Kadu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Kadu
Kadu
Kadu no Atlético-PR em 2015
Informações pessoais
Nome completo Ricardo Martins de Araújo
Data de nasc. 20 de julho de 1986 (34 anos)
Local de nasc. Brasília, DF, Brasil
Altura 1,90 m
Destro
Apelido Kadu
Informações profissionais
Clube atual Chapecoense
Número 4
Posição Zagueiro e Volante
Clubes de juventude
2005–2006 Guarani
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2013
2007
2010
2013
2014
2014–2015
2015–2016
2016
2016
2017
2017–2019
2020–
Bragantino
Corinthians (emp.)
Figueirense (emp.)
Vitória
Braga
Vitória
Atlético Paranaense
Grêmio
Ponte Preta (emp.)
Ponte Preta
Göztepe
Chapecoense
0077 0000(3)
0007 0000(0)
0000 0000(0)
0018 0000(0)
0003 0000(0)
0033 0000(4)
0038 0000(1)
0004 0000(0)
0014 0000(0)
0013 0000(0)
0032 0000(3)
0002 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 19 de fevereiro de 2020.

Ricardo Martins de Araújo, mais conhecido como Kadu (Brasília, 20 de julho de 1986), é um futebolista brasileiro que atua como zagueiro e volante. Atualmente, defende a Chapecoense.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Bragantino[editar | editar código-fonte]

Kadu começou a sua carreira profissional no Bragantino em 2006. Em 2007, Kadu têm boas atuações com o Bragantino (conquistando o quarto lugar no Campeonato Paulista), e assim despertou o interesse e assinou com o Corinthians, para jogar o Campeonato Brasileiro.[2] Entretanto, jogou poucas partidas no clube paulista.

Corinthians[editar | editar código-fonte]

Entre 2008 e 2009, o Corinthians emprestou o jogador para o Bragantino, tendo jogado 7 partidas e não marcando nenhum gol.[3] Kadu esteve na campanha que culminou no rebaixamento do time para a Série B do campeonato brasileiro.[4]

Figueirense[editar | editar código-fonte]

Após o empréstimo para o Corinthians, Kadu teve uma passagem pelo time catarinense Figueirense durante o ano de 2010.[5]

Retorno ao Bragantino[editar | editar código-fonte]

Em 2011, volta ao Bragantino, onde permaneceu até meados de 2013.[6][7]

Vitória[editar | editar código-fonte]

Em setembro, o Vitória contratou para o restante da Série A, devido à saída de zagueiro titular, Gabriel Paulista.[8] No time baiano, Kadu logo ganhou a confiança do técnico Ney Franco e foi titular absoluto na zaga ao lado de Victor Ramos.[9] Com as boas atuações da equipe, o Vitória acabou o campeonato na quinta colocação, a melhor campanha de um time nordestino na era dos pontos corridos.[10] Ao final do campeonato, Kadu se transferiu para o Braga, onde já tinha um pré-contrato assinado com o clube português.[11]

Braga[editar | editar código-fonte]

Kadu teve uma passagem rápida pelo Sporting Clube de Braga, de Portugal.[12][13]

Retorno ao Vitória[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2014, após desentendimentos com o time português, retornou ao Vitória, agora num contrato definitivo. Kadu rapidamente recuperou a confiança do treinador Ney Franco e foi titular na maioria das partidas até o fim do Brasileirão, não evitando o rebaixamento do rubro-negro baiano para a Série B do ano seguinte. Marcou três gols no campeonato, um deles um golaço contra o São Paulo, numa derrota por 2 a 1 no Barradão, acertando um belo chute da intermediária e surpreendendo o goleiro Rogério Ceni.[14] Ao final do ano, deixou o clube.[15]

Atlético Paranaense[editar | editar código-fonte]

Em 2015, Kadu foi contratado pelo Club Athletico Paranaense.[16] [17] Ao final da temporada o jogador desligou-se do clube.[12]

Grêmio[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2016, kadu foi anunciado como novo reforço do Grêmio, emprestado até o final de 2017.[18] Não sendo aproveitado na equipe do Grêmio, seu empréstimo foi repassado para a equipe da Ponte Preta.[19]

Ponte Preta[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2017, fechou contrato com a Ponte Preta de maneira por empréstimo.[20] Depois de alguns meses fechou contrato de maneira definitiva com o clube do interior paulista, onde atuou por treze partidas.

