Beija-Flor Tesoura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaBeija-Flor-Tesoura
Eupetomena macroura-3.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Apodiformes
Família: Trochilidae
Género: Eupetomena
Espécie: E. macroura
Nome binomial
Eupetomena macroura
Gmelin, 1788
Sinónimos
  • Campylopterus macrourus (Gmelin, 1788)
  • Trochilus macrourus Gmelin, 1788

Beija-Flor-Tesoura ou Tesourão (Eupetomena macroura) é uma espécie de ave da família Trochilidae (beija-flores). Uma das mais comuns encontrada em quase todo o Brasil. Também encontrado na Bolivia, Paraguai, Guiana Francesa entre outros da América Do Sul

Aparência[editar | editar código-fonte]

O Beija-Flor-Tesoura tem esse nome por sua cauda ser dividida no meio, dando a aparência semelhante a de uma tesoura. Sua cabeça, pescoço e cauda são azuis, sendo seu dorso verde. Sua coloração é igual em ambos os gêneros, somente nas fêmeas sendo levemente mais escura, e a fêmea é menor. Medem aproximadamente 15–17 cm (sua cauda medindo quase metade do total), eles são uma das maiores espécies de Beija-Flor e a segunda maior encontrada no Brasil. Pesam cerca de 9 g.

Reprodução[editar | editar código-fonte]

Beija-Flores-Tesoura acasalam pela primeira vez, na idade de 1-2 anos, eles voam juntos em zig-zag quando vão faze-lo. Seu ninho tem a forma de um copinho, e os ovos racham depois de 15-16 dias. Os filhotes nascem nús, com um pouco de penugem. Suas penas nascem depois de 5 dias, e são alimentados de uma a duas vezes por hora por sua mãe. Eles deixam o ninho depois de cerca de 23 dias, mas voltam ao ninho pra dormir por mais alguns dias. Duas a três semanas depois, eles estão completamente independentes.