Antônio Teixeira de Sousa Magalhães

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Antônio Teixeira de Sousa Magalhães
Nascimento 1858
Morte 1915 (57 anos)
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Política

Antônio Teixeira de Sousa Magalhães, segundo barão de Camargos, (18581915) foi um político brasileiro.

Filho do barão de Camargos, Manuel Teixeira de Sousa, e de Maria Leonor Magalhães Musqueira, viscondessa de Camargos. Formou-se em medicina no Rio de Janeiro, e exerceu-a em Mariana. Seu pai, principal líder político conservador da província de Minas Gerais durante o império, introduziu-o na política.

Foi presidente da província de Minas Gerais por quatro vezes, em caráter interino.

Casou-se com Maria Angelina Bawden, filha do minerador inglês Thomas Bawden, que em 1859 adquirira a Mina de Ouro da Passagem de Mariana dos herdeiros do barão de Eschwege. Tiveram doze filhos.


Precedido por
Francisco de Faria Lemos
Presidente da Província de Minas Gerais
1889
Sucedido por
Carlos Augusto de Oliveira Figueiredo
Precedido por
Carlos Augusto de Oliveira Figueiredo
Presidente da Província de Minas Gerais
1889
Sucedido por
Luís Eugênio Horta Barbosa
Precedido por
Luís Eugênio Horta Barbosa
Presidente da Província de Minas Gerais
1889
Sucedido por
Antônio Gonçalves Ferreira
Precedido por
Antônio Gonçalves Ferreira
Presidente da Província de Minas Gerais
1889
Sucedido por
João Batista dos Santos


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.