Batalha de Carentan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Carentan
Batalha da Normandia, Segunda Guerra Mundial
American tank in Carentan.jpg
Um tanque de guerra americano nas ruas de Carentan, 1944.
Data 10 - 14 de junho de 1944
Local Carentan, França
Desfecho Vitória dos americanos
Combatentes
US flag 48 stars.svg Estados Unidos Alemanha Nazi Alemanha Nazista
Comandantes
US flag 48 stars.svg Maxwell Taylor
US flag 48 stars.svg Anthony McAuliffe
US flag 48 stars.svg Maurice Rose
US flag 48 stars.svg Robert Sink
Alemanha Nazi Friedrich von der Heydte
Alemanha Nazi Werner Ostendorff
Forças
11 batalhões de paraquedistas
1 batalhão de tanques
1 batalhão de infantaria mecanizada
2 batalhões de paraquedistas
2 batalhões de infantaria (Osttruppen)
2 batalhões de panzergrenadier
1 batalhão panzer
Soldados alemães mortos durante a batalha.

A batalha de Carentan foi um confronto militar travado durante a Segunda Guerra Mundial entre tropas americanas, liderados por unidades paraquedistas, e forças da Wehrmacht (exército alemão) no contexto da batalha pela Normandia. O combate aconteceu entre 10 e 14 de junho de 1944, na região da cidade de Carentan, na costa francesa.[1]

O objetivo do ataque, por parte do exército americano, era consolidar as cabeças de praia (especialmente nas praias de Utah e Omaha) e estabelecer uma linha de defesa contínua contra possíveis contra-ataques alemães. Os soldados nazistas tentaram resistir na cidade tempo suficiente para a chegada de reforços que vinham do sul, que pretendiam evitar ou atrasar a chegada do 1º Exército Americano que, por sua vez, pretendia se unir as tropas Aliadas ainda nas praias. Os alemães queriam impedir que estes marchassem juntos até Lessay-Périers, o que isolaria as forças da Wehrmacht na península do Cotentin.[2]

Carentan foi tomada após cinco dias de intensos combates pelas ruas da cidade. Os reforços alemães para a cidade foram atrasados devido aos ataques aéreos dos Aliados. A 101ª Divisão Aerotransportada dos Estados Unidos liderou a ofensiva. Os defensores alemães, formados principalmente também por paraquedistas, tentaram resistir mas acabaram sucumbindo devido a inferioridade numérica.[3] Valendo-se de sua mobilidade, os paraquedistas americanos, abriam caminho pela periferia de Carentan nos dias 10 e 11 de junho. Em 12 de junho, os nazistas já começavam a recuar, principalmente devido a falta de munição. A 17ª Divisão de Panzers da SS tentou contra-atacar no dia seguinte, investindo contra o perímetro defensivo americano com vários tanques de guerra e diversas unidades de infantaria. Apesar do sucesso inicial, os militares alemães tiveram de recuar quando a 2ª Divisão blindada estadounidense chegou. Em 15 de junho, a cidade de Carentan e boa parte das regiões vizinhas já estavam em mãos Aliadas. Ambos os lados sofreram pesadas baixas durante esta batalha.[4]

Referências

  1. Battle to Control Carentan During World War II. History Net. Página visitada em 24 de junho de 2013.
  2. Ambrose, Stephen E.. D-Day. 1st ed. [S.l.]: Simon & Schuster, 1994. ISBN 0-684-80137-X
  3. McManus, John C.. The Americans at Normandy: The Summer of 1944—The American War from the Normandy Beaches to Falaise. [S.l.]: Forge Books, 2004. ISBN 0-7653-1199-2
  4. Utah Beach to Cherbourg. United States Army Center of Military History (1991). Página visitada em 5 de julho de 2007.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Carentan