Sagara Sanosuke

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sanosuke Sagara)
Ir para: navegação, pesquisa
Sanosuke Sagara
Vozes Japão Yuji Ueda
Brasil Afonso Amajones
Perfil
Sexo masculino
Personagem de Samurai X
Portal Animangá

Sanosuke Sagara(相楽佐之助)é o melhor amigo do Kenshin foi ex-membro júnior do Sekihoutai, A tropa mais leal devoção - Uma tropa formada em 1868 (ano 4 da Era Keiou), logo após a batalha de Toba-Fushimi, e composta por pessoas das camadas sociais mais humildes. Agindo como uma ponta de lança, seu objetivo era ir à frente do Exército Imperial (Kangun, o Exército dos Monarquistas) que se dirigia a Edo, desbravando o caminho, colhendo informações e formando alianças com os feudos. Nesta época, o primeiro batalhão do Sekihoutai (na época, havia três batalhões, mas apenas Souzou Sagara ficou até o fim) estava se dirigindo ao norte através da estrada Tousan (mais conhecida como estrada Nakasen e uma das cinco maiores estradas do Japão, ligando Tókio à Kusazu passando por Nagano) divulgando o Decreto da Redução pela metade das contribuições anuais do novo governo.

História da Criação do personagem[editar | editar código-fonte]

O personagem foi baseado em uma pessoa real, Sanosuke Harada, lider de um dos esquadrões do Shinsengumi. A jornada de Sanosuke Sagara pela Ásia continental é uma referência há algumas lendas sobre Sanosuke Harada, que teria sobrevivido ao Bakumatsu e viajado pela região.

História[editar | editar código-fonte]

Aos sete anos abandonou a familia para se juntar ao grupo, que depois e traido pelo governo, o governo serve-se desse grupo para aliviar algumas das suas propias culpas afirmando que eles se afirmavam como um falso grupo imperial. No final do Bakumatsu acompanha a traumática dissolução do grupo, por ordem governamental, sob a acusação de ser um falso exercito imperial e por propagar mentiras sobre o novo governo. O lider Souzou foi decapitado, o que era considerada a mais desonrosa forma de execução no Japão. Sanosuke adota o sobrenome Sagara e a inscrição "mau(l)" (aku - em japonês) nas costas e passa a vagar pelo Japão como lutador de aluguel, "comprando brigas" para quem estivesse disposto a pagar sempre carregando um profundo sentimento de ódio contra os monarquistas.

Sanosuke, então, é contratado pelos irmãos Hiruma (Gohee e Kihee) - que queriam que Kaoru vendesse o dojo de seu pai - para lutar contra Kenshin. Ele também descobre que Kenshin lutava do lado do Ishinshishi, exatamente os responsáveis pela morte de Souzou. Isso só ajudou Sanosuke a ficar com mais vontade de enfrentar o lendário Battousai. Os dois lutam e Kenshin vence a batalha, dando motivos para que Sanosuke deixe o aluguel. Passa a integrar o grupo do Dojo Kamiya, junto de Yahiko Myoujin, Kenshin Himura e a mestra substituta Kaoru.

Armas e Habilidades[editar | editar código-fonte]

Sanosuke é possuidor de uma força física sobre-humana, sendo possuidor da Zambatou (literalmente a Espada Que Corta Cavalos), uma espada enorme e pesada, que foi criada para combates a cavalo, para cortar ao meio o general inimigo, mas diz-se que esta espada jamais foi usada como deveria por causa de seu tamanho e peso descomunal. Por um período ficou conhecido como Zanza, Toritama, Kenkaya Zanza ou "Amigo da Zanbatou".

Em certa ocasião, sentiu que necessitava melhorar como lutador, e em sua procura acabou encontrando um monge renegado, Anji. Ele ensina a Sanosuke a técnica Futae no Kiwami (Duplo Extremo no Brasil), que consiste em pulverizar qualquer coisa usando um ataque duplo extremamente rápido: o primeiro golpe servindo para quebrar a resistência do alvo ao impacto, e o segundo golpe, desferido quase ao mesmo tempo que o primeiro, conseguindo destruir o alvo facilmente, devido à defesa do alvo ter sido anulada. Sanosuke aprende a usar a técnica somente em um dos punhos. Acaba tendo que enfrentar seu mestre, e mesmo Anji sabendo desferir o Duplo Extremo com qualquer parte do corpo e até mesmo à distância, Sanosuke consegue vencê-lo. Sanosuke chega a tentar enfrentar Shishio, mas seu ataque mal surte efeito no mesmo.