Estação Casqueiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Casqueiro
Uso atual Trens cargueiros
Administração MRS
Linha Linha-tronco
Código SP-0541
Informações históricas
Inauguração Meados de 1896 (posto telegráfico)

c. 1984 (estação ferroviária)

Fechamento Meados de 1960 (posto telegráfico)

30 de novembro de 1996 (estação ferroviária)

Localização
Localização Av. Tancredo de Almeida Neves, 7056 Cubatão, SP
Próxima estação
Sentido Jundiaí Sentido Valongo
Cubatão Alemoa
Casqueiro

A Estação Casqueiro, foi uma estação ferroviária pertencente a Estrada de Ferro Santos-Jundiaí.

História[editar | editar código-fonte]

Aberta em 1896 pela São Paulo Railway (SPR), foi uma das primeiras edificações ferroviárias do estado de São Paulo, juntamente com a ferrovia que seguia até Jundiaí, no interior paulista. Desde sua inauguração até 1983, era um pequeno posto telegráfico com embarque/desembarque ocasional de passageiros até a década de 1960 quando foi desativado.[1]

Em 2 de dezembro de 1983 a prefeitura de Cubatão licitou a construção de uma edificação e novas plataformas para abrigar uma estação e um bicicletário no lugar já desativado posto telegráfico, a um custo de 250 milhões de cruzeiros (financiados pelos governos de São Paulo e Federal[2]) e prazo de conclusão de 180 dias.[3]

A nova estação Casqueiro foi aberta em meados de 1984/1985, porém sempre foi subutilizada (sendo considerada um elefante branco) dada a falta de investimentos da RFFSA nos trens de subúrbios do litoral paulista e a competição com os ônibus metropolitanos. Em 30 de novembro de 1996 circulou o último trem suburbano e a estação foi fechada. Entre 2003 e 2012 a estação foi demolida.[4][1]

Referências

  1. a b Ralph Mennucci Giesbrecht (2001). «Casqueiro». Estações Ferroviárias do Brasil. Consultado em 7 de março de 2019 
  2. «Capital e Baixada receberão 45,4 bilhões para transporte». Folha de S.Paulo, Ano 64,edição 20090, página 19. 4 de abril de 1984. Consultado em 7 de março de 2019 
  3. «Dia a Dia- Cubatão». Folha de S. Paulo, Ano 63, edição 19967, página 20. 3 de dezembro de 1983. Consultado em 7 de março de 2019 
  4. «Estações ferroviárias de Cubatão». Novo Milênio. Consultado em 7 de março de 2019 
Precedido por
Cubatão
Linha-tronco
Estrada de Ferro Santos-Jundiaí da SPR
Casqueiro
Km 12,300
Sucedido por
Alemoa
Linha-tronco