Krasnystaw

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Polónia Krasnystaw 
  cidade e comuna urbana  
Praça principal em Krasnystaw
Praça principal em Krasnystaw
Praça principal em Krasnystaw
Símbolos
Bandeira de Krasnystaw
Bandeira
Brasão de armas de Krasnystaw
Brasão de armas
Lema Krasnystaw - naturalmente
Localização
Krasnystaw está localizado em: Polônia
Krasnystaw
Krasnystaw no mapa da Polônia
Mapa
Mapa dinâmico da cidade
Coordenadas 50° 59' 04" N 23° 10' 11" E
País Polônia
Voivodia Lublin
Condado Krasnystaw
História
Elevação a cidade 1394
Administração
Tipo Prefeitura
Prefeito Robert Kościuk
Características geográficas
Área total [1] 42,1 km²
População total (2021) [1] 18 169 hab.
Densidade 431,6 hab./km²
Código postal 22-300
Código de área (+48) 82
Cidades gêmeas
Žatec Tchéquia (1996)
Alvesta Suécia (1997)
Turiisk Ucrânia (2003)
Horokhiv Ucrânia (2004)
Püspökladány Hungria
Outras informações
Matrícula LKS
Website www.krasnystaw.pl

? Krasnystaw é um município no leste da Polônia. Pertence à voivodia de Lublin, no condado de Krasnystaw. É a sede da comuna urbana de Krasnystaw, na foz do rio Żółkiewka até o rio Wieprz. Localizado nas mesorregiões físicas e geográficas de Działy Grabowieckie e Giełczewska Prominence.

O brasão da cidade mostra dois peixes (carpas) sobre um fundo azul em forma de escudo espanhol. Eles estão colocados alternadamente, um acima do outro. A bandeira de Krasnystaw é um tecido retangular amarelo com o brasão da cidade colocado no meio. A cidade tem o seu toque de clarim (Hejnal).

Krasnystaw está localizado na histórica Rutênia Vermelha, na antiga Terra de Chełm.[2] Uma cidade real fundada em 1394, até as partições nas fronteiras da voivodia da Rutênia.[3] Krasnystaw obteve, em 1525, o direito comercial da imposição de taxas sobre os comerciantes que passavam pela cidade para colocar à venda as mercadorias transportadas.[4]

Krasnystaw estende-se por uma área de 42,1 km², com 18 169 habitantes, segundo o censo de 31 de dezembro de 2021, com uma densidade populacional de 431,6  hab./km².[1]

Localização[editar | editar código-fonte]

Brasão da cidade na entrada de Krasnystaw

Krasnystaw está localizada no Sistema Ecológico de Áreas Protegidas e em uma parte da Área de Paisagem Protegida de Grabowiec-Strzelecki.

Segundo dados de 31 de dezembro de 2021, a área da cidade é de 42,1 km².[1]

Nos anos 1975−1998, a cidade pertenceu administrativamente à voivodia de Chełm.

A estrada nacional n.º 17, que faz parte da estrada internacional E372, atravessa a cidade. A linha ferroviária n.º 69 também passa por aqui com as paradas: Krasnystaw Fabryczny, Krasnystaw Miasto, servindo trens de passageiros, por exemplo, para Lublin, Varsóvia, Bydgoszcz e Zamość.

Distâncias das cidades mais próximas em linha reta:

Estrutura da área[editar | editar código-fonte]

Segundo dados de 2007, Krasnystaw ocupava 4 207 hectares,[5] incluindo:

História[editar | editar código-fonte]

Zygmunt Vogel — Vista do Castelo em Krasnystaw (1794)
Edward Gorazdowski — Krasnystaw (1871)

A cidade foi fundada na terra da aldeia de Szczekarzew. Recebeu direitos de cidade no ato de Ladislau II Jagelão elaborado em Cracóvia em 1 de março de 1394.[6] No século XV, graças à sua localização na rota comercial Pomerânia-Lublin-Lviv, a cidade desenvolveu-se. Em 1525, Krasnystaw recebeu o direito de armazenar sal e mel. Em 1554, a cidade obteve o privilégio de não tolerar os judeus.[7] Era também um centro de comércio de grãos e artesanato. Nos anos 1490−1826 foi a sede dos bispos de Chełm. Após a liquidação da diocese de Chełm e a criação da diocese de Lublin em 1805, Krasnystaw também funcionou como a capital da diocese de Lublin. Também serviu como o starosta da cidade, portanto, durante os tempos da Primeira República Polonesa, os tribunais da nobreza foram realizados aqui: tribunais de terra e da cidade.[8]

