Febre do Rato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Febre do Rato
Pôster promocional
 Brasil
2012 •  P&B •  110 min 
Direção Cláudio Assis
Produção Cláudio Assis
Marcello Ludwig Maia
Julia Moraes
Roteiro Hilton Lacerda
Elenco Irandhir Santos
Johnny Hooker
Juliano Cazarré
Maria Gladys
Mariana Nunes
Matheus Nachtergaele
Nanda Costa
Gênero Drama
Distribuição Imovision
Lançamento Brasil 22 de junho de 2012
Idioma português
Orçamento R$ 2.000.000,00 [carece de fontes?]

Febre do Rato é um filme brasileiro lançado em 2012 dirigido pelo diretor Cláudio Assis.[1] O título "Febre do rato" é uma expressão popular de Recife para se referir a alguém que está fora de controle[2].

Enredo[editar | editar código-fonte]

Febre do rato é uma expressão típica do Nordeste, que significa estar "fora de controle".

Se aplica ao personagem principal, Zizo, um poeta anarquista que publica um jornal que tem o mesmo nome que o filme. Zizo se interessa por Eneida, que o rejeita[3].

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

O filme venceu em 8 categorias no Festival de Festival Paulínia de Cinema de 2011.[4]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O filme foi projetado em 2003 nas filmagens de Amarelo Manga
  • Em 2005 o roteiro foi apoiado por um Fundo Hubert Bals, do Festival de Rotterdam, na Holanda.
  • As cenas de nudez gravadas na rua, foram interrompida por policiais.[5]

Referências

  1. «"Não uso nudez para 'agressividar'", diz diretor de "Febre do Rato"». UOL. Consultado em 5 de Outubro de 2015 
  2. Febre do Rato, acesso em 24 de outubro de 2018.
  3. FEBRE DO RATO, acesso em 18 de junho de 2019.
  4. «"Febre do Rato" conquista oito prêmios em Paulínia». iG. Consultado em 5 de Outubro de 2015 
  5. «Febre do Rato : Curiosidades». AdoroCinema. plus.google.com/105546701654529473289/. Consultado em 8 de outubro de 2015 

Ligação externa[editar | editar código-fonte]

Febre do Rato (em inglês) no Internet Movie Database