José Manuel da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
José Manuel da Silva
Dados pessoais
Nascimento 1793
Santo Amaro
Morte 27 de março de 1877 (84 anos)
São Paulo
Nacionalidade Império do Brasil Império do Brasil Brasileiro
Partido Partido Conservador
Ocupação Político

José Manuel da Silva, primeiro e único barão do Tietê, (Santo Amaro, 1793São Paulo, 27 de março de 1877) foi um político brasileiro. Pai do senador do Império do Brasil, Rodrigo Augusto da Silva, primo e cunhado de Benedito Antonio da Silva.

Foi deputado geral e presidente interino da Província de São Paulo três vezes, de 19 de setembro a 30 de setembro de 1852, de 29 de julho a 10 de agosto de 1868, e de 29 de abril a 30 de maio de 1871, além de presidente da Caixa Econômica de São Paulo em 1876.

Está sepultado no Cemitério da Consolação, em São Paulo. Seu túmulo, um dos primeiros do cemitério, estava abandonado, procedendo os seus descendentes a uma reforma do mesmo em 2014.


Precedido por
Hipólito José Soares de Sousa
Presidente da província de São Paulo
1852
Sucedido por
Joaquim Otávio Nébias
Precedido por
Joaquim Floriano de Toledo
Presidente da província de São Paulo
1868
Sucedido por
José Elias Pacheco Jordão
Precedido por
Vicente Pires da Mota
Presidente da província de São Paulo
1871
Sucedido por
José Fernandes da Costa Pereira Júnior


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.