Língua hindi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Hindi (हिन्दी)
Falado em:  Índia

Nepal

África do Sul

(Algumas comunidades importantes da África do Sul)
Região: Sul da Ásia
Total de falantes: 322 milhões nativos, 327 milhões ao todo (2011)
Posição: 5
Família: Indo-europeia
 Indo-ariana
  Hindi
Estatuto oficial
Língua oficial de: Índia
Regulado por: Central Hindi Directorate (Diretoria Central de Hindi) [1]
Códigos de língua
ISO 639-1: hi
ISO 639-2: hin

O hindi (ou híndi), é uma língua indo-ariana, derivada do sânscrito e falada por 70% dos indianos, principalmente no norte, centro e oeste da Índia. É parte de uma continuidade dialetal da família indo-ariana fortemente associado a religião hindú.

Os falantes do hindi não são apenas os que o reconhecem como uma língua materna, mas também falantes de outras variantes que consideram o seu idioma uma variante do hindi padrão. Um censo realizado em 2001 revelou que mais de 258 milhões de indianos consideram o hindi como sua língua materna, o que faz do hindi a quinta língua mais falada do mundo.

Estatus Oficial[editar | editar código-fonte]

A constituição indiana de 1950 estabelece o hindi deve ser escrito com o alfabeto devanágari e a classifica como o idioma oficial do governo federal da Índia, constando no artigo oito da constituição indiana, gozando ao lado do inglês de maior prestígio dentro da sociedade indiana.

História[editar | editar código-fonte]

O hindi é uma língua oriunda do sânscrito clássico, mais precisamente do dialeto das proximidades de Délhi, que adquiriu prestígio no periodo do Império Mughal no século XVII, dando-lhe a denominação de urdu, a "língua da corte". Logo depois da independência da Índia as autoridades sentiram a necessidade de uma unificação dentro da idioma, portanto decidiu-se por padronizar o hindi como uma língua separada do urdu, dentro das seguintes convenções:

  • Padronização gramatical: Em 1954 o governo da Índia organizou um comitê para preparar uma gramática para o hindi. O relatório final do comitê foi concluído em 1958 com o tíulo de "Gramática Básica do Hindi Moderno".
  • Padronização ortográfica: obrigatoriedade do uso do alfabeto devanágari pelo Ministério da Educação indiano na intenção de uniformizar a língua e evitar desvios de pronúncia, inclusive na adição de diacríticos para datação de palavras de outras línguas.

A constituinte oficializou o hindi como idioma oficial da União em 14 de setembro de 1949, esta data foi adotada mundialmente como sendo o dia da língua hindi.

Gramática[editar | editar código-fonte]

Pronomes[editar | editar código-fonte]

O hindi tem sete pronomes, três para a segunda pessoa e dois nomes para a terceira pessoa, mas não especifica se é singular ou plural.

Hindi Português
मैं (main)-eu
आप (aap)- o senhor (formal)
तॅम (tum)- você
तॅ (tuu)- tu (muito informal)
येह/वह (yeh/woh) - ele, ela, eles, elas
हॅम (ham) - nós

Nomes[editar | editar código-fonte]

Número[editar | editar código-fonte]

Gênero[editar | editar código-fonte]

Em hindi não há uma regra geral de como se forma o gênero, mas, muitas palavras terminadas em "a" passam a terminar em "e"; geralmente são palavras usadas para o masculino, por exemplo: लड़का lareá (menino); लड़क larkê* (meninos).

Observações: *larkê também pode ser o caso genitivo singular de larká (nominativo);

a palavra para homem (आदमी-aadmi) não possui plural, mas, quando no contexto se refere a vários homens o verbo é conjugado no plural, mas o substantivo é preservado como no singular.

Artigos[editar | editar código-fonte]

Artigo definido e indefinido[editar | editar código-fonte]

Não há artigos definidos em hindi, nem artigos indefinidos.

