Silveira Lenzi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Silveira Lenzi
Nascimento 11 de maio de 1935
Lages,
Santa Catarina,
Brasil
Morte 26 de novembro de 2014 (79 anos)
Florianópolis,
Santa Catarina,
Brasil
Nacionalidade brasileira
Cônjuge Zuleika Lenzi
Ocupação desembargador, jornalista e escritor
Causa da morte complicações pulmonares [1]

Carlos Alberto Silveira Lenzi (Lages, 11 de maio de 1935Florianópolis, 26 de novembro de 2014) foi um jurista, jornalista e escritor brasileiro.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Bacharelou-se em direito pela Faculdade de Direito em 1961. [2]

Foi presidente (1983 - 1985) e conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC). [1][2]

Ingressou no Tribunal de Justiça de Santa Catarina em 3 de fevereiro de 1997 e se aposentou em 11 de maio de 2005. [1]

Foi fundador da cadeira 14 na Academia Catarinense de Letras, cuja patrono é Gustavo de Lacerda. Após o falecimento de Nereu Correia, em 1992, Carlos Lenzi permaneceu como o último dos fundadores da ACL em exercício.

Integrou o Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina.

Faleceu em 26 de novembro de 2014 em Florianópolis. [3]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Partidos e Políticos de Santa Catarina. Florianópolis: Editora da UFSC (1983)
  • Código do Consumidor comentado (1991)
  • Celso Ramos: um perfil político. Florianópolis: Ed. Terceiro Milênio (1997)
  • Manual de Comunicação Judiciário & Imprensa (1998)
  • Judiciário & Imprensa – Manual de comunicação (2008)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Gustavo de Lacerda
(patrono)
Logo academia.gif ACL - fundador da cadeira 14
1966 — 2014
Sucedido por


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.