Pericardite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde setembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Pericardite
Classificação e recursos externos
CID-10 I01.0, I09.2, I30-I32
CID-9 420.90
DiseasesDB 9820
MedlinePlus 000182
eMedicine med/1781 emerg/412
MeSH C14.280.720
Star of life caution.svg Aviso médico

A pericardite é uma inflamação do pericárdio. A pericardite é ainda classificada de acordo com a composição do exsudado inflamatório: seroso, purulento, fibrinoso e hemorrágico.

A pericardite aguda é mais comum que a pericardite crônica, podendo ocorrer como uma complicação de infecções, doenças imunológicas ou ataque cardíaco.

Sinais e sintomas[editar | editar código-fonte]

Dor torácica, que irradia para as costas e é aliviada ao se sentar para a frente, é a apresentação clássica. Outros sintomas da pericardite podem incluir tosse seca, febre, fadiga e ansiedade. A pericardite pode ser erroneamente diagnosticada como um infarto do miocárdio, e vice-versa.

O sinal clássico da pericardite é um atrito de fricção pericárdica ouvido abaixo do esterno. Outros sinais incluem elevação-ST e depressão-PR no eletrocardiograma.

Patofisiologia[editar | editar código-fonte]

Causas[editar | editar código-fonte]

Tratamento[editar | editar código-fonte]

O tratamento da pericardite viral faz-se através da administração de drogas anti-inflamatórias não esteróides. Os casos mais graves podem necessitar de:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.