Matheus Nachtergaele

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde maio de 2013) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Matheus Nachtergaele
OMC
Matheus Nachtergaele no
26º Prêmio da Música Brasileira
Nome completo Matheus Nachtergaele
Nascimento 3 de janeiro de 1968 (48 anos)
São Paulo,  São Paulo
 Brasil
Nacionalidade  brasileiro
Ocupação Ator
Diretor
IMDb: (inglês)

Matheus Nachtergaele OMC (São Paulo, 3 de janeiro de 1968) é um ator e diretor brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Matheus é originariamente um ator de teatro. Ganhou notoriedade por seu trabalho no início da década de 90 com a companhia Teatro da Vertigem, sob a direção de Antonio Araújo, e teve seu trabalho reconhecido por sua atuação no premiado espetáculo Livro de Jó.

Seu sucesso o levou à televisão (Rede Globo), onde estreou na minissérie Hilda Furacão como Cintura Fina. O sucesso na minissérie o levou a atuação como protagonista na também minissérie que se tornou telefilme Auto da Compadecida, baseado na obra de Ariano Suassuna, no papel de João Grilo. Atuação essa que lhe rendeu o Grande Prêmio do Cinema Nacional como Melhor Ator. Desde então, tem feito inúmeras participações no cinema nacional e, no ano de 2008 estreou como diretor sem nunca ter deixado de lado o teatro e a televisão. Atualmente, mora em Tiradentes (Minas Gerais)

Carreira e vida[editar | editar código-fonte]

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • 1992-1993 - "Paraíso Perdido" do Grupo "Teatro da Vertigem" de Antônio Araújo;
  • 1995-1996 - O Livro de Jó - que lhe rendeu o Prêmio Shell e Prêmio Mambembe de Melhor Ator daquele ano;
  • 2015-2016 - "Processo de Conscerto do Desejo".

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem
1997 Comédia da Vida Privada, episódio Anchietanos Andrew
1998 Hilda Furacão Cintura Fina
1999 O Auto da Compadecida João Grilo
2000 A Muralha Padre Miguel
2001 Os Maias Teodorico Raposo
2002 Pastores da Noite Curió
2004 Da Cor do Pecado Pai Helinho
2005 América Carreirinha
2005 - 2007 Os Amadores Jaime (especial de fim de ano)
2007 Amazônia, de Galvez a Chico Mendes Poeta
2008 Queridos Amigos Tito
2008 Ó Paí, Ó Queixão
2009 Decamerão - A Comédia do Sexo Tofano
2009 Ó Paí, Ó Queixão / Moisés
2010 S.O.S. Emergência Sete Quedas (Jezuíno da Silva)
2011 Ó Paí, Ó Queixão
2011 Cordel Encantado Miguezim[1]
2012 Doce de Mãe Fernando de Souza
2013 Saramandaia Virgílio Souza (Seu Encolheu)[2]
2014 Doce de Mãe (seriado) Fernando de Souza [3][4]
2015 Zé do Caixão José Mojica Marins
2016 Êta Mundo Bom! Candinho (mais velho)

Cinema[editar | editar código-fonte]

Dublagem[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Matheus Nachtergaele
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Matheus Nachtergaele
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.