Bagshot Park

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bagshot Park, cerca de 1880.

Bagshot Park, localizada a onze milhas ao sul de Windsor, em Bagshot, Surrey, é a atual residência do Conde (Príncipe Eduardo) e da Condessa (Sofia) de Wessex. Está a poucas milhas de distância de Sunninghill Park, ex-residência do Duque de Iorque, irmão de Eduardo.

O príncipe Eduardo renovou Bagshot Park, uma ex-residência real, como uma residência para ele mesmo e como base para sua companhia de produção, Ardent Productions (até ele fechar o negócio). As propriedade terras da propriedade são cultivadas.

História[editar | editar código-fonte]

Aspecto do Bagshot Park em 1790.

A original Bagshot Lodge foi construída entre 1631 e 1633, como uma da série de pequenas cabanas projetadas por Inigo Jones para o rei Carlos I da Inglaterra. Foi remodelada pelo arquiteto James Paine para o 3° Conde de Albemarle de 1766 a 1772. Em 1798, foi alterada por Sir John Soane para o Duque de Clarence (mais tarde Guilherme IV do Reino Unido), que viveu lá até 1816.

Bagshot Park foi subseqüentemente usada pelo Príncipe Guilherme Frederico, Duque de Gloucester e Edimburgo, sobrinho do rei Jorge III do Reino Unido. Sua viúva, a Princesa Maria, filha de Jorge III, continuou a viver lá depois de sua morte, pelo menos até 1847, quando se mudou. A casa original foi demolida entre 1877 e 1878.

Uma nova construção foi completada em 1879: tinha 120 quartos. O censo de 1881 recorda um palafreneiro e 26 criados vivendo na mansão: um mordomo, um zelador, quatro valetes, duas empregadas de senhoras, duas criadas de quarto, um cozinheiro, três empregadas de cozinha, três empregadas responsáveis por faxina, três criados, um pajem, um porteiro, um empregado de copa, dois outros postos júnior e um soldado. Dois outros criados viveram numa cabana da propriedade, três trabalhadores agriculturais em outra e um jardineiro, noutra.

Esta era a principal residência do Príncipe Artur, Duque de Connaught, filho da Rainha Vitória, de 1880. O duque teve uma longa e bem-sucedida carreira militar, desejando ser o Inspetor-Geral das Forças. Entre 1911 e 1916, foi Governador Geral do Canadá. Em 1942, ele faleceu em Bagshot Park.

Sir Nikolaus Pevsner criticou Bagshot Park, achando-a feia; mas a propriedade tinha sido a mais aventurosa residência real a ser criada desde a morte do príncipe consorte em 1861. É um monumento memorável na história do gosto indiano no Reino Unido.