Mar dos Cosmonautas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O Mar dos Cosmonautas faz parte do Oceano Antártico.

O Mar dos Cosmonautas (do russo: Море Космонавтов) é um mar marginal do Oceano Antártico, situado a sul do Índico. Fica entre o mar de Riiser-Larsen a oeste e o mar da Cooperação a leste, entre os 34°E e os 54°E.[1] A cordilheira submarina Gunnerus, que prolonga a península de Riiser-Larsen, é a fronteira natural com o mar de Riiser-Larsen. O cabo Batterbee (53° 48' E), extremo norte da Terra de Enderby, marca o limite com o mar da Cooperação. O seu limite norte é considerado corresponder ao paralelo 65 S, mas pode ser considerado como o extremo sul da bacia Africano-Antártica.

O nome foi dado em 1962 em homenagem aos primeiros astronautas soviéticos pela Expedição Antártica Soviética, durante a qual os participantes o identificaram como um mar independente dentro do oceano Austral.

Referências

  1. Information Bulletin, Vol. 4-5. Pág. 181. Contribuintes: Scripta Technica, inc, American Geophysical Union. Publicado por: American Geophysical Union., 1962
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Antártida é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.