Ernesto Viso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Pessela "Ernesto Pessela Sachipuco (Luanda, 06 de Junho de 1995) é um Informático Angolano.

Ele formou se na [Universidade José Eduardo dos Santo[ 2012]]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

nascido em Caracas, Viso passou seu começo de carreira na Europa e na America.Ele estudou na Rolling Hills Preparatory School, na Califórnia. A carreira de Viso começou em karting em 1993, onde permaneceu até 2001, quando passou para a Barber Pro Series, tornando-se campeão com confiança. Ele também correu no Campeonato Italiano de Fórmula Renault de inverno em 1993, passando para Fórmula Renault britânica em 2002. Em 2002, ele também participou de uma corrida da Fórmula Renault 2.0 Eurocup , e no final do ano na Fórmula 3 britânica de inverno.

Em 2003 passou para a Fórmula 3 britânica, onde ele competiu na Classe B e sagrou-se campeão depois de uma colisão controversa com seu principal rival durante a corrida final da temporada. Ele então passou para a classe principal em 2004, competindo parte da temporada pela equipe de P1, suas performances atrairam a atenção da equipe Durango F3000 que o contratou para o restante da temporada.

GP2[editar | editar código-fonte]

Em 2005, ele correu na temporada inaugural da GP2 Series pela equipe BCN Competicion, ao lado de Hiroki Yoshimoto. Em 2006, novamente ele correu na GP2 Series pela equipe iSport . Ele ganhou a corrida de San Marino e o GP da Espanha . Ele também pilotou o terceiro carro da Spyker MF1 Team nas sessões de treinos de sexta-feira do Grande Prêmio do Brasil [1]

Antes do grande premio da França de 2007, foi confirmado que Ernesto Viso substituiria Sérgio Jimenez, devido ao baixo desempenho desse último na Racing Engineering.[2] sua corrida terminou na primeira volta, após uma terrivel batida com Michael Ammermüller e Kazuki Nakajima. Na colisão, seu carro capotou sobre as barreiras da pista com uma velocidade imensa, despedaçando uma placa publicitária e por pouco não acertando uma ponte (por sorte, a batida na placa salvou-o de bater na ponte e sofrer lesões provavelmente bem mais graves), deixando-o apenas com uma concussão grave e dolorosa no braço. Esse acidente foi muito similar ao do piloto Marco Campos ocorrido na mesma pista em 1995, e que levou Campos à morte.Campos morreu por conta de um traumatismo craniano grave depois de bater a cabeça na barreira de concreto. Viso ficou a alguns centímetros de sofrer o mesmo destino. Na rodada britânica, ele foi substituído por Filipe Albuquerque.[3] Viso participou da corrida seguinte, mas foi depois substituido por Marcos Martinez.

IndyCar Series[editar | editar código-fonte]

Viso competiu na recém-unificada IndyCar Series na temporada de 2008 pela HVM Racing. Ele fez sua primeira corrida da competição na primeira corrida oval de sua carreira, em 29 de março. Em sua segunda corrida, em São Petersburgo, teve um excelente desempenho, terminando no quarto lugar. Em Milwaukee, ele terminou a corrida em oitavo lugar. Logo após a corrida de Watkins Glen (na qual ele terminou em décimo lugar, mas forçou Vitor Meira a sair da pista, fazendo Meira entrar de volta na pista para enfrentar Viso na volta seguinte). ele foi diagnosticado com Caxumba, sendo forçado a não competir na corrida seguinte.[4] Viso terminou a temporada de 2008 na 18° posição geral da competição, assinando um contrato para pilotar pela HVM em 2009 , em 21 de fevereiro de 2010, a KV Racing confirmou que Viso iria pilotar o carro N° 8 da equipe por toda temporada de 2010 .

