Dirty Diana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Dirty Diana"
Single de Michael Jackson
do álbum Bad
Lançamento 18 de abril de 1988 (1988-04-18)
Formato(s) CD single
Gravação 1987
Gênero(s) Hard rock, pop rock
Duração 4:40 (Versão single)
4:52 (Versão do álbum)
Gravadora(s) Epic
Composição Michael Jackson
Produção Michael Jackson, Quincy Jones
Cronologia de singles de Michael Jackson
"Man in the Mirror"
(1988)
"Another Part of Me"
(1989)

"Dirty Diana" é uma canção do cantor Michael Jackson, gravada para o seu sétimo álbum de estúdio, Bad, lançado em 31 de agosto de 1987. A canção ficou em 1º lugar na Billboard.[1]

Música[editar | editar código-fonte]

Michael contratou o renomeado guitarrista Steve Stevens para tocar nessa canção. Muito se especulou que Michael se referia a Diana Ross ou até mesmo a Princesa Diana.[2] Entretanto, durante uma entrevista divulgada na edição especial de Bad em 2001, Quincy Jones revelou que a Diana da música era na verdade a personificação das fãs que não deixam Michael em paz.[3] Durante a metade dos concertos da Bad World Tour a princesa Diana foi assistir a um show de Jackson, mas antes do show a princesa perguntou para Michael se ele ia cantar "Dirty Diana". Jackson respondeu que não porque temia que ela se sentisse ofendida. No entanto ela alegou que adorava a música e que jamais se sentiria ofendida, sendo ele um artista multitalentoso. Entretanto, a canção não foi reintegrada à turnê.[4]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O videoclipe de "Dirty Diana" nada mais é que uma simulação de performance ao vivo da música em 1988. No vídeo também há cenas de uma mulher caminhando, posteriormente revelou ser a modelo Lisa Dean.

Atuações ao vivo[editar | editar código-fonte]

"Dirty Diana" foi interpretado nos concertos da digressão Bad World Tour desde 1988.[5]

Covers[editar | editar código-fonte]

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

Lançamento original[editar | editar código-fonte]

  1. "Dirty Diana" – 4:40
  2. "Dirty Diana" (Instrumental) – 4:40

Single Visionary[editar | editar código-fonte]

Lado CD
  1. "Dirty Diana" - 4:40
  2. "Dirty Diana" (Instrumental) – 4:40
Lado DVD
  1. "Dirty Diana" (Vídeo musical)

Misturas[editar | editar código-fonte]

  1. Versão do álbum - 4:52
  2. Versão do single - 4:40
    • Esta versão substitui a original no lançamento do álbum.
  3. Instrumental - 4:40

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Parada musical (1988) Melhor
posição[6]
 Austrália - Australian Singles Chart 27
 Áustria - Austrian Singles Chart 5
 Bélgica - Belgium Singles Chart 1
 Canadá - Canadian Singles Chart 7
 Dinamarca - Danish Singles Chart 3
 Países Baixos - Dutch Singles Chart 2
União Europeia Europa - Eurochart Hot 100 Singles 1
 França - French Singles Chart 9
 Alemanha - German Singles Chart 3
 Irlanda - Irish Singles Chart 3
 Israel - Israeli Singles Chart 1
 Itália - Italian Singles Chart 6
 Nova Zelândia - New Zealand RIANZ Singles Chart 5
Suíça - Swiss Singles Chart 3
 Reino Unido - UK Singles Chart 4
 Estados Unidos - Billboard Hot 100 1
Parada musical (2009) Melhor
posição
 Áustria - Austrian Singles Chart 22
 Dinamarca - Danish Singles Chart 5
 Alemanha - German Singles Chart 22
 Irlanda - Irish Singles Chart 27
 Noruega - Norwegian Singles Chart 17
 Suécia - Swedish Singles Chart 29
Suíça - Swiss Singles Chart 13[7]
 Reino Unido - UK Singles Chart 26

Precessão e sucessão[editar | editar código-fonte]

Precedido por
"Foolish Beat" por Debbie Gibson
Billboard Hot 100
2 de Julho de 1988
Sucedido por
"The Flame" por Cheap Trick

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Escrito, composto, vocais, arranjos vocais e instrumentais por Michael Jackson
  • Produzido por Michael Jackson e Quincy Jones
  • Arranjos rítmicos por Michael Jackson, John Barnes e Jerry Hey
  • Arranjos de sintetizadores por Michael Jackson, Quincy Jones e John Barnes
  • Arranjos de corda por John Barnes
  • Solo de guitarra por Steve Stevens, conhecido por ser parceiro do cantor Billy Idol em seus discos solo.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um single é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.