Göztepe[editar | editar código-fonte]

Ao fim de seu contrato com a Ponte Preta, Kadu fechou contrato com o futebol turco no time Göztepe Spor Kulübü.[21][22]

Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2020, Kadu retonou para o futebol brasileiro.[23] Atualmente, Kadu atua como jogador do clube catarinense Chapecoense.[24]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Chapecoense

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Chapecoense se aproxima de Kadu e acerta permanência Diego Torres». Futebol Interior. 20 de janeiro de 2020. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  2. «Nabi, morto em 2006, comanda o Bragantino de 2012 rumo ao acesso». Trivela. 16 de novembro de 2011. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  3. «Ex-Corinthians, Kadu mira retorno ao Brasil após 'fazer história' na Turquia». Lance!. 12 de setembro de 2019. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  4. «'Ferguson do interior' revela que foi convidado para o Corinthians em 2007 e recusou: 'Não me arrependo de jeito nenhum'». ESPN.com. 30 de julho de 2020. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  5. «Figueirense anuncia a contratação do zagueiro Kadu | - Guia da Saúde - SC». Clic RBS. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  6. «Serginho e Kadu são absolvidos e reforçam Bragantino no próximo jogo». ESPN. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  7. «Serginho e Kadu são absolvidos e reforçam Bragantino». Terra. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  8. Esportes Terra (03 de setembro de 2013 • 18h40 • atualizado às 19h53). «Novo reforço do Vitória, Kadu se diz preparado para jogar»  Verifique data em: |data= (ajuda)
  9. Salvador, Thiago Pereira (2 de setembro de 2013). «Diretor do Vitória confirma contratação de zagueiro Kadu, do Bragantino». Globoesporte. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  10. Bahia Notícias (08 de Dezembro de 2013 - 17:59). «Esportes » E.C. Vitória » Vitória cede empate ao Atlético-MG e termina o Brasileirão em quinto lugar»  Verifique data em: |data= (ajuda)
  11. Lancenet! (12 de dezembro de 2013). «Kadu não renova com o Vitória e segue para Portugal». Consultado em 14 de agosto de 2017 
  12. a b «Kadu - Perfil de jogador 2020». Transfermarket (em bretão). Consultado em 14 de agosto de 2020 
  13. «Até breve: em Portugal, zagueiro Kadu agradece ao Vitória e projeta retorno». Globoesporte. 19 de dezembro de 2013. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  14. «"Faltou matar o jogo", avalia zagueiro Kadu após derrota para o São Paulo». Globoesporte. 9 de novembro de 2014 
  15. «Vitória confirma conversas e zagueiro Kadu deve deixar o clube». Jornal CORREIO | Notícias e opiniões que a Bahia quer saber. 7 de abril de 2015. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  16. «Há um rebaixado pelo Corinthians que se deu bem. E reencontra o clube hoje». TudoTimao.Com.Br. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  17. «Em reformulação, Atlético Paranaense contrata lateral Luiz Paulo e zagueiro Kadu» 
  18. «Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense» 
  19. «Grêmio encaminha empréstimo de Kadu à Ponte Preta até o fim do ano». globoesporte.com. Consultado em 29 de março de 2016 
  20. «Kadu exalta confiança e evolução da Ponte antes de encarar o Tricolor». Gazeta Esportiva. 1 de junho de 2017. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  21. «Ponte Preta libera e zagueiro Kadu viaja para fechar com time turco - Esportes». Estadão. 31 de julho de 2017. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  22. «Zagueiro Kadu é liberado pela Ponte Preta para realizar exames médicos no Göztepe Spor Kulübü da Turquia». Ponte Preta. 31 de julho de 2017. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  23. «Ex-Corinthians e Grêmio, zagueiro Kadu passa por testes para assinar com a Chapecoense». Globoesporte. 18 de janeiro de 2020. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  24. «Kadu tem nome publicado no BID e pode estrear pela Chapecoense». Globoesporte. 31 de janeiro de 2020. Consultado em 14 de agosto de 2020