Antônio Carlos Konder Reis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Antônio Carlos Konder Reis
Antônio Carlos Konder Reis em um evento de 2010
Governador de Santa Catarina
Período 15 de março de 1975
a 15 de março de 1979
Vice-governador Marcos Henrique Büechler
Antecessor(a) Colombo Machado Salles
Sucessor(a) Jorge Bornhausen
Período 6 de abril de 1994
a 1 de janeiro de 1995
Antecessor(a) Vilson Pedro Kleinübing
Sucessor(a) Paulo Afonso Evangelista Vieira
Vice-governador de Santa Catarina
Período 15 de março de 1991
a 6 de abril de 1994
Governador Vilson Pedro Kleinübing
Antecessor(a) Casildo João Maldaner
Sucessor(a) José Augusto Hülse
Senador por Santa Catarina
Período 1 de fevereiro de 1963
a 14 de março de 1975
Deputado federal por Santa Catarina
Período 1 de fevereiro de 1955
a 31 de janeiro de 1963
Período 1 de fevereiro de 1987
a 31 de janeiro de 1991
Período 1 de fevereiro de 1999
a 31 de janeiro de 2003
Deputado estadual de Santa Catarina
Período 1947
a 1955
Dados pessoais
Nascimento 16 de dezembro de 1924
Itajaí, SC
Morte 12 de junho de 2018 (93 anos)
Itajaí, SC
Nacionalidade brasileiro
Progenitores Mãe: Elisabeth Konder Reis
Pai: Oswaldo dos Reis
Alma mater Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
Primeira-dama Maria Pompéia Konder Reis Malburg (irmã do governador)
Profissão advogado e político

Antônio Carlos Konder Reis (Itajaí, 16 de dezembro de 1924Itajaí, 12 de junho de 2018[1]) foi um político brasileiro.

Vida[editar | editar código-fonte]

Oriundo de uma família de políticos, filho de Oswaldo dos Reis e Elisabeth Konder Reis, irmão do poeta Marcos Konder Reis e sobrinho de Adolfo Konder, Arno Konder, Vítor Konder e Marcos Konder. Ele e Lauro Müller são os itajaienses que mais serviram em cargos públicos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Antônio Carlos Konder Reis, em 1975.

Participou, em 1946, do Congresso Nacional dos Estudantes, sendo eleito secretário de intercâmbio da UNE.

Foi deputado à Assembleia Legislativa de Santa Catarina na 1ª legislatura (1947 — 1951) e na 2ª legislatura (1951 — 1955), eleito pela União Democrática Nacional (UDN).

Foi deputado à Câmara dos Deputados por Santa Catarina na 40ª legislatura (1955 — 1959) e na 51ª legislatura (1999 — 2003), senador (1963 — 1975), vice-governador (1991 — 1995) e governador biônico de Santa Catarina (1975 — 1979). Em 1979 foi sucedido pelo seu primo Jorge Bornhausen no governo de Santa Catarina. Durante o período como governador, sua irmã Maria Pompéia Konder Reis Malburg cumpria os ritos necessários como primeira-dama, pois Konder Reis era solteiro.[2]

Foi membro da Academia Catarinense de Letras, empossado na cadeira 22 em 30 de março de 1983.

Residia nos últimos anos na praia da Armação do Itapocorói, no balneário de Penha.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Adolpho Konder. Florianópolis: Secom, 1984.
  • Em defesa da colonização alemã. Fpolis: Catarinense, 1949.
  • Missão na ONU. Brasília: Imprensa Nacional, 1964.
  • Missão em Nova Delhi. Brasília: G. Senado, 1968.
  • Problemas da pesca. 1971.
  • A propósito dos rumos do desenvolvimento brasileiro. 1971.
  • Abertura e desenvolvimento político. Brasília: Senado, 1972.
  • O imposto de vendas e consignações. 1948.
  • O papado através da história. 1950.
  • Relatório sobre o projeto de Constituição do Brasil. 1967.
  • Encurtando distâncias 1. Florianópolis: IOESC, 1977.
  • Encurtando distâncias 2. Florianópolis: IOESC, 1977.
  • Encurtando Distâncias 3. Florianópolis: IOESC, 1979.
  • Encurtando Distâncias 4. Florianópolis: IOESC, 1979.
  • ONU – 1972. Brasília: Senado, 1973.
  • Discurso na posse de Antonio Carlos Konder Reis na Academia Catarinense de Letras. Florianópolis: ACL, 1983. (com Silveira Júnior)

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • VÁRIOS. Antônio Carlos Konder Reis: 50 anos de vida pública. Itajaí: Oficina da Palavra, 1997.
  • PIAZZA, Walter. Dicionário Político Catarinense. Florianópolis : Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1985.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Colombo Machado Salles
Governador de Santa Catarina
1975—1979
Sucedido por
Jorge Bornhausen
Precedido por
Vilson Kleinübing
Governador de Santa Catarina
1994—1995
Sucedido por
Paulo Afonso
Precedido por
Luís Gallotti
Logo academia.gif ACL - cadeira 22
1983—2018
Sucedido por
VAGA



Ícone de esboço Este artigo sobre políticos ou política de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.