Geraldo Althoff

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Geraldo Althoff
Senador por Santa Catarina
Período 23 de outubro de 1998
31 de dezembro de 2003
Vereador na Câmara Municipal
de Bandeira.tubarão.jpg Tubarão
Período 1 de janeiro de 1988 a 31 de dezembro de 1992
Dados pessoais
Nome completo Geraldo Cesar Althoff
Nascimento 16 de junho de 1947 (72 anos)
Tubarão, SC
Nacionalidade brasileiro
Progenitores Mãe: Sandra Kehring
Pai: Nélson Arnold Althoff
Alma mater Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Esposa Fátima Maria de Castro
Filhos 3 Filhos
Partido PSD
Profissão Médico, político

Geraldo Cesar Althoff (Tubarão, 16 de junho de 1947) é um médico e político brasileiro.[1][2]

Filho de Nélson Arnold Althoff e Sandra Kehring Althoff. Casou com Fátima Maria de Castro Althoff, com quem teve três filhos. Seu sobrinho, Rodrigo Althoff Medeiros, foi vice-prefeito de Tubarão.

Graduado em medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Filiou-se ao Partido da Frente Liberal (PFL) em 1987. Foi eleito no ano seguinte vereador de Tubarão, cargo que exerceu até 1992. Em 1994 foi eleito primeiro suplente ao senado na chapa encabeçada por Vilson Kleinübing, eleito e empossado em fevereiro de 1995. Tendo Kleinübing morrido em 23 de outubro de 1998, Geraldo Althoff assumiu a vaga de senador, permanecendo no cargo até o final da legislatura em janeiro de 2003.

Foi eleito para o senado na eleição de 2018, como 1º suplente de Esperidião Amin.[3]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]