Notorious (filme de 1946)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Notorious
Difamação (PT)
Interlúdio (BR)
1Notorious start.png
 Estados Unidos
1946 • p&b • 101 min 
Direção Alfred Hitchcock
Roteiro Ben Hecht / Clifford Odets / Alfred Hitchcock
Elenco Cary Grant
Ingrid Bergman
Claude Rains
Louis Calhern
Género suspense
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Notorious (br: Interlúdio / pt: Difamação) é um filme estadunidense de 1946, do gênero suspense, dirigido por Alfred Hitchcock. O roteiro é baseado em The Song of the Dragon, história de John Taintor Foote, que não foi creditado como roteirista.

Notorious foi refilmado para a televisão estadunidense em 1992.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um agente do governo estadunidense chantageia a filha de um nazista, para forçá-la a espionar um agente alemão que mora no Rio de Janeiro.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Cary Grant .... T.R. Devlin
  • Ingrid Bergman .... Alicia Huberman
  • Claude Rains .... Alexander Sebastian
  • Louis Calhern .... capitão Paul Prescott
  • Leopoldine Konstantin .... madame Anna Sebastian
  • Reinhold Schünzel .... Dr. Anderson (as Reinhold Schunzel)
  • Moroni Olsen .... Walter Beardsley
  • Ivan Triesault .... Eric Mathis
Cary Gtant e Ingrid Bergman em cena do filme
  • Alex Minotis .... Joseph
  • Wally Brown .... Sr. Hopkins
  • Charles Mendl .... Comodoro
  • Ricardo Costa .... Dr. Julio Barbosa
  • Eberhard Krumschmidt .... Emil Hupka
  • Fay Baker .... Ethel

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Cameo de Hitchcock
  • O produtor David O. Selznick pretendia que a atriz Vivien Leigh interpretasse a personagem "Alicia", papel que acabou nas mãos de Ingrid Bergman.
  • A tradicional aparição do diretor Alfred Hitchcock surge com aproximadamente uma hora de filme, em meio à festa realizada na mansão de Alexander Sebastian.
  • Alfred Hitchcock consultou o ganhador do Prêmio Nobel, Robert Andrews Millikan, sobre como fazer uma bomba atômica, mas ele se recusou a responder; apenas confirmou que o principal componente, o urânio, poderia caber numa garrafa de vinho.
  • Em muitas das cenas em que contracenou com Ingrid Bergman, o ator Claude Raines estava sobre um caixote, para dar a impressão que ele era bem mais alto que a atriz.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]