" do EP Feel/Go Dream: Yuna And Tidus.[1]

Em 2002, Hamauzu compôs a música de Unlimited Saga, jogo que seria recebido negativamente pelos críticos devido à variedade de problemas de jogabilidade.[14] [15] Ele assumiu o posto de líder de composição da equipe musical da Square Enix em outubro de 2004, logo após Uematsu abandonar a companhia. Em 2005, Hamauzu, Nakano, e o dueto Wavelink Zeal (Takayuki e Yuki Iwai) compuseram para Musashi: Samurai Legend, sequência ao jogo de 1998 Brave Fencer Musashi.[16] Ele compôs ainda a trilha sonora da muito esperada, mas criticamente mal sucedida sequência ao Final Fantasy VII, Dirge Of Cerberus: Final Fantasy VII, em 2006.[17] [18] Mais tarde no mesmo ano, ele criou os arranjos de Sailing To The World Piano Score, por pedido de Mitsuda;[19] o álbum teve uma boa recepção entre pianistas e confirmou a posição de Hamauzu como o principal pianista das trilhas sonoras.[1] Na E3 de 2006, uma conferência da Square Enix revelou que Hamauzu estaria retomando seu trabalho na série Final Fantasy, compondo para Final Fantasy XIII.[20]

Hamauzu lançou, em 2007, um álbum solo, Vielen Dank, após gravá-lo em Leipzig, Alemanha. O álbum inclui onze peças de piano que ele compôs por prazer pessoal após ter criado Piano Pieces "SF2" – Rhapsody On A Theme Of SaGa Frontier 2 e também os 14 arranjos de suas composições para jogos.[21] Duas faixas do álbum foram apresentadas no Symphonic Game Music Concert 2007 em Leipzig.[22] Em 2008 Hamauzu trabalhou em um pequeno projeto de um browser game chamado Oolong Tea Story ~Searching for Delicious Tea~, onde ele compôs 9 partes de músicas que não tem mais que 40 segundos.[23] No mesmo ano ele compôs a trilha sonora de Sigma Harmonics,[24] juntamente com o programador de sintetizador Mitsuto Suzuki ao invés de Yamazaki.[1] Em 2009 Nobuo Uematsu havia sido escolhido para ser o compositor da trilha sonora de Final Fantasy XIII, mas após Uematsu ter fechado acordo para compor a trilha de Final Fantasy XIV, a composição de Final Fantasy XIII ficou a cargo de Hamauzu.[25]

Em 2010, Masashi Hamauzu compôs e fez os arranjos para o álbum da trilha sonora em piano de Final Fantasy XIII, denominado Piano Collections Final Fantasy XIII, que contém 10 faixas.[26] Ele deixou a Square Enix em 19 de janeiro de 2010[27] e abriu seu próprio estúdio, Monomusik, que ele descreve como um estúdio pessoal que não inclui qualquer outro compositor.[28] Em 2011 foi lançado o Final Fantasy XIII-2, as composições das músicas ficou a cargo Hamauzu.[29]

Estilo e influência musical[editar | editar código-fonte]

Hamauzu compõe músicas em vários estilos diferentes, frequentemente utilizando dos múltiplos estilos entre as várias peças de uma trilha sonora em um todo. Em geral, ele compõe músicas clássicas e ambientes, empregando o piano predominantemente. Na maioria das vezes, ele incorpora dissonâncias para providenciar um efeito atmosférico.[13] Em Unlimited Saga, por exemplo, o estilo de suas composições mistura marchas clássicas, música tango, música eletrônica ambiente, solos instrumentais, e jazz.[30]

Como influências, ele cita os compositores Hiroshi Miyagawa e Ryuichi Sakamoto da Yellow Magic Orchestra,[2] os compositores impressionistas Maurice Ravel e Claude Debussy,[1] e seu pai como figuras musicalmente influentes.[31] Na sua adolescência, ele adorava escutar as peças de Sakamoto e Miyagawa. Enquanto estava na universidade, ele desenvolveu uma apreciação pela música clássica, especialmente pelas composições de Ravel e Debussy.[1]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Nos videogames[editar | editar código-fonte]

Como compositor

Em arranjo

Outros projetos[editar | editar código-fonte]