Em meados do século XVII, durante as guerras polaco-suecas, o castelo e as muralhas da cidade foram destruídos. A partir de 1795, a cidade estava na Terceira partilha|partição austríaca, a partir de 1809 no Ducado de Varsóvia e a partir de 1815 na Polônia do Congresso (partição russa). Durante a Revolta de Janeiro, a cavalaria polonesa venceu aqui atacando a guarnição russa. No século XIX, a cidade era um centro de serviços.

Durante a Primeira Guerra Mundial, a cidade foi capturada três vezes nos anos de 1914−1916 e, como resultado, foi completamente destruída em combates entre os exércitos austríaco e russo.[9] Segundo o relatório, a cidade foi destruída em 3/4 e seu estado era catastrófico. Conforme os dados apresentados no Congresso de Representantes de Cidades e Vilas em 8 e 9 de setembro de 1917, organizado pelo Departamento de Construção do Comitê Principal de Resgate e pelo Conselho Municipal de Lublin, cerca de 380 edifícios em Krasnystaw foram incendiados como resultado da guerra.[9] Foi uma das cidades mais danificadas do território ocupado pela Áustria-Hungria.[9] Em 1916, uma ferrovia foi trazida para Krasnystaw. Em 1922, começou a reconstrução da prefeitura incendiada.

Segunda Guerra Mundial[editar | editar código-fonte]

Em setembro de 1939, ocorreram batalhas com o exército alemão, nas quais cerca de 150 soldados poloneses foram mortos. De 18 a 19 de setembro de 1939, a 39.ª Divisão de Infantaria e uma brigada de cavalaria lutaram aqui com unidades motorizadas alemãs.

Durante a ocupação nazista (1940−1942), havia um gueto na cidade, onde cerca de 4 000 judeus foram confinados. O gueto estava localizado na rua Dyke e era de natureza temporária, depois de alguns meses a população foi transportada para o campo de Izbica e o campo de extermínio de Bełżec (cerca de 2 000 pessoas). Havia também uma prisão na cidade onde os alemães mataram 395 pessoas (1939−1944).

Os guerrilheiros (1940−1944) também estavam ativos na área − AK, BCh, GL, AL, Organização Militar Nacional-Forças Armadas Nacionais. Os guerrilheiros, entre outros, libertaram cerca de 300 prisioneiros da prisão local (1943) e destruíram 26 vagões alemães (na primavera de 1944).

Período pós-guerra[editar | editar código-fonte]

Nos anos 1944−1950, guerrilheiros anticomunistas operaram em Krasnystaw e arredores. Em 5 de janeiro de 1946, durante uma festa organizada no prédio da administração municipal, foram lançadas duas granadas. Três pessoas morreram e 11 ficaram feridas.[10]

Durante a República Popular da Polônia, a cidade se desenvolveu rapidamente. No período pós-guerra, um sistema de abastecimento de água foi instalado na cidade. Em 1951, foi inaugurado o primeiro investimento industrial na cidade − a Fábrica de Fermentação de Tabaco. Em 1969, foi construída a Fábrica de Produtos Sanitários, empregando cerca de 800 pessoas. Na década de 1970, havia a Fábrica da Indústria de Confecções (uma sucursal da “Cora” de Varsóvia), Fábrica de Leite em Pó e Fábrica de Açúcar “Krasnystaw” (a maior fábrica deste tipo no país).

Em 1971, a tradição de organizar o “Chmielaki Krasnostawskie” foi iniciada.[10]

Nos anos de 1919−1975 e desde 1999, Krasnystaw é a sede de condado.

