Auriflama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Auriflama
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Auriflama
Bandeira
Brasão de armas de Auriflama
[[Brasão|Brasão de armas]]
Hino
Lema Ex concordia felicitas
"A felicidade vem da harmonia"
Apelido(s) "Capital Regional da Lingerie

"Vila Áurea"

Gentílico auriflamense
Localização
Localização de Auriflama em São Paulo
Localização de Auriflama em São Paulo
Auriflama está localizado em: Brasil
Auriflama
Localização de Auriflama no Brasil
Mapa de Auriflama
Coordenadas 20° 41' 09" S 50° 33' 18" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Municípios limítrofes Palmeira d'Oeste, Dirce Reis, Pontalinda, General Salgado, Santo Antônio do Aracanguá e Guzolândia
Distância até a capital 569 km
História
Fundação 20 de novembro de 1937 (82 anos)
Emancipação 30 de dezembro de 1953
Aniversário 20 de novembro
Administração
Prefeito(a) Otávio Henrique Ortunho Wedekin (PSDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 434 km²
População total (estimativa IBGE/2018[2]) 15 123 hab.
Densidade 34,85 hab./km²
Clima tropical (Aw)
Altitude 482 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000[3]) 0,787 alto
PIB (IBGE/2009[4]) R$ 177 046 mil
PIB per capita (IBGE/2009[4]) R$ 12 323,94
Outras informações
Padroeiro(a) Nossa Senhora da Conceição Aparecida
http://www.auriflama.sp.gov.br (Prefeitura)

Auriflama é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 20º41'08" sul e a uma longitude 50º33'17" oeste, estando a uma altitude de 482 metros. O município possui uma população estimada em 15 123[2] habitantes, conforme dados do IBGE de 2018. Sua área é de 434 km².

História[editar | editar código-fonte]

Por volta de 1935, o sertanista João Pacheco de Lima iniciou as primeiras picadas para formação do povoado nas terras que ficaram conhecidas por Vila Pacheco. Dois anos depois, um pequeno número de habitantes levantou um cruzeiro, e o Padre Agostinho dos Santos Pereira celebrou a primeira missa na povoação, que passou a se denominar Áurea, mais tarde Auriflama, em homenagem à filha do fundador.

As férteis terras de Auriflama atraíram muitas famílias, destacando-se as de Joaquim Graciano de Paiva, e os irmãos Valdevino Nery dos Reis, José Joaquim Nery e Antônio Joaquim Nery (que mais tarde mudou-se para Andradina, de lá para Planalto e finalmente em São Paulo), Osório Messias de Almeida e Filadelfo Rodrigues de Souza, entre outros, que auxiliaram na definitiva implantação da comunidade.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do IBGE - 2010[1]

População Total: 14.202

  • Urbana: 12.948
  • Rural: 1.254
  • Homens: 7.187
  • Mulheres: 7.015

Densidade demográfica (hab./km²): 32,72

Taxa de Alfabetização: 92,6%[5]

Dados do IBGE - 2000

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 14,28

Expectativa de vida (anos): 72,09

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 1,96

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,787

  • IDH-M Renda: 0,734
  • IDH-M Longevidade: 0,785
  • IDH-M Educação: 0,842

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

  • SP-310 - Rodovia Feliciano Salles Cunha
  • SP-463 - Rodovia Elyeser Montenegro Magalhães

Órgãos políticos[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de prefeitos de Auriflama
Ver artigo principal: Câmara Municipal de Auriflama

Telecomunicações[editar | editar código-fonte]

A cidade era atendida pela Companhia de Telecomunicações do Estado de São Paulo (COTESP), que construiu em 1974 a central telefônica que é utilizada até os dias atuais. Em 1975 passou a ser atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[6], até que em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica. Em 2012 a empresa adotou a marca Vivo para suas operações de telefonia fixa[7][8][9][10].

Referências

  1. a b «Censo Populacional 2010 - IBGE» (PDF). IBGE.gov.br. Consultado em 30 de agosto de 2011 
  2. a b «Estimativa populacional 2018 IBGE». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de agosto de 2018. Consultado em 9 de setembro de 2018 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 21 dez. 2011 
  5. «Taxa de Alfabetização 2010» (zip). Censo 2010 IBGE: Indicadores Sociais Municipais. IBGE.gov.br. Consultado em 23 de janeiro de 2012 
  6. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  7. «Telesp vai servir mais 86 cidades do estado». Acervo Folha de S.Paulo 
  8. «Patrimônio da COTESP incorporado pela TELESP» (PDF). Diário Oficial do Estado de São Paulo 
  9. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  10. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.