João Pereira Coutinho (jornalista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde agosto de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
João Pereira Coutinho
Nascimento 1 de junho de 1976 (41 anos)
Porto, Portugal
Nacionalidade Portugal Portuguesa
Ocupação Cronista, cientista político, escritor
Influências
Principais trabalhos Conservadorismo (As Ideias Conservadoras Explicadas a Revolucionários e Reaccionários - Edição Brasileira)
Página oficial
www.JPCoutinho.com

José João Freitas Barbosa Pereira Coutinho (Porto, 1 de junho de 1976) é um cronista, cientista político e escritor português.

É professor da Universidade Católica Portuguesa[1] e colunista do "Correio da Manhã" e da "Folha de S. Paulo"[2].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Frequentou a Escola Superior de Teatro e Cinema, em Lisboa, onde realizou os seminários de acesso ao curso de Cinema. Acabaria por se licenciar em História (na variante de História da Arte), pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Prosseguiu estudos na Universidade Católica Portuguesa, onde se doutorou em Ciência Política e Relações Internacionais com uma tese intitulada “Política e Perfeição: Um estudo sobre o pluralismo de Edmund Burke e Isaiah Berlin.[3] É, presentemente, professor auxiliar convidado da mesma instituição.

É autor da novela Jaime e Outros Bichos, escrito aos 19 anos de idade e que lhe valeu o Prémio Nacional de Literatura Juvenil Ferreira de Castro (1996). Iniciou mais tarde uma assídua colaboração na imprensa, como colunista d'"O Independente" (1998-2003), experiência que rendeu um livro (Vida Independente: 1998-2003, 2004), da revista "Atlântico" e do jornal "Expresso" (2004-2009). Actualmente colabora com o "Correio da Manhã" e com a "Folha de S. Paulo" (Brasil). Algumas das crónicas publicadas de 2005 a 2007 nesse jornal já foram publicadas em livro (Avenida Paulista, 2007).[4]

Como autor, publicou obras com reconhecimento pela comunidade cientifica como: Por que virei à direita (em co-autoria com Luiz Felipe Pondé e Denis Rosenfeld, 2012)[5] e As ideias conservadoras explicadas a revolucionários e reacionários (2014, edição portuguesa com o título Conservadorismo).[6]

Foi coautor do blogue A Coluna Infame, juntamente com Pedro Lomba e Pedro Mexia, entre 2002 e 2003.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Avenida Paulista (2008)
  • Conservadorismo (2014)
  • As ideias conservadoras explicadas a revolucionários e reacionários (2014)
  • Vamos ao que interessa (2015)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.