Monumentos históricos[editar | editar código-fonte]

Igreja barroca pós-jesuíta de São Francisco Xavier
Igreja de São Francisco Xavier com o colégio pós-jesuíta - atualmente Museu Regional e Biblioteca Pública
Matzeva no cemitério judeu
  • Complexo do mosteiro jesuíta:
    • Igreja de São Francisco Xavier em estilo barroco, com decoração (estuques, policromia);
    • Colégio jesuíta de 1720 (ampliado em 1730 e 1902, reforma e reconstrução completa em 2008), estilo barroco − atualmente museu, biblioteca pública e Centro Cultural Juvenil Maria Konopnicka;
  • Palácio episcopal da primeira metade do século XVII, fundado pelo bispo Stanisław Gomoliński;
  • Edifício do Seminário (1719–1739) − reconstruído nos séculos XIX e XX;
  • Complexo do mosteiro agostiniano:
    • Edifícios dos séculos XIV e XVII (ao lado dos edifícios existiu um castelo até 1816):
      • Igreja construída por volta de 1458, financiada por Ladislau II Jagelão da Polônia, destruída durante a invasão tártara, reconstruída em 1458. Reconstruída em 1826 e 1951. A igreja manteve sua forma e o presbitério reforçado;
      • Mosteiro construído na segunda metade do século XVII. O bispo Stanislaw Jacek Święcicki foi enterrado ali em outubro de 1696;
    • Edifícios erguidos depois de 1826 − em 1826 o governo czarista tirou a antiga igreja e o mosteiro dos agostinianos. Como compensação, novos edifícios foram construídos:
      • Igreja da Santíssima Trindade — construída nos anos 1837–1839;
      • Mosteiro − serviu de quartel do exército czarista durante as partições da Polônia. No período entreguerras, abrigou a Escola de Comunicações de Suboficiais. No entanto, durante a ocupação, as tropas alemãs estavam estacionadas lá. Atualmente, nela funciona uma escola profissionalizante;
  • Sinagoga;
  • Cemitério judaico;
  • Prefeitura do período entre guerras;
  • Casa senhorial no complexo senhorial-fazenda na rua Sikorskiego 10, de madeira, erguida na primeira metade do século XIX, quando Marianna e August Kiccy eram administradores da propriedade. Distingue-se por um bloco compacto de proporções atarracadas, com um pórtico de colunas característico na frente e um telhado de duas águas proeminente, originalmente coberto com telhas. Além dos valores arquitetônicos indiscutíveis, possui um grande valor histórico, por ser a única sede do starosta preservada na região de Chełm.
  • Sítio arqueológico no lugar de um castelo inexistente em Krasnystaw, erguido no século XIV;

Há também um Museu Regional na cidade, contendo coleções de áreas como: etnografia, história, numismática, arte e arqueologia.

O bordo que cresce na praça do mercado foi submetido pelo Movimento Ecológico Krasnystaw “Viridis” ao concurso nacional Árvore do Ano 2018 e ficou em primeiro lugar.[11]

Clima[editar | editar código-fonte]

Conforme a classificação climática de Köppen-Geiger, Krasnystaw situa-se na zona Cfbclima temperado oceânico.[12] Na cidade de Krasnystaw, a temperatura média anual é de 8,8° C. Nesta área, a precipitação média anual é de 720 mm. Está localizada no Hemisfério Norte. Os meses de verão são: junho, julho, agosto, setembro. O mês mais seco é fevereiro, com 42 mm de precipitação. O mês mais quente do ano é julho, com temperatura média de 19,8 °C. A temperatura média mais baixa do ano ocorre em janeiro e é de aproximadamente -2,8 °C.[13]

A diferença de precipitação entre o mês mais seco e o mais úmido é de 52 mm. A variação de temperatura durante o ano é de 22,6 °C. O mês com a maior umidade relativa é novembro (84%). O mês com a menor umidade relativa é abril (68%). O mês com o maior número de dias de chuva é julho (10 dias). O mês com o menor número é outubro (7 dias).[13]


