União Desportiva Oliveirense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
U. D. Oliveirense
Nome União Desportiva Oliveirense
Alcunhas Unionistas;Oliveirenses
Fundação 25 de outubro de 1922 (92 anos)
Estádio Estádio Carlos Osório
Capacidade 4900 (1670 sentados)
Localização Oliveira de Azeméis
Presidente PortugalJosé Godinho
Treinador PortugalArtur Marques
Patrocinador Portugal Grupo Simoldes
Material esportivo Itália Macron
Competição Portugal Segunda Liga
2011-2012 6.º
2010-2011 4.º
2009-2010 5.º
Website udoliveirense.pt
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

A União Desportiva Oliveirense é um clube português, localizado na cidade de Oliveira de Azeméis,na Área Metropolitana do Porto.

História do Futebol Oliveirense[editar | editar código-fonte]

A União Desportiva Oliveirense, fundada em 25 de Outubro de 1922, é o clube mais representativo do concelho de Oliveira de Azeméis e um dos "grandes" do distrito de Aveiro. Antes de 1922 terão existido outros clubes que passaram por diversas transformações. O primeiro terá sido o Sport Clube Oliveirense, que começou a jogar provas distritais, ainda que não devidamente oficializado. Quirino jogava na equipa ajudado por José Moía e o cunhado Cândido, que facilitavam os transportes. Um dia resolveram pedir ajuda financeira ao menos para a comida, mas não foram atendidos.

Convocaram então uma assembleia-geral numa casa junta à actual MOVARTE (estabelecimento de móveis) e aí resolveram fundar um novo clube. Estes dissidentes saíram a gritar: “a casa é vossa, mas a rua é nossa. Viva a União Desportiva Oliveirense!” Os dissidentes erguiam então em 25 de Outubro de 1922, a grande rivalidade com o Sport Clube Oliveirense, que ficou enfraquecido até à morte, porque viu sair as principais vedetas. Este Quirino foi jogador de raro talento. A ele juntou outro, Carnaval – Lourenço Praça de seu nome próprio – o único sobrevivente, em 1976, de quanto iniciaram em 1922 a União Desportiva Oliveirense no velho Campo da Laje.

Na época 2007/2008 a Oliveirense cumpriu toda a primeira fase sem derrotas sendo a unica equipa dos campeonatos nacionais com esse feito. Na segunda fase, continuou com a mesma invencibilidade que so viria a ser quebrada apos ter conseguido assegurar a primeira posição. No play-off de acesso, demonstrou ser uma equipa muito superior ao Ribeirão, nada justificado pelo resultado agregado de 3-2, sendo em ambos os jogos muito penalizada pelas arbitragens. No entanto a qualidade em bola corrida da União Desportiva Oliveirense valeu-lhe a vitoria e a promoção a Liga de Honra, 7 anos depois da ultima participação naquele escalão.

História do Hóquei em Patins Oliveirense[editar | editar código-fonte]

1969 Não há dados concretos, mas neste ano começaram as primeiras conversas para a criação de uma equipa de hóquei em patins em Oliveira de Azeméis, dado a popularidade da modalidade e o facto de o Clube Escola Livre de Azeméis estar inactivo nesta modalidade há alguns anos; Um dos principais mentores deste projecto foi o Professor António Costeira, antigo hoquista da Escola Livre, que se tornou treinador e dirigente da equipa de hóquei em patins da União Desportiva Oliveirense.

1970 Janeiro de 1970: Por indicação da FPP, a Oliveirense passa a fazer parte da Associação de Patinagem de Aveiro. No entanto, por não haver campeonato regional em Aveiro nesta época, a Oliveirense participa no Campeonato Regional do Porto (Apuramento para a 2ª Divisão Nacional); Com apenas sete atletas federados, a Oliveirense consegue igualar o feito do Futebol Clube do Porto, alguns anos antes, quando se sagra campeã regional invicta logo no ano de estreia em provas oficiais de hóquei em patins. Apesar de se ter sagrado campeã, a Oliveirense não é promovida à 1ª Divisão Nacional, sendo obrigada a voltar a disputar o campeonato regional de Aveiro na época seguinte. Actualmente disputa a 1ª Divisão Nacional, sendo o 3º 'Grande' no Hóquei em Patins em conjunto com o SL Benfica e o FC Porto.

