Carlos Carneiro de Campos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos Carneiro de Campos
Nascimento 1 de novembro de 1805
Salvador
Morte 28 de abril de 1878 (72 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Política

Carlos Carneiro de Campos, 3.º visconde com grandeza de Caravelas, (Salvador, 1 de novembro de 1805Rio de Janeiro, 28 de abril de 1878), foi um político brasileiro.

Foi diretor do Banco do Brasil, conselheiro de Estado, ministro da Fazenda (de 31 de agosto de 1864 a 12 de maio de 1865), deputado provincial e geral, presidente de província e senador do Império do Brasil de 1857 a 1860.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Manuel Machado Nunes
Presidente da Província de Minas Gerais
1842
Sucedido por
Herculano Ferreira Pena
Precedido por
Joaquim Otávio Nébias
Presidente da Província de São Paulo
1852 — 1853
Sucedido por
Josino do Nascimento Silva
Precedido por
Joaquim Delfino Ribeiro da Luz
Presidente da Província de Minas Gerais
1857 — 1860
Sucedido por
Manuel Teixeira de Sousa
Precedido por
Benevenuto Augusto Magalhães Taques
Ministro das Relações Exteriores do Brasil
1862
Sucedido por
Miguel Calmon du Pin e Almeida
Precedido por
João Pedro Dias Vieira
Ministro das Relações Exteriores do Brasil
1864
Sucedido por
João Pedro Dias Vieira
Precedido por
José Pedro Dias de Carvalho
Ministro da Fazenda do Brasil
1864 — 1865
Sucedido por
José Pedro Dias de Carvalho
Precedido por
Manuel Francisco Correia
Ministro das Relações Exteriores do Brasil
1873 — 1875
Sucedido por
João Maurício Wanderley


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.