Dados climatológicos para Krasnystaw
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima média (°C) −0,5 1,2 6,4 13,5 18,5 21,8 23,9 23,4 18,2 12,2 6,7 1,6 12,2
Temperatura média (°C) −2,8 −1,6 2,6 9,0 14,2 17,7 19,8 19,2 14,3 8,8 4,3 −0,3 8,8
Temperatura mínima média (°C) −5,2 −4,5 −1,3 4,1 9,4 13,0 15,4 14,7 10,4 5,8 2,1 −2,4 5,1
Precipitação (mm) 45 42 50 55 74 79 94 70 68 51 47 45 720
Dias com chuva 8 8 9 8 10 9 10 7 7 7 8 8 99
Umidade relativa (%) 84 82 76 68 68 68 70 69 74 78 84 84 75,4
Horas de sol 2,5 3,3 5,5 8,7 10,0 11,0 10,9 10,1 7,1 5,1 3,3 2,4 79,9
Fonte: Climate-Data.org[13]
Dados: 1991−2021: temperatura mínima (°C), temperatura máxima (°C), precipitação (mm), umidade, dias chuvosos. Dados: 1999−2019: horas de sol

Demografia[editar | editar código-fonte]

Conforme os dados do Escritório Central de Estatística da Polônia (GUS) de 31 de dezembro de 2022, Krasnystaw é uma cidade pequena com uma população de 17 519 habitantes (13.º lugar na voivodia de Lublin e 240.º na Polônia),[14] tem uma área de 42,1 km² (4.º lugar na voivodia de Lublin e 102.º lugar na Polônia)[15] e uma densidade populacional de 416 hab./km² (27.º lugar na voivodia de Lublin e 640.º lugar na Polônia).[16] Nos anos 2002–2021, o número de habitantes diminuiu 7,8%.[1]

Os habitantes de Krasnystaw constituem cerca de 28,45% da população do condado de Krasnystaw, constituindo 0,87% da população da voivodia de Lublin.[1]

Descrição Total Mulheres Homens
unidade habitantes % habitantes % habitantes %
população 17 519 100 9 193 52,5 8 326 47,5
superfície 42,1 km²
densidade populacional
(hab./km²)
416 218,4 197,6

A idade média dos habitantes é de 44,4 anos e é ligeiramente superior à idade média dos habitantes da voivodia de Lublin e ligeiramente superior à idade média dos habitantes de toda a Polônia.[1] Krasnystaw tem uma taxa de natalidade negativa de -172. Isso corresponde a um aumento natural de -9,42 por 1 000 habitantes de Krasnystaw.[1] A razão da dinâmica demográfica, ou seja, a relação entre o número de nascidos vivos e o número de óbitos, é de 0,35 e é muito inferior à média da voivodia e muito inferior à relação da dinâmica demográfica de todo o país.[1]

56,9% dos residentes de Krasnystaw estão em idade ativa, 15,6% em idade pré-ativa e 27,5% dos residentes de Krasnystaw está em idade pós-produtiva.[1]

Economia[editar | editar código-fonte]

Usina de aquecimento em Krasnystaw
Centro comercial Perła

A indústria alimentícia domina em Krasnystaw:

  • Usina de açúcar “Krasnystaw”,
  • Cooperativa Distrital de Laticínios Krasnystaw,[17]
  • Fábrica de fermentação de tabaco,
  • Elevador de grãos Triticarr.

Existem também produtoras:

  • Roupas Cora-Tex,
  • Louças sanitárias Cersanit,
  • Embalagem de papelão Kartonex,
  • Material de construção,
  • Equipamentos e soluções de energia Energoremont

Existem 300 pessoas trabalhando em Krasnystaw por 1 000 habitantes. Isso é muito mais do que o valor para a voivodia de Lublin e muito mais do que o valor para a Polônia. 49,1% de todos os trabalhadores são mulheres e 50,9% são homens.[1] O desemprego registrado em Krasnystaw em 2021 foi de 9,0% (9,8% entre as mulheres e 8,4% entre os homens). Isso é muito mais do que a taxa de desemprego registrada na voivodia de Lublin e muito mais do que a taxa de desemprego registrada em toda a Polônia.[1]

Em 2021, o salário mensal bruto médio em Krasnystaw foi de 4 843,32 PLN, correspondendo a 80,70% do salário bruto mensal médio na Polônia.[1] Entre os residentes profissionalmente ativos de Krasnystaw, 665 pessoas vão trabalhar em outras cidades e 1 873 funcionários vêm trabalhar de fora da comuna, portanto, o saldo de chegadas e saídas para o trabalho é de 1 208.[1]

