Rover lunar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rover Lunar
Apollo 15 Lunar Rover final resting place.jpg
O veículo "Rover Lunar" na missão Apollo 15
Tipo de missão Rover
Lançamento Cabo Canaveral, Flórida, Estados Unidos

O veículo explorador da Lua, ou em inglês, o Lunar Roving Vehicle, trata-se de um pequeno veículo elétrico, que permitiu aos astronautas das missões Apollo poder dirigir nas vizinhanças do local de pouso do módulo lunar, para realizar observações geológicas, coletar amostras de rochas e de solos, para fazer o uso de instrumentos científicos, em vários pontos da Lua.

O veículo foi pela primeira vez utilizada na missão Apollo 15 e foi o quarto pouso da missão Apollo na Lua. O veículo foi usado para explorar regiões distantes cerca de 5 km do local de pouso. O veículo também foi usado nas missões Apollo 16 e Apollo 17.

O veículo[editar | editar código-fonte]

O veículo tinha 3,1 m de comprimento, tomando por base suas rodas e 2,3 m de largura. Consistia basicamente em uma estrutura de alumínio de peso total de 210 kg na Terra e 36 kg na Lua. Podendo suportar um peso de no máximo de 480 kg, sendo que 353 kg seriam distribuídos entre o peso dos astronautas, mais o sistema de suporte de vida, 45,4 kg para os equipamentos de comunicações, 54,5 kg para os equipamentos científicos e 27,2 kg de amostras de rochas e solos da Lua. Totalmente carregado, o vão livre sob o veículo ficava em 36 cm.

O chassi foi feito de forma a ser levado para a Lua dobrado. Media 0,90 m x 1,50 m x 1,70 m dentro do módulo lunar. A estrutura era montada em 20 minutos. Para se mover, havia um motor elétrico de 0,18 KW para cada roda e possuía uma transmissão com a relação 80:1. O veículo possuía alto torque e baixa velocidade. O motorista dirigia o veículo por meio de um joystick.

Duas baterias de prata e zinco forneciam a tensão de 36 volts, com a capacidade de 121 ampères hora. Permitindo uma velocidade máxima de 13 km/h e uma autonomia de 92 km. Era equipado com um giroscópio, um hodômetro, um computador de navegação que fornecia a distância do veículo em relação ao módulo lunar. Os equipamentos de comunicações, bem como duas câmeras eram localizados na parte da frente do veículo. Ele podia subir rampas com 25º de inclinação e podia facilmente ser dirigido em superfícies irregulares.

As rodas do veículo eram feitas com uma rede de cordas de piano com titânio. Não foi utilizada borracha sólida ou vazada, porque poderia deixar o veículo muito pesado. A nave espacial Apollo apenas podia transportar uma determinada massa fixa e rodas constituídas de malhas de cordas foram utilizadas para manter baixo o peso do veículo.

Um dos instrumentos científicos que foi transportado pelo veículo foi um gravímetro. Ele foi utilizado para medir e mapear o campo gravitacional da Lua.

Todos os veículos lunares foram abandonados na Lua após o seu uso.

A antiga União Soviética também levou veículos para a Lua, foram denominados de Lunokhod 1 e o Lunokhod 2.

Apollo 15[editar | editar código-fonte]

  • Distância total percorrida: 27,9 km
  • Maior distância do Módulo Lunar: 5 km
  • Data do pouso na Lua: 30 de Julho de 1971

A primeira viagem foi em direção ao canal Hadley e o veículo foi extensivamente testado e seu sistema de navegação se demonstrou ser muito preciso. Durante dois novos passeios com o veículo foram visitados o Monte Hadley e novamente o canal Hadley, onde foram coletados 76,8 kg de amostras de rochas.

Apollo 16[editar | editar código-fonte]

  • Distância total percorrida: 26,7 km
  • Maior distância do Módulo Lunar: 4.5 km
  • Data do pouso na Lua: 21 de abril de 1972

Durante os dois passeios lunares foram visitados as montanhas Stone bem como a cratera North Ray. Durante a partida da Lua pelo módulo lunar, o veículo lunar filmou a sua decolagem.

Apollo 17[editar | editar código-fonte]

  • Distância total percorrida: 35,9 km
  • Maior distância do Módulo Lunar: 7.6 km
  • Data do pouso na Lua: 11 de Dezembro de 1972

O veículo lunar foi utilizado em três passeios lunares pelo vale de Taurus-Littrow, que duraram 7,2; 7,6 e 7,3 horas. Durante a partida da Lua pelo módulo lunar, o veículo lunar também filmou a sua decolagem.

Ver também[editar | editar código-fonte]