Doença cardiovascular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Doença cardiovascular
Micrografia de um coração com fibrose (a amarelo) e amiloidose (a castanho).
Classificação e recursos externos
CID-10 I51.6
CID-9 429.2
DiseasesDB 28808
MeSH D002318
Star of life caution.svg Aviso médico

Doenças cardiovasculares (cárdio = coração * vasculares = vasos sanguíneos, incluindo artérias, veias e vasos capilares) são doenças que afetam o sistema circulatório, ou seja, os vasos sanguíneos e o coração. Existem vários tipos de doenças cardiovasculares (enfarte de miocárdio, arritmia). Entre as mais comuns podemos referir o enfarte do miocárdio, a angina de peito, a aterosclerose, entre outras.

As doenças cardiovasculares são aquelas que afetam o coração e as artérias, como os já citados infarto e acidente vascular cerebral, e também arritmias cardíacas, isquemias ou anginas. A principal característica das doenças cardiovasculares é a presença da aterosclerose, acúmulo de placas de gorduras nas artérias ao longo dos anos que impede a passagem do sangue.

Para funcionar, o corpo humano precisa de oxigênio. O sangue sai do coração com oxigênio e atinge todos os órgãos por meio das artérias; depois, volta ao coração para se reabastecer de oxigênio. Quando as artérias fecham (aterosclerose), ocorre um infarto na região que não recebeu o oxigênio. Basta não receber oxigênio, para região entrar em colapso.

As causas da aterosclerose podem ser de origem genética, mas o principal motivo para o acúmulo é comportamental. Obesidade, sedentarismo, tabagismo, hipertensão, colesterol alto e consumo excessivo de álcool são as principais razões para a ocorrência de entupimentos das artérias.

Para prevenir o aparecimento destas doenças deve:

  • fazer exercício físico,
  • não exagerar nos temperos na comida,
  • não fumar; e não beber exageradamente,
  • controlar infecções que possam haver em qualquer parte do corpo.

Entre as suas principais causas contam-se a vida sedentária, o consumo excessivo de alimentos ricos em gordura e sal, álcool (ainda que estudos demonstrem um efeito benéfico no consumo moderado de bebidas alcoólicas) e tabaco. Por consequência, a melhor prevenção consiste em fazer exercício físico, ter uma alimentação equilibrada, rica em frutas e legumes e não fumar.

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte em Portugal[1]

Referências

  1. VIRGÍNIA ALVES. Doenças cardiovasculares são a principal causa de morte 2007-02-03. Página visitada em Março de 2012.