63,1% dos residentes economicamente ativos de Krasnystaw trabalham no setor agrícola (agricultura, silvicultura, caça e pesca), 13,3% na indústria e construção e 5,6% no setor de serviços (comércio, conserto de veículos, transporte, hospedagem e gastronomia, informação e comunicação) e 1,2% trabalha no setor financeiro (atividades financeiras e de seguros, serviços imobiliários).[1]

Chmielaki Krasnostawskie[editar | editar código-fonte]

Rua Okrzei

Desde 1971,[18] a cidade organiza o Festival Nacional do Lúpulo e Cervejeiros “Chmielaki Krasnostawskie”. O festival era realizado no início de setembro e durava três dias, atualmente o Chmielaki acontece no final de agosto e também dura três dias.[19]

Concertos divididos em categorias são organizados durante este tempo, por exemplo, Chmiel Rock, Cersanit Jazz, apresentações de bandas folclóricas e outros eventos acompanhantes. Todos os anos, um desfile de lúpulo, formado por alunos das escolas locais, passa pelas ruas da cidade. Desde 2005, o festival é acompanhado pelo Consumer Beer Contest e o Best Beer Inn (uma competição para o jardim da cerveja mais interessante apresentado durante o Chmielaki) é escolhido.[19]

Educação[editar | editar código-fonte]

Escola Secundária I Ladislau II Jagelão
Escola Secundária II Cyprian Norwid

3 687 residentes de Krasnystaw estão na idade de educação potencial (3-24 anos) (incluindo 1 796 mulheres e 1 891 homens).[1] Conforme o Censo Nacional de 2011, 11,9% da população tem ensino superior, 3,4% ensino pós-secundário, 9,1% ensino médio geral e 20,5% ensino médio profissional. 19,6% dos residentes de Krasnystaw têm educação profissional básica, 5,5% têm ensino médio e 27,7% concluíram o ensino fundamental. 2,2% da população completou sua educação antes de terminar o ensino fundamental. Em comparação com toda a voivodia de Lublin, os habitantes de Krasnystaw têm um nível educacional mais baixo.[1] Entre as mulheres que vivem em Krasnystaw, a maior porcentagem concluiu o ensino fundamental (29,7%) e o ensino médio profissional (18,5%). Os homens com maior frequência têm educação profissional básica (25,7%) e ensino fundamental completo (25,6%).[1]

Em 2021, havia 7 jardins de infância em Krasnystaw, com 600 crianças frequentando 32 filiais (304 meninas e 296 meninos). Havia 0 lugares disponíveis. Para efeito de comparação, em 2008, havia 6 jardins de infância em Krasnystaw, onde 543 crianças frequentavam 22 turmas (235 meninas e 308 meninos). Quinhentas e dez vagas estavam disponíveis.[1] 16,3% dos residentes de Krasnystaw na idade de educação potencial (3-24 anos) se enquadram na faixa de 3-6 anos − educação pré-escolar (17,0% entre as meninas e 15,6% entre os meninos). Por 1 000 crianças em idade pré-escolar, 1 088 frequenta instituições de educação pré-escolar. Em 2018, existiam 0,64 pré-escolares por vaga numa instituição de educação pré-escolar.[1]

A cidade possui 5 escolas primárias com 1 462 alunos (735 mulheres e 727 homens) em 100 turmas. Para comparação, em 2008, havia 5 escolas primárias em Krasnystaw, com 1 236 alunos (589 mulheres e 647 homens) em 56 turmas. Na faixa etária de 3 a 24 anos no nível elementar (7 a 12 anos) educa 26,2% da população (27,6% entre as meninas e 24,9% entre os meninos). Há 14,6 alunos por turma nas escolas primárias.[1]

Existem 4 escolas secundárias em Krasnystaw, com 593 alunos (345 mulheres e 248 homens) em 27 turmas. Em 2021, foram registrados 152 egressos. Para efeito de comparação, em 2008 em Krasnystaw havia 7 escolas secundárias com 1 232 alunos em 45 turmas (776 mulheres e 456 homens). Em 2008, foram registrados 395 egressos.[1]

