Língua canembu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Canembu
Falado em: Chade
Total de falantes: 400.000
Família: Nilo-sariana
 Saarianas
  Oeste
   Kanuri
    Canembu
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: kbl

Canembu[1] ou canembo[2] (kanembu) é uma língua Nilo-Saariana falada pelos canembos no Chade. É muito relacionada com a Língua canúri.

Falantes[editar | editar código-fonte]

Os falantes de canembu eram em 1993 cerca de 400 mil, dos quais são 180 mil na "Prefeitura" de Lac e 70 mil na "Prefeitura" de Chari-Baguirmi. Há falantes também na região Noroeste, Canem, noroeste do Lago Chade, sub-prefeitura de Massakory. Esse falantes são das Etnias (dados de 93): Badé (2 646), baribu, chiroa, diabu, galabu, cajidi (5.638), cancena, cancu, cenguina (1.944), cubri/cuburi (2 817), maguirmi (1 825), nguiguim (7 233). São de religião Islâmica e também de crenças tradicionais africanas. Têm o Árabe como segundo idioma.

Dialetos[editar | editar código-fonte]

Carcau, mando, mguri. Há diferenciação gradual entre esses dialetos desde o canembu até a Língua canúri. Outros nomes da língua: canambu.

Referências

  1. Jaguaribe 2001, p. 243.
  2. Fernandes 1941, p. 264.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Fernandes, Ivo Xavier (1941). Topónimos e gentílicos Vol. I. Lisboa: Editôra Educação Nacional 
  • Jaguaribe, Hélio. Um estudo crítico da história. 2. São Paulo: Paz e Terra