História do Basquetebol Oliveirense[editar | editar código-fonte]

Foi criado em 1989 a secção de basquetebol da Oliveirense, disputando então a III Divisão Nacional. Na época 1990/91 subiu a II Divisão Zona Norte. Em 1993 subiu à I divisão começando ai a sua grande campanha no basquetebol português e europeu. Conseguindo estar presente no primeiro ano na I divisão, na final four da Taça da Liga, obtendo ai o 3º lugar. Na época 1995/96participou na primeira competição europeia, Taça Korac, defrontando a equipa inglesa do Worthing Bears, passando à 2ª eliminatória, tendo sido eliminados pela equipa francesa do Dijon. Em 1997 foram pela primeira vez vice-campeão. Tal como em 2000/01 e 2001/02 tendo perdido o título nestas duas edições para a Portugal Telecom. No entanto, os títulos conquistados pelo basquetebol foram dos mais prestigiados sendo a Taça de Portugal conquistada na época de 2002/2003 numa vitória frente à Portugal Telecom. O Basquetebol Oliveirense viria a conquistar duas vezes a Taça da Liga, a primeira vez na época de 2002/2003 frente ao CAB Madeira e na época de 2005/2006 na final contra a Ovarense Aerosoles no ano em que a direcção poria fim à equipa sénior basquetebolista. Neste momento, a equipa de basquetebol Oliveirense é uma das mais prestigiadas de Portugal, competindo na época 2007/2008 no Campeonato Nacional da 2ª Divisão de Basquetebol (CNB2). Na época seguinte, conquistou o titulo da CNB2, sendo promovida ao Campeonato Nacional da 1ª Divisão (CNB1), o qual disputou nessa época ano pela primeira vez em toda a sua historia. A Oliveirense sagrou-se logo nesse ano Campeã Nacional da 1ª Divisão (CNB1), subindo à Proliga, campeonato que disputou duas épocas consecutivas. No inicio da última época, a equipa de basquetebol adicionou mais dois títulos ao seu palmarés, desta vez o Troféu António Pratas e o Campeonato Nacional da Proliga regressando desta forma a LNB.

Histórico do Futebol Sénior[editar | editar código-fonte]

Nº Presenças Títulos
Temporadas na 1ª Liga 1
Temporadas na 2ª Liga 7 (a decorrer)
Temporadas na 2ª Divisão 32
Temporadas na 2ª Divisão B 17 2 (2000/01 e 2007/08)
Temporadas na 3ª Divisão 18 1 (1957/58)
Taça de Portugal 62 (a decorrer)
Taça da Liga 6 (a decorrer)
Taça UEFA 0

Classificações[editar | editar código-fonte]

Escalão 00/01 01/02 02/03 03/04 04/05 05/06 06/07 07/08 08/09 09/10 10/11 11/12 12/13
Liga Zon Sagres - - - - - - - - - - - -
Segunda Liga - 18º - - - - - - 14º
II Divisão B - 11º - - - -
III Divisão - - - - - - - - - - - -
1º Escalão Dist. - - - - - - - - - - - -
2º Escalão Dist. - - - - - - - - - - - -

Plantel 2013/2014[editar | editar código-fonte]

Nº. Posição Jogador
1 Portugal GR João Pinho
24 Portugal GR Fábio Oliveira
16 Senegal GR Mamadou Ba
3 Portugal DF Ricardo Fazenda
4 Portugal DF Sérgio Silva
37 Portugal DF Diogo Resende
30 Guiné-Bissau DF Banjai
15 Brasil DF Luciano
20 Portugal DF Laranjeira
40 Guiné-Bissau DF Califo
77 Portugal DF Steven
5 Portugal DF Paulinho
8 Portugal MC Godinho
10 Portugal MC José Pedro Sousa
7 Portugal MC Carela
14 Brasil MC Renan
15 Portugal MC Diogo Santos
18 Cabo Verde MC Laurindo
23 Portugal MC Rui Lima
19 Portugal MC João Almeida
21 Portugal MC Ricardo Guimarães
30 Costa do Marfim MC Alfhonse
45 Portugal MC Nuno Sousa
9 Portugal AV Carlitos
11 Portugal AV Hélder Silva
6 Portugal AV Guima
28 Senegal AV Yero
13 Portugal AV Pedro Oliveira
17 Cabo Verde AV Ely
25 Cabo Verde AV Valdinho

Equipa técnica[editar | editar código-fonte]