Em Krasnystaw, existem 2 escolas industriais de 1.º grau com 128 alunos (43 mulheres e 85 homens) em 8 turmas. Na faixa etária de 3 a 24 anos, 18,6% da população (18,0% de meninas e 19,0% de meninos) são educados no nível secundário superior (16 a 18 anos). Há 22,0 alunos por turma nas escolas regulares. 16,0 alunos por turma nas escolas setoriais de 1.º grau. 24,6% dos habitantes de Krasnystaw em idade de educação potencial (23,2% das mulheres e 26,0% dos homens) estão na faixa etária correspondente à educação nas universidades (19–24 anos).[1]

Administração[editar | editar código-fonte]

Krasnystaw é membro da União das Cidades Polonesas,[20] uma associação voluntária nacional com sede em Kazimierz Dolny, criada em 1991. Ela reúne pequenas cidades, comunas urbano-rurais e áreas rurais.

Comunidades religiosas[editar | editar código-fonte]

Igreja paroquial da Santíssima Trindade, 1837-1839

As seguintes igrejas e associações religiosas realizam atividades na cidade:

  • Igreja Católica de Rito Latino:
    • Paróquia de São Francisco Xavier[21]
    • Paróquia Nossa Senhora da Consolação[22]
    • Paróquia da Santíssima Trindade[23]
  • Testemunhas de Jeová:
    • Igreja de Krasnystaw-Sul
    • Igreja de Krasnystaw-Norte
    • Congregação Krasnystaw-Oeste (Salão do Reino, rua Okrzei 119)
  • Igreja Pentecostal na Polônia:
    • Igreja em Krasnystaw[24]

Esportes[editar | editar código-fonte]

Clubes em operação:

  • Start Krasnystaw[25]futebol
  • Luks Kinga Krasnystaw — futebol feminino
  • UKS Jedynka Krasnystaw[26] – futebol
  • KKS Sokół Krasnystaw — taekwondo
  • LMKS Krasnystaw[27]luta livre
  • MKS Junior Krasnystaw[28]natação
  • Klub Szachowo-Warcabowy Krasnostawianie
  • UKS Rocky Krasnystaw[29]boxe
  • Klub Brydża Sportowego
  • Klub K1-TC — kickboxing
  • Klub Karate Kyokushin Krasnystaw — Kyokushin
  • KPS Krasnystaw[30]voleibol
  • UKS “Wodnik” Krasnystaw[31] — natação

Subúrbios[editar | editar código-fonte]

Krasnystaw - subúrbios

Os subúrbios de Krasnystaw compreendem: Przedmieście Zastawie, Kolonia Krakowskie Przedmieście, Krakowskie Przedmieście, Przedmieście Lubańki, Przedmieście Zakręcie, Kolonia Góry, Przedmieście Góry.[32]

Trilhas turísticas[editar | editar código-fonte]

