Síndrome da veia cava superior

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Diagrama do coração humano

A síndrome da veia cava superior, no contexto da medicina, é definida como um grupo de sintomas e sinais clínicos decorrentes da diminuição do fluxo sangüíneo da veia cava superior em direção ao átrio direito. Essa obstrução ao fluxo de sangue pode provocar edema e pletora facial, ingurgitamento de vasos cervicais, aparecimento de circulação colateral na parte superior do tórax e dispnéia. Atualmente, sua principal causa é o cancêr de pulmão broncogênico em 70% das vezes.[1] Linfomas, câncer esofágico, processos fibrosantes do mediastino e outros processos expansivos benignos, como bócio mergulhante, também podem causar Síndrome da Veia Cava Superior.

Referências

  1. Cecil, Tratado de Medicina Interna 22ªedição; Doenças do diafragma, pleura e mediastino.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.