Henrique da Dinamarca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Henrique
Conde de Monpezat
O príncipe Henrique em 2016.
Nascimento 4 de maio de 2009 (13 anos)
  Rigshospitalet, Copenhague, Dinamarca
Nome completo Henrique Carlos Joaquim Alan
Casa Eslésvico-Holsácia-
Sonderburgo-Glucksburgo
Pai Joaquim da Dinamarca
Mãe Maria Cavallier
Religião Igreja Nacional da Dinamarca

Henrique, Conde de Monpezat (Copenhague, 4 de maio de 2009), é o primeiro filho do príncipe Joaquim da Dinamarca com sua segunda esposa, Maria Cavallier. É neto da Rainha Margarida II da Dinamarca e ocupa o nono lugar na linha de sucessão ao trono dinamarquês. [1] [2]

Henrique possui dois meio-irmãos mais velhos, Nicolau e Félix, frutos do primeiro casamento de seu pai, e uma irmã mais nova, Atena.

Desde 2019 vive com os pais e a irmã em Paris. [1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascimento e batismo[editar | editar código-fonte]

Henrique Carlos Joaquim Alan (em dinamarquês: Henrik Carl Joachim Alain) nasceu às 04:57am do dia 4 de maio de 2009, no Rigshospitalet (Hospital Universitário de Copenhaga). Na ocasião, pesava 3,032kg e media 49cm. [1]

Tal como aconteceu com os seus irmãos e primos, o seu nome não foi revelado até o seu batismo, que teve lugar em 26 de julho de 2009, na Igreja de Møgeltønder, onde o seu irmão mais velho, Félix, também foi batizado. Seu primeiro nome, Henrique, é uma homenagem a seu avô paterno, o Príncipe Consorte Henrique da Dinamarca. [3]

Ele teve como padrinhos a Princesa Herdeira Maria, esposa de seu tio Príncipe Herdeiro Frederico da Dinamarca; Charles Cavallier, seu tio paterno; e os amigos de seus pais Benjamin Grandet, Britt Davidsen Siesbye e Christian Scherfig.

Educação[editar | editar código-fonte]

Em 11 de agosto de 2015, aos 6 anos de idade, o príncipe Henrique ingressou na Sct. Joseph Søstrenes Skole, em Ordrup, um distrito localizado em Copenhaga. [4]

Após a mudança dos pais para Paris em 2019, ele passou a frequentar uma escola local. [1]

Problemas de saúde[editar | editar código-fonte]

Em março de 2020, a Casa Real reportou que Henrique havia sido levado urgentemente de Paris a Copenhage para tratar problemas relacionados à asma, doença que o acomete desde que nasceu. Na época, inicialmente se chegou a cogitar que ele tivesse covid-19. [5]

Direitos sucessórios e deveres oficiais[editar | editar código-fonte]

Apesar de estar na linha de sucessão ao trono dinamarquês, ele não tem direitos e deveres com a Casa Real e não tem, assim, direito a receber um salário do Estado.[6][7][8]

Títulos, estilos e honras[editar | editar código-fonte]

Quando nasceu, foi nomeado "Henrique, Príncipe da Dinamarca. Em 2008 sua avó concedeu a seus filhos e netos também o título de Conde e Condessa de Monpezat. Em setembro de 2022, sua avó decidiu que ele e seus três irmãos, a partir de 1º de janeiro de 2023, perderiam o título de "Príncipe" e "Princesa" e o direito ao tratamento de "Alteza Real". [9] [10]

Títulos e estilos[editar | editar código-fonte]

  • 4 de maio de 2009 - 31 de dezembro de 2022: Sua Alteza, Príncipe Henrique da Dinamarca, Conde de Monpezat
  • 1º de janeiro de 2023 - presente: Sua Excelência, Henrique, Conde de Monpezat

Honras[editar | editar código-fonte]

  • Dinamarca 16 de abril de 2010: Medalha Comemorativa do 70° Aniversário de Sua Majestade a Rainha.
  • Dinamarca 14 de janeiro de 2012: Medalha Comemorativa do Jubileu de Rubi de Sua Majestade a Rainha.
  • Dinamarca 16 de abril de 2015: Medalha Comemorativa do 75° Aniversário de Sua Majestade a Rainha.

Referências

  1. a b c d «H.H. Prins Henrik». Kongehuset (em dinamarquês). 28 de outubro de 2011. Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  2. «Den kongelige familie». Kongehuset (em dinamarquês). 29 de março de 2016. Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  3. articles/show/270962,data-set-de-batizado-de-danish-prince.html "Data prevista para o baptismo do príncipe dinamarquês"
  4. «Lille prins Henrik skal gå i katolsk privatskole». Information (em dinamarquês). 25 de março de 2015. Consultado em 7 de maio de 2016 
  5. «La Casa Real Danesa informa de los problemas respiratorios de Enrique de Dinamarca y su negativo en coronavirus». www.bekia.es (em espanhol). Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  6. «Kongehuset». Kongehuset (em dinamarquês). 4 de abril de 2016. Consultado em 7 de outubro de 2019 
  7. Ferrer, Isabel (23 de novembro de 2018). «La casa real danesa, en apuros por una foto del príncipe Nicolás de Dinamarca con tintes publicitarios». Madrid. El País (em espanhol). ISSN 1134-6582 
  8. «thelocal.dk». www.thelocal.dk. Consultado em 24 de janeiro de 2021 
  9. «Ændringer i titler og tiltaleformer i den kongelige familie». www.kongehuset.dk. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  10. «La reina Margarita retira los títulos de príncipe a los hijos del príncipe Joaquín». HOLA (em espanhol). 28 de setembro de 2022. Consultado em 28 de setembro de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Henrique da Dinamarca

Perfil oficial de Félix no website da Casa Real

Galeria de fotos de Henrique no site Getty Images