Como compositor

Em arranjo

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m Totz; Chris. Masashi Hamauzu:: Biography Square Enix Music Online. Página visitada em 8 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 20 de outubro de 2013.
  2. a b Entrevista com Masashi Hamauzu (RocketBaby - fevereiro de 2002) Square Enix Music Online. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 15 de setembro de 2012.
  3. Uematsu, Nobuo; Hamauzu, Masashi; Nakano, Junya. Final Fantasy X Original Soundtrack liner notes. DigiCube. 1 de agosto de 2001. SQEX-10013.. Transcrição Retirado no dia 16 de dezembro de 2008.. Cópia arquivada em 13 de fevereiro de 2012.
  4. Front Mission Gun Hazard Tech Info GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  5. Tobal No. 1 Tech Info GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  6. a b Entrevista com Masashi Hamauzu (RocketBaby - setembro de 2003) Square Enix Music Online. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 20 de novembro de 2008.
  7. a b Thomas, Damian. Chocobo's Mysterious Dungeon ~Coi Vanni Gialli~ RPGFan. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 12 de maio de 2008.
  8. SaGa Frontier 2 Tech Info GameSpot. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  9. a b Gann, Patrick. Piano Pieces "SF2" ~ Rhapsody on a Theme of SaGa Frontier 2 RPGFan. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 9 de maio de 2008.
  10. a b Smith, David (18 de dezembro de 2001). Final Fantasy X Review IGN. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 24 de dezembro de 2008.
  11. Final Fantasy X (ps2: 2001): Reviews Metacritic. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 20 de junho de 2007.
  12. Entrevista por RocketBaby.net nobuouematsu.com. Página visitada em 22 de junho de 2009. Cópia arquivada em 24 de julho de 2008.
  13. a b Schweitzer, Ben; Gaan, Patrick. Final Fantasy X OST RPGFan. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 5 de junho de 2008.
  14. a b Shoemaker, Brad (17 de junho de 2003). Unlimited Saga Review GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  15. Unlimited SaGa (ps2: 2003): Reviews Metacritic. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 23 de maio de 2008.
  16. a b Musashi: Samurai Legend Tech Info GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  17. Dirge of Cerberus: Final Fantasy VII Tech Info GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de novembro de 2012.
  18. Dirge of Cerberus: Final Fantasy VII (ps2: 2006): Reviews Metacritic. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 22 de junho de 2008.
  19. a b Gann, Patrick. Sailing to the World Piano Score RPGFan. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 10 de junho de 2007.
  20. a b Gantayat, Anoop (09/05/2006). E3 2006: FFXIII Staff Check IGN. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 17 de outubro de 2006.
  21. a b Gann, Patrick. Vielen Dank - Masashi Hamauzu RPGFan. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 16 de agosto de 2007.
  22. Música de Masashi Hamauzu será apresentada em Leipzig VGMConcerts.com (30 de abril de 2007). Página visitada em 14 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 12 de janeiro de 2009.
  23. Game Music :: Video Game Music News (04 de maio de 2008). Página visitada em 11 de junho de 2011. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2014.
  24. a b Sigma Harmonics Tech Info GameSpot. Página visitada em 15 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 13 de fevereiro de 2009.
  25. Game Music :: Video Game Music News Squareenixmusic.com. Página visitada em 11 de junho de 2011. Cópia arquivada em 13 de setembro de 2012.
  26. Piano Collections "FINAL FANTASY XIII" -ピアノ・コレクションズ ファイナルファンタジーXIII- Squareenixmusic.com. Página visitada em 11 de junho de 2011. Cópia arquivada em 24 de novembro de 2010.
  27. Chris (19 de janeiro de 2010). FFXIII's Masashi Hamauzu Leaves Square Enix Square Enix Music Online. Página visitada em 20 de janeiro de 2010. Cópia arquivada em 14 de fevereiro de 2012.
  28. Napolitano, Jayson (28 de setembro de 2010). Masashi Hamauzu Talks Final Fantasy XIII and MONOMUSIK Original Sound Version. Página visitada em 28 de setembro de 2010. Cópia arquivada em 8 de março de 2012.
  29. a b E3 : Final Fantasy XIII-2, vingt minutes en HD - Final Fantasy Ring Ffring.com (10 de junho de 2011). Página visitada em 10 de junho de 2011. Cópia arquivada em 16 de março de 2013.
  30. Tittsworth, Jeff; McCawley, James. UNLIMITED:SaGa OST RPGFan. Página visitada em 17 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 3 de julho de 2008.
  31. Masashi Hamauzu Square Enix Music Online. Página visitada em 16 de dezembro de 2008. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2008.
  32. Gann, Patrick. Front Mission Series Gun Hazard OST RPGFan. Página visitada em 7 de dezembro de 2010. Cópia arquivada em 16 de julho de 2008.
  33. Page, Adam. Tobal No. 1 Original Soundtrack Soundtrack Central. Página visitada em 16 de agosto de 2007. Cópia arquivada em 2 de fevereiro de 2007.
  34. Gann, Patrick (15 de outubro de 2000). RPGFan Soundtracks - SaGa Frontier II OST RPGFan. Página visitada em 1 de fevereiro de 2009. Cópia arquivada em 14 de dezembro de 2007.
  35. Ryo Yamazaki :: Biography Square Enix Music Online. Página visitada em 17 de outubro de 2009. Cópia arquivada em 20 de novembro de 2008.
  36. Chiptuned: 1UP's Game Music Blog : Lightning Returns Q&A: Music of the Final Fantasy XIII Trilogy 1UP (11 de abril de 2013). Página visitada em 10 de junho de 2011. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2014.
  37. Chris. Game Music :: Video Game Music News Squareenixmusic.com. Página visitada em 10 de junho de 2011. Cópia arquivada em 24 de setembro de 2012.
  38. a b Fletcher, JC (1 de fevereiro de 2011). Final Fantasy IV Complete Collection completely available April 19 Joystiq. Página visitada em 16 de fevereiro de 2011. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2011.
  39. a b Works - Masashi Hamauzu Official Website. Página visitada em 11 de junho de 2011. Cópia arquivada em 27 de novembro de 2013.
  40. Nobuo Uematsu, Masashi Hamauzu, Junya Nakano - Piano Collections Final Fantasy X (CD) at Discogs Discogs. Página visitada em 10 de junho de 2011. Cópia arquivada em 11 de dezembro de 2014.
  41. Game Music :: 20020220 - Music from Final Fantasy :: Album Information Squareenixmusic.com. Página visitada em 11 de junho de 2011. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]