Rambo: First Blood Part II

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde maio de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rambo: First Blood Part II
Rambo II - A Vingança do Herói (PT)
Rambo II - A Missão (Rambo II) (BR)
 Estados Unidos
1985 • cor • 94 min 
Direção George P. Cosmatos
Produção Buzz Feitshans
Produção executiva Mario Kassar
Andrew G. Vajna
Roteiro Sylvester Stallone
James Cameron
Kevin Jarre
Elenco Sylvester Stallone
Richard Crenna
Charles Napier
Steven Berkoff
Julia Nickson-Soul
Género Ação
Idioma Inglês
Música Jerry Goldsmith
Direção de arte Bill Kenney
Direção de fotografia Jack Cardiff
Figurino Tom Bronson
Edição Larry Bock
Mark Goldblatt
Mark Helfrich
Gib Jaffe
Frank E. Jimenez
Cronologia
Último
Último
First Blood (1982)
Rambo III (1988)
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

Rambo: First Blood Part II (Brasil: Rambo II - A Missão; Portugal: Rambo II - A Vingança do Herói) é um filme americano de 1985, dirigido por George P. Cosmatos, com estória de Kevin Jarre e roteiro de Sylvester Stallone e James Cameron. É o segundo filme da série em que Sylvester Stallone interpreta o veterano de guerra John Rambo.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme começa com John Rambo preso em um campo de trabalho sendo chamado pelo seu antigo coronel, Samuel Trautman, para uma missão no Vietnã, ele deverá verificar os prisioneiros de guerra americanos que lá estão, o local é a mesma prisão da qual ele escapou em 1971e é considerado uma das 3 pessoas mais preparadas para tal, em troca, ganharia sua liberdade e a possibilidade de voltar ao exército americano. Ele aceita e é imcubido de apenas tirar fotos dos prisioneiros para provar para o governo e para a população que estes existem. No local, Co Bao, uma mulher do local que está trabalhando para os americanos estará a sua espera para auxiliá-lo na missão, que deverá ser cumprida em um período de 36 horas. Durante a sua chegada às terras vietnamitas, por um salto de para-quedas, Rambo perde grande parte dos seus equipamentos e toca o solo somente com uma faca, arco e flechas. Co Bau o leva para um acampamento onde estão muitos prisioneiros de guerra americanos, ele resolve ignorar as ordens recebidas e invade o acampamento para tentar algum resgate, na tentativa de libertar um prisioneiro ele se encontra novamente com Co Bau e tentam escapar do local, matando muitos soldados e destruindo até um barco da marinha que estava a sua procura, pois os vietnamitas encontraram os soldados por ele mortos. Isso enquanto o coronel inicia a operação de resgate de Rambo, encontra-o, mas no momento do salvamento, recebe ordens do marechal Murdock para que aborte a missão e, sob a mira do revólver de um dos ocupantes do helicóptero, acata as ordens superiores e Rambo é preso com o soldado que tentava libertar. Murdock teme o que pode acontecer consigo e com seu partido se a situação dos prisioneiros vier a público. Rambo então clama por vingança a Murdock, foge da prisão com o auxílio de Co Bau, que entrou no acampamento se passando por uma prostituta. Quando achavam que estavam a salvo, ela cuida dele e acabam se beijando, mas logo depois são surpreendidos por um grupo de soldados que a matam. Rambo, desejando mais ainda a vingança, ataca os vietnamitas e os russos que os apoiavam, exterminando-os do acampamento, salva os prisioneiros e exige que Murdock vá atrás de todos os outros. Assim, nega voltar ao exército e obtém sua liberdade de volta.

O argumento do filme muito se assemelha ao roteiro de Braddock - O Super Comando (Missing in Action), de 1984, estrelado por Chuck Norris.

Produção[editar | editar código-fonte]

Os produtores do filme acharam que o filme seria mais lucrativa se Rambo obtivesse um parceiro em sua missão de resgate. Este parceiro seria interpretado por John Travolta, porém Stallone não aprovou a idéia.

A idéia original de titulo para o filme foi de James Cameron, que queria que o nome do filme fosse First Blood II: The Mission (traduzindo para português A Missão).

Crítica e recepção comercial[editar | editar código-fonte]

O filme que custou em torno de 27 milhões de dolares para faze-lo, foi sucesso de bilheteria. Só na América do Norte rendeu $150 milhões, ficando ao lado dos 2 filmes mais bem sucedidos de 85 na América do Norte, junto de Back to the Future e Rocky IV.

Apesar do filme ser sucesso comercial, na crítica a história foi diferente, o filme foi massacrado. Chegando até a ser indicado e vencendo como pior filme de 1985 no Golden Raspberry Awards.

Premiaçoes[editar | editar código-fonte]

Apesar de ser indicado ao pior filme do ano, foi o único filme da série a ser indicado pela Academy Award por melhor edição de som.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.