Para a Temporada da IndyCarde 2011, Viso permaneceu na KV Racing. Nessa temporada, ele mostrou jogadas de velocidade, principalmente no Brasil, onde ele disputava a vitória. Ele permaneceu como um dos pilotos mais propensos a acidentes em série, o que levou a perguntas sobre seu lugar em 2012.[carece de fontes?] Viso terminou em 18° lugar na temporada da IZOD IndyCar Series com a força de 4 corridas entre os 10 primeiros colocados, com sua melhor colocação sendo um sétimo lugar na segunda corrida da temporada, no Texas.[5]

Em 2013 Viso continuou na IndyCar Series pela equipe Andretti Autosport,[6] no carro N° 5 patrocinado pela companhia petrolífera PDVSA, conseguindo um excelente 4° lugar em Milwaukee e terminando a temporada na 15° da competição. Antes do final da temporada em Fontana, Viso foi substituído na última hora por Carlos Munoz, alegando estar doente e não poder viajar. Sua ausencia repentina tornou-se curiosa, no entanto, por delarações feitas por ele durante a semana[7] após o surgimento de uma investigação na Venezuela, alegando que vários pilotos venezuelanos que participam de várias corridas teriam cometido fraudes e eram envolvidos no comércio ilegal de moeda. Viso postou uma carta em sua conta no Twitter, na qual ele declarava o seu apoio ao governo venezuelano e declarou apoio a qualquer investigação.

A partir de março de 2014, Viso nao se dedicava mais em tempo integral às corridas da IndyCar Series.

Stadium Super Trucks[editar | editar código-fonte]

Em 2014, Viso estreou na temporada da Stadium Super Trucks na etapa de Long Beach, California terminando em 2° lugar após uma ultima disputa lado-a-lado com o fundador da etapa, Robby Gordon. Em 30 de maio desse mesmo ano, Viso conseguiu sua primeira vitória em uma SST naquela que foi apenas sua segunda aparição na etapa de Belle Isle, onde terminou em primeiro lugar, na frente de Robby Gordon após uma última e agitada disputa lado-a-lado. Viso também conquistou sua segunda vitória um dia depois ,vencendo o piloto de 16 anos Scotty Steele. Viso levou todos os três eventos de 1 de junho em Detroit, [8] e venceu a corrida em Coronado. O venezuelano terminou em 5° lugar na classificação final da temporada.

Estátisticas[editar | editar código-fonte]

Tabela completa de resultados na Fórmula 3000 Internacional[editar | editar código-fonte]

(corridas em negrito indicam pole position; corridas em italico indicam volta mais rápida.)

Ano Participante 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 DC Pontos
2004 Durango Corse IMO CAT MON NUR MAG
8
SIL
11
HOC
7
HUN
6
SPA
10
MNZ
8
12° 7

Tabela completa de resultados na GP2 Series[editar | editar código-fonte]

(corridas em negrito indicam pole position; corridas em italico indicam volta mais rápida.)

Ano Participantes 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 DC Pontos
2005 Ocean Racing Technology SMR
FEA

10
SMR
SPR

DNS
ESP
FEA

Ret
ESP
SPR

Ret
MON
FEA

DSQ
EUR
FEA

Ret
EUR
SPR

11
FRA
FEA

11
FRA
SPR

8
GBR
FEA

15
GBR
SPR

13
GER
FEA

DSQ
GER
SPR

12
HUN
FEA

6
HUN
SPR

Ret
TUR
FEA

14
TUR
SPR

12
ITA
FEA

Ret
ITA
SPR

Ret
BEL
FEA

2
BEL
SPR

3
BHR
FEA

8
BHR
SPR

2
11° 21
2006 iSport International VAL
FEA

8
VAL
SPR

2
SMR
FEA

6
SMR
SPR

1
EUR
FEA

6
EUR
SPR

11
ESP
FEA

8
ESP
SPR

1
MON
FEA

Ret
GBR
FEA

Ret
GBR
SPR

8
FRA
FEA

10
FRA
SPR

Ret
GER
FEA

5
GER
SPR

4
HUN
FEA

4
HUN
SPR

4
TUR
FEA

Ret
TUR
SPR

13
ITA
FEA

Ret
ITA
SPR

10
42
2007 Racing Engineering BHR
FEA
BHR
SPR
ESP
FEA
ESP
SPR
MON
FEA
FRA
FEA

Ret
FRA
SPR

DNS
GBR
FEA
GBR
SPR
EUR
FEA

14
EUR
SPR

8
HUN
FEA
HUN
SPR
TUR
FEA
TUR
SPR
ITA
FEA
ITA
SPR
BEL
FEA
BEL
SPR
VAL
FEA
VAL
SPR
29° 0

Tabela completa de estatisticas na fórmula 1[editar | editar código-fonte]

