Red Star Football Club 93

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Red Star 93
Logo RedStarFC.png
Nome Red Star Football Club 93
Alcunhas Red Star
Fundação 1897 (121 anos)
Estádio Stade Bauer
Capacidade 10.000
Localização Saint-Ouen,  França
Presidente França Patrice Haddad
Treinador França Régis Brouard
Material (d)esportivo Alemanha Adidas
Competição Ligue 2
Website [1]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Red Star Football Club 93 - conhecido por Red Star 93, Red Star Saint-Ouen ou Red Star Paris - é um clube de futebol da França, sediado em Paris. Foi fundado pelo futuro presidente da FIFA, Jules Rimet, em 1897.[1]

Ao longo de sua história, teve diversos nomes diferentes, frutos, dentre outros motivos, de fusões com outros clubes. Suas maiores conquistas são os cinco títulos da Copa da França,[1] três delas consecutivas, e o bicampeonato da Ligue 2 (então chamada de Division 2).

Na década de 1930, chegou a contar com Guillermo Stábile, o argentino que foi artilheiro da primeira Copa do Mundo FIFA. O auge do clube ocorrera na década anterior, época da maior parte de seus títulos na Copa da França, ainda no amadorismo. A única conquista profissional nesse torneio ocorreu em 1942, em meio à Segunda Guerra Mundial, conflito no qual o clube engajou-se na na resistência à ocupação da França pela Alemanha nazista: seu estádio foi usado como esconderijo de armas e dois membros proeminentes foram executados pelo inimigo - o médico Jean-Claude Bauer, que dá nome ao estádio, e o goleiro italiano Rino Della Negra.[2]

Sua torcida é pequena, normalmente morando perto de sua sede ou engajada em causas sociais e politicamente alinhada à esquerda. Com baixo orçamento, o clube oferece remunerações de time amador a seus atletas, não conseguindo segurá-los. Sua realidade contrasta com a do vizinho Paris Saint-Germain, fundado em 1970, considerado uma das forças do futebol francês, com grupos de torcedores ligados à extrema-direita e, na atualidade, com grande injeção financeira de investidores do Qatar.[1] Apesar disso, não há rivalidade séria entre ambos, em função da discrepância grande no número de torcedores, títulos e prestígio em favor do PSG, ainda que o Red Star seja considerado mais tradicional. O próprio nome Red Star não faz originalmente nenhuma referência ao comunismo, sendo anterior ao uso da estrela vermelha como símbolo desse movimento.[2]

Antes do surgimento do PSG, o Red Star formava a trinca futebolística parisiense com o Racing Club de France e o Stade Français, com quem chegou a fundir-se. Estes dois também decaíram no futebol, estando em divisões ainda mais baixas. Atualmente, são mais proeminentes no rugby union, onde são grandes forças nacionais.[3][4][5]

A última participação do Red Star na elite francesa encerrou-se no ano de 1975, chegando a conviver nela com o PSG. Mesmo naquela época, também não havia maior rivalidade, com os vizinhos, fundados em 1970, sendo então considerados novatos demais para despertar maior antipatia. O encontro mais próximo de um clássico se dá com o Paris FC, clube dissidente do PSG e com quem costuma encontrar-se nas divisões inferiores - e a quem a torcida alviverde acusa de racista.[2]

Nomes do Red Star ao longo dos anos[editar | editar código-fonte]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 22 de janeiro de 2018.

Legenda
  • Capitão: Capitão
  • PenalizadoExpulso: Jogador suspenso
  • Lesionado: Jogador lesionado


Goleiros
Jogador
1 França Sébastien Renot
30 França Alexis Sauvage
Defensores
Jogador Pos.
5 Argélia Mourad Satli Z
6 França Maxence Derrien Z
19 França Formose Mendy Z
29 França Mathieu Fontaine Capitão Z
2 Mauritânia Harouna Sy LD
3 França Matias Ferreira LD
7 França Tiécoro Keita LE
14 França Charley Fomen LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
13 República Democrática do Congo Omenuke Mfulu V
17 França Teddy Teuma V
20 Madagáscar Stéphan Raheriharimanana V
23 Mali Samba Diakité V
4 França Ludovic Sylvestre M
10 Tunísia Idriss Mhirsi M
21 França Grégoire Lefebvre M
22 França Loïc Lapoussin M
Atacantes
Jogador
8 Senegal Sekou Baradji
9 França Anthony Petrilli
11 Guiné Sekou Keita
27 Senegal Abdoulaye Sané
28 Croácia Milos Zukanovic
Comissão técnica
Nome Pos.
França Régis Brouard T

Histórico[editar | editar código-fonte]

Classificações[editar | editar código-fonte]

I II III IV V VI Pts J V E D G.M. G.S. Diff.
2008-2009 13 73 pts 34 10 9 15 28 36 -8
2007-2008 10 74 pts 34 10 10 14 38 40 -2
2006-2007 10 80 pts 34 10 17 7 39 33 +6
2005-2006 1 87 pts 30 17 6 7 43 20 +23
2004-2005 1 74 pts 26 15 3 8 52 29 +23
2003-2004 7 59 pts 26 9 7 10 31 25 +6
2002-2003 14 50 pts 30 4 9 17 22 51 -29
2001-2002 6 85 pts 34 12 15 7 44 36 +8
2000-2001 20 27 pts 38 6 9 23 42 71 -29
1999-2000 12 52 pts 38 14 10 14 44 40 +4
1998-1999 19 39 pts 38 9 12 17 52 72 -20
1997-1998 8 57 pts 42 15 12 15 51 61 -10

Atletas de renome[editar | editar código-fonte]

Títulos[editar | editar código-fonte]

França Copa da França: 5

(1920-21, 1921-22, 1922-1923, 1927-28, 1941-42)

França Campeonato Francês - Segunda Divisão: 2

(1933-34, 1938-39)

França Campeonato Francês - Terceira Divisão: 2

(2014-15)
(2017/18)

Referências

  1. a b c BETTINE, Lucas (outubro de 2012). PSG: Paris sem grana. Placar n. 1371. Editora Abril, p. 80
  2. a b c VIGNOLI, Leandro (2017). 11. Red Star - Paris é uma festa. À sombra de gigantes: uma viagem ao coração das mais famosas pequenas torcidas do futebol europeu. São Paulo: L. Vignoli, 2017, pp. 121-128.
  3. «Futebol e Rugby pelo mundo – realmente tudo a ver». blog do Rugby. 5 de novembro de 2009. Consultado em 11 de janeiro de 2013. 
  4. RAMALHO, Víctor (21 de março de 2012). «Clubes de Futebol e Rugby». Portal do Rugby. Consultado em 10 de janeiro de 2013. 
  5. CÂMERA, Mário (fevereiro de 2012). No olho da rua. Revista ESPN n. 28. Spring Editora, pp. 62-65

Ligações externas[editar | editar código-fonte]