A Cidade dos Ladrões

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

A Cidade dos Ladrões é um livro-jogo da série Aventuras Fantásticas escrito por Ian Livingstone e ilustrado por Ian McCaig em 1983. Foi o quarto livro-jogo da série a ser publicado no Brasil pela editora Marques Saraiva.

História[editar | editar código-fonte]

O livro introduziu a diabólica e corrupta cidade de Port Blacksand, que figuraria em vários outros livros da série.

A trama gira em torno de uma crise que atingiu a próspera cidade mercante de Silverton, quando o feiticeiro maligno Zanbar Bone exigiu que a filha do burgomestre fosse entregue para ser sua noiva. Rejeitado, Bone despeja sua fúria sobre Silverton, enviando seus mortíferos Cachorros da Lua, cães demoníacos e letais, para perseguir e atormentar o povo da cidade.

O único que pode enfrentar Zanbar Bone é o mago Nicodemus, um poderoso inimigo do bruxo maligno, que vive na cidade portuária de Port Blacksand. A tarefa do protagonista (o leitor) é viajar para Blacksand e localizar Nicodemus, devendo, para isso, superar os perigos da corrupta cidade e seus guardas vestidos em armaduras negras.

Port Blacksand[editar | editar código-fonte]

Blacksand se tornaria a cidade-símbolo da série, reaparecendo em diversos outros livros, como O Ladrão da Meia Noite, Dungeoneer e Blacksand!. Seus habitantes mais notáveis, como Nicodemus, Lord Azzur e Barriga Azeda também seriam mencionados em obras posteriores.