F6F Hellcat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada no artigo «Grumman F6F Hellcat» na Wikipédia em inglês e também na página de discussão. (agosto de 2015)
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2015). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
F6F Hellcat
Picto infobox Mig 29.png
Descrição
Tipo / Missão Caça embarcado, com motor a pistão, monomotor monoplano
País de origem  Estados Unidos
Fabricante Grumman
Período de produção 1942-1945
Quantidade produzida 12275 unidade(s)
Custo unitário US$35,000 (1945)
Primeiro voo em 26 de junho de 1942 (73 anos)
Introduzido em 1943
Aposentado em 1960 ( Marinha do Uruguai)
Tripulação 1
Especificações (Modelo: F6F-5 Hellcat)
Dimensões
Comprimento 10,34 m (33,9 ft)
Envergadura 13,06 m (42,8 ft)
Altura 3,99 m (13,1 ft)
Área das asas 31  (334 ft²)
Peso(s)
Peso vazio 4 190 kg (9 240 lb)
Peso carregado 5 714 kg (12 600 lb)
Peso de decolagem 6 990 kg (15 400 lb)
Propulsão
Motor(es) 1 x motor a pistão radial Pratt & Whitney R-2800-10W "Double Wasp" supercharger de dois estágios de velocidade
Potência (por motor) 2 200 hp (1 640 kW)
Performance
Velocidade máxima 621 km/h (335 kn)
Alcance bélico 1 520 km (944 mi)
Alcance (MTOW) 2 460 km (1 530 mi)
Teto máximo 11 370 m (37 300 ft)
Razão de subida 17,8 m/s
Armamentos
Metralhadoras / Canhões
  • 6 x metralhadoras M2 Browning .50 de 12,7 mm (0,500 in) ou
  • 2 x canhões de 20 mm (0,787 in) e 4 x metralhadoras M2 Browning .50 de 12,7 mm (0,500 in)
Foguetes
Bombas Até 1 814 kg (4 000 lb) de bombas sendo:
  • Torpedos ou bombas (no rack central)
    • 1 x bomba de 907 kg (2 000 lb) ou
    • 1 x torpedo Mk. 13-3
  • Bombas (sob as asas)
    • 2 x de 450 kg (992 lb) ou
    • 4 x de 227 kg (500 lb) ou
    • 8 x de 110 kg (243 lb)
Notas
Dados de: Quest for Performance[1] , Jane’s Fighting Aircraft of World War II[nota 1] , Standard Aircraft Characteristics[2] e American Aircraft of World War II[nota 2] .

O Grumman F6F Hellcat era um caça embarcado em porta-aviões fabricado nos EUA, utilizado na Segunda Guerra Mundial, tendo sido concebido para substituir o F4F Wildcat na Marinha dos Estados Unidos.

História[editar | editar código-fonte]

Mesmo com aparência semelhante ao Wildcat, era um projeto totalmente novo, equipado com o motor radial a pistão Pratt & Whitney R-2800, o mesmo motor dos caças Vought F4U Corsair e do Republic P-47 Thunderbolt. O Hellcat foi considerado por alguns analistas o "irmão maior do Wildcat". O F6F Hellcat foi um caça embarcado resistente e bem projetado, enfrentando o Mitsubishi A6M Zero desde 1943 e ajudando a estabelecer a superioridade aérea norte-americana na frente do Pacífico. O design do F6F era tão simples e eficiente que o Hellcat foi o projeto menos modificado durante a guerra, com um total de 12 mil unidades produzidas em pouco mais de dois anos. Aos Hellcats foram atribuídos 5.223 aviões inimigos derrubados, durante seu serviço com a Marinha e os Fuzileiros Navais dos Estados Unidos, além da Aviação Naval Britânica. Este número é o maior entre qualquer caça aliado, com seu competidor mais próximo sendo o P-51 Mustang da USAAF, que derrubou 4.950 aeronaves rivais na frente européia. O Hellcat permanceu em serviço até 1954, principalmente como caça noturno.

Hellcats durante procedimento de decolagem, ainda com asas dobradas.

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Ainda sem a manobrabilidade dos Mitsubishi A6M e Nakajima Ki-43 japoneses, o F6F enfrentava seus inimigos nipônicos em pé de igualdade. Era um avião médio, resistente, bem armado, com excelente proteção do piloto, e bastante ágil, que satisfez os requisitos do alto comando americano, e finalmente permitiu que os EUA estabelecessem a superioridade aérea no pacífico.

Seu motor, um Pratt & Whitney R-2800-10W de 18 cilindros, conferia ao "Gato do Inferno" uma velocidade máxima de 605 km/h, a uma potência de 2200hp (uma das maiores da guerra). Com uma razão de subida bem mais alta que a de outros aviões americanos, o Zero finalmente perdeu a posição de melhor caça do Pacífico.

Resultados[editar | editar código-fonte]

O Hellcat foi um sucesso tremendo. Participou de quase todas as grandes batalhas do pacífico (apenas não participou da batalha de Midway), obtendo êxito em todas elas. Abateu um grande número de aviões japoneses (apenas o P 38 Lightning derrubou mais caças nipônicos que o F6F), e ainda gozou de excelente aceitação de seus pilotos.

Variantes[editar | editar código-fonte]

Foram feitas duas variantes principais:

  • F6F-3
  • F6F-5

Ver também[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons

Notas

  1. Bridgman 1946, pp. 233–234.
  2. Mondey 2006, p. 145.

Referências

  1. Loftin, L.K. Jr. "Quest for Performance: The Evolution of Modern Aircraft." NASA SP-468.
  2. Standard Aircraft Characteristics: F6F-5 Hellcat. NAVAER 1335A.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Bridgman, Leonard, ed. “The Grumman Hellcat.” Jane’s Fighting Aircraft of World War II. London: Studio, 1946. ISBN 1-85170-493-0.
  • Mondey, David. American Aircraft of World War II (Hamlyn Concise Guide). London: Bounty Books, 2006. ISBN 978-0-7537-1461-4.
Ícone de esboço Este artigo sobre um avião, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.