Ano Participantes Carro Motor 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 WDC Pontos
2006 Spyker MF1 Team Midland M16 Toyota V8 BHR MAL AUS SMR EUR ESP MON GBR CAN USA FRA ALE HUN TUR ITA CHN JPN BRA
TD
 –  –

Resultados em corridas americanas de monopostos[editar | editar código-fonte]

IndyCar Series[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe Carro Motor 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 Rank Pontos
2008 HVM Racing Dallara Honda HMS
17
STP
4
MOT1
DNP
KAN
14
INDI
26
MIL
8
TXS
14
IOW
13
RIR
10
WGL
10
NSH3
Wth
MDO
22
EDM
15
KTY
13
SNM
6
DET
24
CHI
23
SRF2
6
18th 286
Panoz DP01 Cosworth XFE LBH1
9
2009 Dallara Honda STP
17
LBH
23
KAN
21
INDI
24
MIL
18
TXS
24
IOW
20
RIR
12
WGL
7
TOR
13
EDM
12
KTY
15
MDO
15
SNM
22
CHI
17
MOT
15
HMS
16
18° 248
2010 KV Racing Technology SAO
12
STP
17
ALA
16
LBH
15
KAN
27
INDI
25
TXS
11
IOW
3
WGL
11
TOR
19
EDM
8
MDO
26
SNM
19
CHI
27
KTY
26
MOT
15
HMS
19
17th 262
2011 STP
19
ALA
23
LBH
25
SAO
13
INDI
32
TXS
7
TXS
10
MIL
20
IOW
17
TOR
9
EDM
20
MDO
15
NHM
12
SNM
9
BAL
15
MOT
21
KTY
23
LVS4
C
18° 241
1 Feita no mesmo dia.
2 Sem pontos em jogo, corrida. de exibição
3 Retirado da corrida após contrato mumps
4 A Las Vegas Indy 300 foi cancelada apósDan Wheldon morrer devido aos ferimentos a sofridos durante uma batida de 15 carros na volta 11.
5 Não participou da corrida devido a ter ficado doente após comer ostras estragadas. Substituido por Carlos Muñoz.
Anos Equipes Corridas Poles Vitórias Podios
(Sem vitória)
Top 10
(Sem podio)
Indianapolis 500
vitórias
Campeonatos
6 3 99 0 0 1 23 0 0

Indianapolis 500[editar | editar código-fonte]

Ano Carro Motor Largada Final Equipe
2008 Dallara Honda 26 26 HVM Racing
2009 Dallara Honda 29 24 HVM Racing
2010 Dallara Honda 19 25 KV Racing Technology
2011 Dallara Honda 18 32 KV Racing Technology
2012 Dallara Chevrolet 9 18 KV Racing Technology
2013 Dallara Chevrolet 4 18 Andretti Autosport/ HVM Racing

Referências

  1. «Viso and Spyker MF1» (em inglês). Grandprix.com. Consultado em 15/01/2007.  Texto " data 18/09/2006" ignorado (Ajuda)
  2. «Viso stapt in bij Racing Engineering» (em inglês). GPUpdate.net. 28 de junho de 2007. Consultado em 30 de janeiro de 2011. 
  3. «Silverstone: Racing Engineering preview» (em inglês). flagworld.auto123.com. 4 de julho de 2007. Consultado em 04/07/2007. 
  4. «IndyCar rookie Viso sidelined by case of mumps» (em inglês). Associated Press via USA Today. 07/09/2008. Consultado em 27/12/2015. 
  5. «E.J. Viso - 2011 IndyCar Series Race Results & Event» (em inglês). Motor Drivers-Fox Sports. Consultado em 27/12/2015. 
  6. «Ernesto José Viso firma con Andretti Autosport de Indycar» (em espanhol). Informador. 08/02/2013. Consultado em 09/02/2013. 
  7. «Venezuela investigates sports stars in big currency scam» (em inglês). Reuters. 18/10/2013. Consultado em 27/12/2015. 
  8. Chengelis, Angelique (01/06/ 2014). «E.J. Viso sweeps all three races on Belle Isle» (em inglês). The Detroit News. Consultado em 01/06/2014. 
Auto Racing Chequered.svg Este artigo sobre um(a) automobilista, integrado ao Projeto Automobilismo, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.