Empresa Baiana de Alimentos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2016). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Empresa Baiana de Alimentos

Lojas da Cesta do Povo depois (esq.) e antes (dir.) da crise.
Tipo Estatal
Fundação 1980 (37 anos)
Área(s) servida(s) Bahia
Proprietário(s) Estado da Bahia
Subsidiárias Cesta do Povo
Central de Abastecimento da Bahia
Mercado do Ogunjá
Mercado de Paripe
Mercado do Rio Vermelho
Mercado da Sete Portas
Mercado do Produtor de Jaguaquara
Website oficial http://www.ebal.ba.gov.br

A Empresa Baiana de Alimentos é uma empresa estatal do Estado da Bahia, vinculada à Secretaria de Indústria, Comércio e Mineração do Estado da Bahia (SICM). Seu foco é subsidiar os principais produtos da cesta básica para tornar acessível à população de baixa renda[1]. Para isso, sua estrutura é composta pelos supermercados da Cesta do Povo, centros de distribuição e abastecimento, frigoríficos, mercados e fábrica de processamento de alimentos.[1]

A EBAL foi criada em 1980[2]. A empresa vem se restruturando de uma grande crise financeira provocada pela gestão anterior.[3]

Devido ao seu faturamento superior a R$ 600 mi, foi a 80ª maior varejista do Brasil em 2011[4]. Segundo publicação de 2012, é líder estadual de mercado, terceira no Nordeste brasileiro e 29ª em todo o Brasil, dentre 500 listadas[5].

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Bahia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.