AIESEC

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
AIESEC
Logo da AIESEC
Lema "A AIESEC visa a paz e o preenchimento das potencialidades humanas."
Fundação 1948
Tipo Organização sem fins lucrativos
Sede Rotterdam Países Baixos
Membros + 100.000
Línguas oficiais Inglês
Presidente da AIESEC International (PAI) Niels Maurice Caszo
Sítio oficial www.aiesec.org
AIESECos dançando "Roll Call" (músicas coreografadas que representam a cultura de um país ou comitê da AIESEC) em uma conferência na França em 2013.

A AIESEC é uma plataforma internacional que possibilita o desenvolvimento pessoal e profissional de jovens estudantes através de programas de trabalho em equipe, liderança e intercâmbio. Presente em 127 países[1] e territórios, com mais de 86.000 membros e 8000 organizações parceiras, a AIESEC é a maior organização mundial de estudantes. Sua sede está localizada em Rotterdam, Países Baixos.

A AIESEC é uma organização não-governamental com status consultivo junto ao Conselho Econômico e Social das Nações Unidas (ECOSOC), afiliada ao Departamento de Informação Pública da ONU (DPI), membro do Encontro Internacional de Coordenação de Organizações da Juventude (ICMYO), e reconhecida pela UNESCO.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Após a Segunda Guerra Mundial, em 1946, estudantes de 9 universidades de 6 países se reuniram em Liège, Bélgica, com o objetivo de criar uma nova forma de cooperação. Foi criada a "Association Internationale des Etudiants en Sciences Economiques et Commerciales", a AIESEC. Atualmente, o nome por extenso não é mais utilizado, uma vez que seus membros pertencem também a outras áreas de conhecimento, sendo usado sempre o acrônimo AIESEC. Sua missão era criar relações entre organizações de estudantes e assim promover oportunidades de intercâmbio. Jaroslav Zich, um jovem checo, foi eleito seu presidente. A sede de operações foi estabelecida em Praga, Checoslováquia. Com a tomada do poder pelos comunistas deste país e de forma a permanecer politicamente neutra, AIESEC teve de deixar a Checoslováquia no mesmo ano.

Em 1949 um segundo congresso foi realizado em Estocolmo. Sete países participaram: Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Países Baixos, Noruega e Suécia.

Os representantes assinaram o documento de fundação da «Association Internationale des Etudiants en Sciences Economiques et Commerciales» (AIESEC).

Em Portugal a AIESEC começou a sua atividade em 1959 no ISCEF, atual ISEG, tendo sido membros da associação, por exemplo, o atual Presidente da República Aníbal Cavaco Silva e Murteira Nabo.[2]

Nos países lusófonos[editar | editar código-fonte]

Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, a associação foi fundada em 1970, tendo como seu primeiro comitê nacional da AIESEC em São Paulo, na Fundação Getúlio Vargas (FGV), em 1971. Nos anos seguintes a organização se expandiu rapidamente para Porto Alegre, Rio de Janeiro, Florianópolis, Santos, Belo Horizonte e Curitiba, chegando a Brasília, Vitória e Salvador no início do anos 80. Hoje é constituída por aproximadamente 3000 membros, divididos entre 51 escritórios locais: ABC, Aracaju, Balneário Camboriú, Bauru, Belém, Belo Horizonte, Blumenau, Brasília, Campina Grande, Campo Grande, Chapecó, Cuiabá, Curitiba, ESPM (São Paulo), Florianópolis, Fortaleza, Franca, Getúlio Vargas (São Paulo), Goiânia, Insper (São Paulo), Itajubá, João Pessoa, Joinville, Limeira, Londrina, Maceió, Manaus, Maringá, Natal, Pelotas, Porto Alegre, PUC (São Paulo), Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, Santa Maria, Santarém, Santos, São José do Rio Preto, São Carlos, Sorocaba, Teresina, Uberlândia, USP (São Paulo), Vale do São Francisco, Vale do Paraíba, Vitória, Viçosa e Volta Redonda. Algumas cidades que também já possuíram escritórios da AIESEC, mas que encerraram suas atividades são: Dourados, Ilhéus, Marília, Passo Fundo, Ponta Grossa, Santa Cruz do Sul e São Luís.

A AIESEC está presente em todas as regiões do Brasil, crescendo exponencialmente para o norte do país desde 2008, ano em que a organização fundou o primeiro comitê local na região, em Manaus (AM). Em 2013, a AIESEC no Brasil bateu um recorde histórico em realização de intercâmbios, passando a marca de 3000 intercâmbios realizados em menos de um ano. Entre julho de 2015 e junho de 2016, a organização bateu o recorde de 6000 intercâmbios realizados no período de 12 meses, se consolidando como uma das maiores entidades da AIESEC globalmente.

Em 2011, a Iniciativa de Expansão da AIESEC Paraguai foi aprovada pelo Plenário Global na Conferência Internacional da AIESEC no Quênia e, em 2012, tornou-se Extensão Oficial, sendo patrocinada pela AIESEC no Brasil e liderada por ex-membros da entidade brasileira e da AIESEC na Itália.

Em 2014, a AIESEC no Brasil se tornou TOP 1 mundialmente, em quantidade de experiência de lideranças entregues, ultrapassando também a marca dos 5000 intercâmbios realizados em menos de um ano.[3] Em 2015, foi premiada com o prêmio de Excelência Global por conta do seu trabalho desenvolvido no país. Em agosto de 2016, a AIESEC no Brasil foi novamente premiada com o prêmio de Excelência Global, entregue no Congresso Internacional de 2016 da AIESEC, na Polônia.

Portugal[editar | editar código-fonte]

Em Portugal, existem dez escritórios da AIESEC, a saber: AIESECinUBI na Covilhã; AIESEC no Minho, AIESEC na FEP, AIESEC em Aveiro, AIESEC em Coimbra NEFE, AIESEC Lisboa ISCTE, AIESEC Lisboa ISEG, AIESEC Lisboa Católica e AIESEC Lisboa Nova .

Moçambique[editar | editar código-fonte]

Em Moçambique, existem quatro escritórios, dois na capital Maputo, um localizado na universidade Eduardo Mondlane e outro na Isctem, um na cidade da Beira localizado no campus do Matacuane pertencente a universidade Zambeze, província de Sofala. E agora presente na região norte do país concretamente na cidade de Nampula.

Cabo Verde[editar | editar código-fonte]

Em Cabo Verde, as operações iniciaram-se em 2013 e atualmente estão em funcionamento 2 escritórios, um em capital Praia e outro na Assomada, ambos na Ilha de Santiago.

Referências

  1. «AIESEC: About (Numbers)». Consultado em 19 de setembro de 2013. 
  2. «Antigo Aluno do ISEG eleito Presidente da AIESEC Internacional». ISEG. 10 de Maio de 2010. Consultado em 12/05/2010. 
  3. AIESEC no Brasil (06/10/2014). «ANNUAL REPORT 2013|2014 - AIESEC no Brasil». Consultado em 11/10/2014.  delete character character in |título= at position 1 (Ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre AIESEC