  • Trilha ariana, uma trilha de caminhada sinalizada em amarelo, com 64 km de extensão, que vai de Skierbieszów até a vila de Pawłów. A trilha percorre lugares relacionados à vida e atividade de Paweł Orzechowski, que pertencia à Irmandade polonesa (vulgarmente conhecidos como arianos).[33]
  • Trilha Tadeusz Kościuszko, uma trilha de caminhada sinalizada em azul, com 120 km de extensão, do Monte Tadeusz Kościuszko na vila de Uchańka até a estação ferroviária em Krasnystaw. Ela atravessa o Parque Paisagístico Skierbieszów.[34]
  • – ciclovia vermelha
  • Trilha Mikołaj Rej − uma trilha turística de bicicleta de Rejowiec Fabryczny até a estação ferroviária em Krasnystaw.[35]
  • Ciclovia Green Velo Oriental − uma ciclovia que passa por cinco voivodias no leste da Polônia, ou seja, Lublin, Podláquia, Subcarpácia, Santa Cruz e Vármia-Masúria.[36]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w «Krasnystaw (Lublin) mapas, imóveis, Escritório Central de Estatística, acomodações, escolas, região, atrações, códigos postais, salário, desemprego, ganhos, tabelas, educação, jardins de infância, demografia». Polska w liczbach (em polonês). Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  2. Juliusz Willaume (ed.): Ziemia Chełmska. Wydawnictwo Lubelskie, Lublin 1961, p. 51.
  3. Zenon Guldon, Jacek Wijaczka, Skupiska i gminy żydowskie w Polsce do końca XVI wieku, Czasy Nowożytne, 21, 2008, p. 168.
  4. Stan Lewicki, Historja handlu w Polsce na tle przywilejów handlowych: (prawo składu), Varsóvia 1920, p. 137.
  5. «Krasnystaw - W liczbach». web.archive.org. 16 de fevereiro de 2008. Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  6. Kazimierz Stołecki, Krasnystaw – rys historyczny, Puławy 2008, p. 49.
  7. Maurycy Horn, Żydowski ruch osadniczy w miastach Rusi Czerwonej, w: Biuletyn Żydowskiego Instytutu Historycznego, 1974, n.º 2 (90), p. 11.
  8. M. Pawlikowski, Sądownictwo grodzkie w przedrozbiorowej Rzeczypospolitej, Strzałków 2012, tenże, Sądownictwo ziemskie w przedrozbiorowej Rzeczypospolitej, Strzałków 2012.
  9. a b c «STRATY I ZNISZCZENIA PONIESIONE W ZABYTKACH NIERUCHOMYCH W OKRESIE I WOJNY ŚWIATOWEJ NA OBSZARZE WOJEWÓDZTWA LUBELSKIEGO (W JEGO AKTUALNYCH GRANICACH) - PDF Darmowe pobieranie». docplayer.pl. Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  10. a b Konstanty Prożogo (1981). Chełm i okolice. Varsóvia: Sport i Turystyka. p. 83. ISBN 83-217-2335-7. OCLC 830201162 
  11. «Drzewo Roku 2018». swietodrzewa.pl. Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  12. «Klimat: Krasnystaw: Klimatogram, wykres temperatury, tabela klimatu». pl.climate-data.org. Consultado em 13 de dezembro de 2023 
  13. a b c «Klimat: Krasnystaw: Klimatogram, wykres temperatury, tabela klimatu». pl.climate-data.org. Consultado em 13 de dezembro de 2023 
  14. «Największe miasta w Polsce pod względem liczby ludności». Polska w liczbach (em polaco). Consultado em 3 de julho de 2023 
  15. «Miasta o największej powierzchni w Polsce». Polska w liczbach (em polaco). Consultado em 3 de julho de 2023 
  16. «Miasta o największej gęstości zaludnienia w Polsce». Polska w liczbach (em polaco). Consultado em 3 de julho de 2023 
  17. «Okręgowa Spółdzielnia Mleczarska - OSM Krasnystaw». https://www.krasnystaw.eu (em polonês). Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  18. Wielka encyklopedia PWN 1.ª ed. Varsóvia: Wydawn. Nauk. PWN. 2003. OCLC 48088260 
  19. a b admin. «Strona głowna». Chmielaki Krasnostawskie (em polonês). Consultado em 4 de dezembro de 2022 
  20. «Członkowie». web.archive.org. 20 de junho de 2020. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  21. «Parafia Św. Franciszka w Krasnymstawie» (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  22. «» Parafia pw. Matki Bożej Pocieszenia w Krasnymstawie». www.krasnystaw-mbp.kuria.lublin.pl. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  23. «Parafia pw. Trójcy Przenajświętszej w Krasnymstawie». trojcakrasnystaw.pl. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  24. «Kościół Zielonoświątkowy w PL» (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  25. «Start Krasnystaw». www.facebook.com. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  26. «UKS Jedynka Krasnystaw | Mosir — Krasnystaw». mosirkrasnystaw.pl. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  27. «LMKS Krasnystaw - Zapasy Krasnystaw». www.facebook.com. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  28. «Lubelski Związek Koszykówki». Lubelski Związek Koszykówki. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  29. «UKS RockY Krasnystaw». www.facebook.com. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  30. «KPS Krasnystaw». www.facebook.com. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  31. «UKS "Wodnik Krasnystaw"». wodnikkrasnystaw.pl. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  32. «Sołectwa». web.archive.org. 27 de outubro de 2018. Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  33. «Szlak Ariański - żółty - Traseo.pl». www.traseo.pl (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  34. «Szlak Tadeusza Kościuszki - niebieski - Traseo.pl». www.traseo.pl (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  35. «Śladem Mikołaja Reja». greenvelo.pl (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 
  36. «Przebieg szlaku». greenvelo.pl (em polonês). Consultado em 5 de dezembro de 2022 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Krasnystaw