Posse[editar | editar código-fonte]

Verbo[editar | editar código-fonte]

Semelhante ao latim e ao persa, a ordem na frase em hindi costuma ser sujeito-objeto-verbo. Há uma certa complicação para quem não está acostumado, pois, uma frase como: o menino pula é (está pulando): larka kud-raha-he; em que "larka" é "o menino", "kud" é um radical que traz a idéia de "pulo, salto", "raha" é o sufixo para o singular e masculino e "he" é o verbo ser/estar, literalmente (menino pulando(ele) está). Se for dito: a menina pula (está pulando): larki kud-rahi -he; onde "larki" é "a menina", e "rahi" é o sufixo para o singular feminino.

Para se dizer "os meninos pulam (estão pulando)" se diz:larke kud-rahe-hen; ou seja; "larke", os meninos, "rahe" é o sufixo masculino plural, literalmente: meninos pulando(eles) estão pulando.

Então para se dizer muitos outros verbos, se troca o kud (pula) por qualquer outro: ur (voa); tchal (caminha); dòr (corre); muskura (sorri); pii (bebe); bethi (senta); par (lê).

Em hindi o verbo pode variar conforme o número, gênero, modo e tempo (comum em línguas indo-européias).

Um cuidado deve ser tomado quando se pronuncia o verbo ser/estar no singular e no plural, pois, soa muito semelhante: ह - hee (é, está) e ह hen (são, estão). A forma plural possui um pequeno ponto nasal difícil de se perceber, e nem são diferenciados por algumas fontes.

Vocabulário[editar | editar código-fonte]

  • Aatma: Alma
  • Akash: Céu
  • Dil: Coração
  • Sri (shri): "senhor"
  • Moti: Gordo(a)
  • Lamba: Alto(a)
  • Aadmi: Homem
  • Aurat: Mulher
  • Thigna: Baixo(a)

Numerais[editar | editar código-fonte]

0 - शून्य - shunya

1 - एक - ek

2 - दो - dô

3 - तीन - tín

4 - चार - tchar

5 - पांच - pantch

6 - छः - tchê

7 - सात -sat

8 - आठ - aath

9 - नौ - nò

10 - दस - dâs

11 - ग्यारह - gyara

12 - बारह - baara

13 - तेरह - têra

14 - चौदह - tchòda

15 - पन्द्रह - pandrah

16 - सोलह - sola

17 - सत्रह - satrah

18 - अठारह - atrah

19 - उन्नीस - unís

20 - बीस - bis

30 - तीस - tis

40 - चालीस - tchalis

50 - पचास - patchas

60 - साठ - saath

70 - सत्तर - satar

80 - अस्सी - assí

90 - नव्व - nabê

100 - सौ - sò

1000 - एक हजार - ek hajar

100000 - एक लाख - ek lakh

Para esta breve explicação dos numerais não foi utilizado nenhuma forma oficial de transliteração, mas apenas uma forma de fazer os lusófonos pronunciarem o mais parecido possível.

Para quem não está acostumado com o idioma, os números 7 e 60 podem confundir por terem pronúncias parecidas. O uso do ò serviu para não ser confundido com o ô (como em ovo), mas, o ó (como em ópera).

Sistema de escrita[editar | editar código-fonte]

O sistema de escrita do hindi é o alfabeto devanagari, o mesmo que era utilizado na escrita do sânscrito, língua hoje somente utilizada em atividades religiosas. Além do hindi, algumas outras línguas do norte e da região central da Índia também utilizam o devanagari como seu sistema de escrita. Um exemplo é o marathi, falado no estado do Maharashtra, cuja capital, Mumbai, é também a capital econômica da Índia. Embora a maior parte da população indiana não tenha o hindi como língua materna, grande parte o domina como segunda língua, o que faz desta língua indiana uma das mais faladas no mundo.

Fonologia[editar | editar código-fonte]

Hindi vowel chart.png

Ver também[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikilivros Livros e manuais no Wikilivros
Wikiquote Citações no Wikiquote

O urdu é considerado como um idioma muçulmano e o hindi como um idioma do hinduísmo.

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.