Crime de honra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um crime de honra consiste num ato de violência cometido por um ou mais membros de uma família contra mulher do mesmo núcleo familiar, usualmente irmã, filha ou esposa, considerando-se determinada conduta imoral e nociva para a honra familiar. São comuns em países como o Paquistão.1

No Brasil[editar | editar código-fonte]

O capítulo do Código Penal Brasileiro que trata dos Crimes contra a honra trata dos crimes que atentam contra a honra subjetiva ou a honra objetiva, seja prejudicando a dignidade pessoal ou a fama profissional, retirando do indivíduo seu direito ao respeito pessoal. Neste capítulo estão tipificadas a calúnia, a difamação e a injúria.

São crimes cometidos utilizando qualquer meio de comunicação que faça transmitir uma ofensa, entre os quais podemos citar a televisão, a internet, o telefone, a ofensa feita diretamente. Igualmente pode a agressão ser feita por palavras, gestos, barulhos (como a imitação de animais) etc.

Os Tribunais brasileiros ainda não pacificaram a questão da ofensa por omissão, como é o caso, por exemplo, do político que deixa de apertar a mão de oponente que lhe oferece gesto de boa-vontade.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um crime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.