Jonas de Oliveira Ramos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jonas de Oliveira Ramos
Nascimento 11 de setembro de 1895
Lages
Morte 6 de junho de 1923 (27 anos)
Paty do Alferes
Nacionalidade Brasileiro
Progenitores Mãe: Teresa Fiuza Ramos
Pai: Vidal Ramos
Alma mater Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Ocupação Médico

Jonas de Oliveira Ramos (Lages, 11 de setembro de 1895Paty do Alferes, 6 de junho de 1923) foi um médico brasileiro.

Vida[editar | editar código-fonte]

Foi o sexto dentre os 14 filhos do ex-senador Vidal Ramos e Teresa Fiuza Ramos. Alguns de seus irmão foram o ex-governador de Santa Catarina, Celso Ramos, o ex-prefeito de Florianópolis, Mauro Ramos, e o ex-presidente do Brasil, Nereu Ramos.

Fez o curso primário em Lages e o ginasial no Colégio Catarinense de Florianópolis.[1] Diplomou-se em 1917 pela Faculdade de Medicina da Universidade do Brasil, no Rio de Janeiro.[1]

Era possuidor de uma das maiores bibliotecas particulares de Santa Catarina; após sua morte, parte dela foi doada à Colônia Santana.[1]

É patrono da cadeira 22 da Academia Catarinense de Letras.

Reconhecimento na cultura[editar | editar código-fonte]

Em sua homenagem foi construído em Lages, no centro da cidade, o Parque Jonas Ramos e, em Caçador, um hospital leva seu nome.[1]

Referências

  1. a b c d Jonas de Oliveira Ramos Acessado em 7 de abril de 2017


Precedido por
Logo academia.gif ACL - patrono da cadeira 22
Sucedido por
Nereu Ramos
(fundador)


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.