Equipa técnica
Nacionalidade Nome Posição
Portugal Português Artur Marques Treinador
Portugal Português Bruno Sousa Treinador Adjunto
Portugal Português Pedro Cravo Treinador Adjunto
Portugal Português Pedro Bairrada Treinador de Guarda-Redes
Portugal Português André Barbosa Preparador Físico
Portugal Português Vitor Hugo Massagista
Portugal Português Ivo Almeida Fisioterapeuta
Portugal Português José Maria Técnico de Equipamentos
Portugal Português

|}

Palmarés[editar | editar código-fonte]

  • Futebol:
    • Vencedor do Campeonato de Aveiro: 1945/1946
    • Presença na 1ª Divisão Nacional: 1945/1946
    • Campeão da 1ª Divisão AF Aveiro: 1951/1952, 1956/1957 e 1957/1958
    • Campeão da 3ª Divisão Nacional: 1957/1958
    • Campeão da 2ª Divisão Nacional B (Zona Centro): 2000/2001
    • Vencedor da Série B da 2ª Divisão Nacional B: 2005/2006
    • Vencedor da Série B da 2ª Divisão Nacional B: 2007/2008
    • Campeão da 2ª Divisão Nacional: 2007/2008
    • Último clube europeu a ser derrotado: 2007/2008
    • Semi-finalista da Taça de Portugal: 2011/2012
  • Basquetebol:
    • Taça de Portugal: 2002/2003
    • Taça da Liga: 2002/2003 e 2005/2006
    • Supertaça: 2003/2004
    • Vice-Campeão Nacional: 3x
    • Campeão Nacional da Proliga : 2012/2013
    • Campeão Nacional da 2ª Divisão (CNB2): 2009/2010
    • Campeão Nacional da 1ª Divisão (CNB1): 2010/2011
    • Troféu António Pratas (Proliga): 2012
  • Hóquei em Patins:
    • 1º Classificado no Campeonato Nacional da 2ª Divisão Zona Norte: 1975
    • Taça de Portugal: 1996/1997; 2010/2011; 2011/2012
    • Taça CERS: 1996/1997
    • 5º classificado no campeonato do mundo de clubes: 2008
    • Semi-finalista da Taça CERS: 2008/2009
    • 4º Classificado no Ranking Mundial de Clubes: 2010

Competição[editar | editar código-fonte]

Futebol: 2013-2014 - Segunda Liga

Futebol (Juniores A): 2013-2014 - 1ª Divisão Nacional

Futebol (Juniores C): 2013-2014 - 1ª Divisão Nacional

Basquetebol: 2013-2014 - Liga Nacional de Basquetebol

Hóquei em Patins: 2013-2014 - 1ª Divisão Nacional

Recintos[editar | editar código-fonte]

Futebol - Estádio Carlos Osório - (1670 espetadores)

Futebol Formação - Centro de Formação Ápio Assunção - (1000 espetadores)

Basquetebol/Hóquei em Patins - Pavilhão Dr. Salvador Machado - (4000 espetadores)

Estádio Carlos Osório[editar | editar código-fonte]

Estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis

O Estádio Carlos Osório é o recinto desportivo onde a Oliveirense realiza os seus encontros já há 65 anos, inclusive este ano na Liga de Honra.

O estádio situa-se entre o centro da de Oliveira de Azeméis e o famoso Parque de Nossa Senhora de La-Salette. A sua capacidade atual é de apenas 1670 lugares sentados. Em tempos, possuiu iluminação artificial para jogos oficiais. O recinto é propriedade exclusiva do clube e a sua designação é honra de Carlos Osório, cidadão oliveirense que cedeu os terrenos para a construção do mesmo.

Pavilhão Dr. Salvador Machado[editar | editar código-fonte]

O ano de 1983 assinalou o lançamento da primeira pedra e o de 1986 o da sua inauguração. Ao longo dos seus longos anos de existência o pavilhão da União Desportiva Oliveirense foi já palco de competições do calendário desportivo internacional e viveu alguns momentos de glória, principalmente do hóquei em patins e futsal.

Centro de Formação Ápio Assunção[editar | editar código-fonte]

Inaugurado no dia 25 de Junho de 2005, o Centro de Formação de Futebol Ápio Assunção, é um marco para a U.D. Oliveirense, para a formação de novos talentos.

Marca do equipamento[editar | editar código-fonte]

Macron

Patrocínio[editar | editar código-fonte]

Grupo Simoldes - Banif - Caçarola - Azeméis é Vida - Comansegur

Ligações externas[editar | editar código-fonte]