Vila Nova (Porto Alegre)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vila Nova
—  Bairro do Brasil  —
Vila Nova Porto Alegre.JPG
Município Porto Alegre
Área
 - Total 1.031 hectares
População
 - Total 33,145 hab (2 000)
15,773 homens
17,372 mulheres
    • Densidade 32 hab/ha/km2 
Taxa de crescimento (+) 1,4% (de 1991 a 2000)
Domicílios 9.953
Rendimento médio mensal 5,35 salários mínimos
Fonte: Não disponível

Vila Nova é um bairro localizado na zona sul da cidade brasileira de Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul. Foi criado pela Lei 2022 de 7 de dezembro de 1959.

Histórico1 [editar | editar código-fonte]

O bairro foi povoado por imigrantes italianos que começaram a chegar em 1893. Antigamente a região chamava-se Colônia Vila Nova d'Itália. Os lotes de terra eram vendidos aos imigrantes, ao contrário das terras de outras cidades na Serra Gaúcha. Os italianos cultivaram a uva e outras frutas e, desde muitos anos, realiza-se a Festa do Pêssego em Vila Nova.

Enfrentando as dificuldades de ocupação de um terreno com mata virgem, o esforço da comunidade propiciou a criação de diversas instituições: uma escola em 1897 que, mais tarde, seria a Escola Estadual Alberto Torres; a construção, em 1906, da capela que originaria a Paróquia São José de Vila Nova; a fundação, em 1911, de uma cooperativa agrícola e uma caixa de crédito rural, que vieram transformar a região e expandir os negócios dos pequenos agricultores da Vila.

Características atuais[editar | editar código-fonte]

Atualmente, o bairro caracteriza-se como residencial e ainda conserva características rurais, como as chácaras ainda existentes e as tradicionais festas realizadas na Paróquia de São José de Vila Nova2 .

A Vila Nova é, nas últimas décadas, um dos bairros preferidos para a construção de condomínios fechados de luxo, devido à sua natureza exuberante e aos terrenos razoavelmente baratos. Ao mesmo tempo que tem condomínios de luxo, a Vila Nova também é o bairro escolhido pela prefeitura de Porto Alegre para a construção de casas populares, com a finalidade de abrigar as famílias de baixa renda, muitas saídas de favelas.

A Festa do Pêssego, realizada anualmente, atrai milhares de visitantes ao bairro3 .

Limites atuais[editar | editar código-fonte]

Estrada da Cavalhada, da esquina da Estrada da Pedreira até encontrar a variante Estrada da Cavalhada; desta, até a embocadura de uma via projetada; e, por esta, até o extremo sul da Rua Potreiro Velho; deste ponto, por uma linha imaginária, seca e reta, em direção sul/norte, até encontrar o entroncamento da Estrada Velha de Belém com a Estrada de Belém; daí, pela Estrada das Furnas até encontrar a Avenida Vicente Monteggia; por esta via pública, até encontrar a Estrada da Palmeira; e, desta, até encontrar novamente a Estrada da Cavalhada.4

Moradores ilustres5 [editar | editar código-fonte]

Referências

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • FRANCO, Sérgio da Costa. Porto Alegre: guia histórico. Porto Alegre: Ed. da Universidade/UFRGS, 1992
  • MALMANN, Ana Maria Monteggi. Vila Nova. Porto Alegre: Unidade Editorial da Secretaria Municipal da Cultura, 1996

Ligações externas[editar | editar código-fonte]