Letícia Isnard

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Leticia Isnard)
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2012). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde julho de 2012) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Leticia Isnard
Nome completo Letícia Isnard Graell
Nascimento 30 de outubro de 1974 (43 anos)
Rio de Janeiro, RJ
 Brasil
Nacionalidade Brasil brasileira
Cônjuge Isaac Bernat
Ocupação atriz, produtora, tradutora e bailarina
Principais trabalhos

Leticia Isnard Graell (Rio de Janeiro, 30 de outubro de 1974) é uma atriz, produtora, tradutora e bailarina brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Formada em Ciências Sociais pela PUC-RJ, conquistou como bailarina vários prêmios de danças em festivais nacionais e internacionais.[carece de fontes?] Em 1998 formou-se em Ciências Sociais pela PUC do Rio de Janeiro, e fez mestrado em Sociologia com concentração em Antropologia pelo programa de pós-graduação em Sociologia e Antropologia do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Integrante do grupo teatral Os Dezequilibrados desde 2001, participou dos espetáculos e deu oficinas de trabalho corporal no circuito do Palco Giratório.[1]

Na televisão, Letícia tornou-se conhecida do grande público ao atuar no seriado Minha Nada Mole Vida, logo após emendou vários trabalhos como em Beleza Pura, A Grande Família, Afinal, o Que Querem as Mulheres?, Força Tarefa, Separação?! e Junto & Misturado''. Porém o grande reconhecimento como atriz foi ao despontar em Avenida Brasil onde interpretou a cafona Ivana Araújo, irmã do protagonista Tufão. Em 2013, interpretou a vigarista Brenda na novela Sangue Bom, sem nem ter precisado fazer teste para a personagem.[2]

Em junho de 2014, estava escalada para a novela das nove, Império, porém deixou o elenco, alegando motivos pessoais, que segundo especulações da imprensa, a atriz teria escolhido participar da nova novela de João Emanuel Carneiro, que estrou em 2015. Porém, a atriz revelou estar grávida de seu primeiro filho, deixando o papel de Helena, para a atriz Júlia Fajardo. Entretanto, a atriz deixou também o elenco da novela A Regra do Jogo, na qual interpretaria Dalila. O papel acabou ficando com Alexandra Richter.[3][4]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2005 Linha Direta Justiça Secretária da Câmara de Vereadores
Cilada Valesca (Episódio: Shopping)
2006 Minha Nada Mole Vida Bianca / Prima Portuguesa da Bianca[5]
2008 Beleza Pura Valmiréia de Jesus Jensen (Meu Bem) [6]
2009 A Grande Família Arlete (Episódio: As Fiscais do Mendonça)
2010 Na Fama e Na Lama Cléo[7]
Tempos Modernos balconista
Separação?! Moira
Junto & Misturado Letícia
Afinal, o Que Querem as Mulheres? Simone[8]
2011 Tapas & Beijos Jurema (Episódio: Ops, Atropelei)[9]
Força Tarefa Carol
2012 Avenida Brasil Ivana Araújo Oliveira de Souza[10]
2013 Sangue Bom Brenda Pais[11]
Junto & Misturado Letícia
2016 Liberdade, Liberdade Simoa Solnado de Souza Prestes[12]
Lúcia McCartney Ângela
2017 Sob Pressão Violeta[13]
Filhos da Pátria Leonor[14]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2003 Bala Perdida (curta-metragem) Dora[15]
2011 Cilada.com Ex-namorada 5[16]
2013 Mato sem Cachorro Ananda[16]
2015 Depois de Tudo Gilda[17]
2016 Turbulência Mãe de Beto[18]
Um Homem Só Sônia[19]
2017 Um Tio Quase Perfeito Angela[20]
Polidoro Bia[21]
Simonal Mulher de Taviani[22]

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2003 Assassinato em Série Clarissa[23]
2009 Cachorras Quentes Driana[24]
2011 A Estupidez Vários[25]
Mulheres Sonharam Cavalos Ulrika[26]
2012–13 Tarja Preta Mulher Viciada[27]
2013 Últimos Remorsos Antes do Esquecimento Anne[28]
2014 Como É Cruel Viver Assim Clívia[29]
2015 Marco Zero Abby Prescott[30]
2016 A Reunificação das Duas Coreias Ela[31]

Internet[editar | editar código-fonte]

Ano Websérie Personagem
2016 A Lenda do Mão de Luva Simoa Solnado de Souza Prestes[32]

Prêmios & Indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Trabalho Resultado Ref
2011 Prêmio Shell Melhor Atriz A Estupidez Indicado [33]
2012 Prêmio Extra de Televisão Melhor Atriz coadujuvante Avenida Brasil Indicado [34]
2013 Prêmio Quem de Televisão Melhor Revelação Indicado [35]
2015 Prêmio Cesgranrio de Teatro Melhor Atriz Marco Zero Indicado [36]
2016 Prêmio APTR Melhor Atriz Indicado [37]

Referências

  1. Biografia
  2. «Letícia Isnard, a Ivana de "Avenida Brasil", se empolga com "Sangue Bom"» 
  3. Flávio Ricco (26 de junho de 2014). «Gravidez tira Letícia Isnard de novela do Aguinaldo». UOL Televisão. Consultado em 26 de junho de 2014 
  4. Clara Passi (25 de junho de 2014). «Grávida, Letícia Isnard é substituída em 'Império'». O Globo. Consultado em 26 de junho de 2014 
  5. Letícia Isnard, a Ivana de "Avenida Brasil", diz que autor se decepcionou por ela não ser feia e gorda
  6. Atriz, que vive a Meu Bem em 'Beleza Pura', conta as mudanças na sua vida profissional e pessoal
  7. Na Fama e na Lama” no Multishow
  8. Personagem - Simone
  9. Em "Tapas e Beijos", ex-mulher de PC se envolve com Jurandir
  10. Personagem - Ivana
  11. «Letícia Isnard compara sua personagem em "Sangue Bom" ao vilão Max» 
  12. «Liberdade, Liberdade» 
  13. «Letícia Isnard e Matheus Nachtergaele estarão em "Sob pressão", série de Andrucha Waddington». Kogut. 21 de abril de 2017. Consultado em 22 de abril de 2017 
  14. «Letícia Isnard voltará à TV em "Filhos da pátria", série de Bruno Mazzeo». Kogut. 3 de outubro de 2016. Consultado em 22 de abril de 2017 
  15. «FILMOGRAFIA - BALA PERDIDA». Cinemateca. Consultado em 22 de abril de 2017 
  16. a b «Em Salvador, Letícia Isnard fala sobre seu trabalho no filme Mato Sem Cachorro». I Bahia. Consultado em 22 de abril de 2017 
  17. «O longa Depois de Tudo, produzido pela Casé Filmes e dirigido por João Araújo, chega às telas do cinema». Case Asessoria. Consultado em 22 de abril de 2017 
  18. «Turbulência : Elenco, atores». Papo de Cinema. Consultado em 22 de abril de 2017 
  19. «"Um homem só" – pré estreia e lançamento do filme». Cinesom. Consultado em 22 de abril de 2017 
  20. «Um Tio Quase Perfeito marca a estreia do ator e humorista Marcus Majella». Rota Cult. Consultado em 22 de abril de 2017 
  21. «Cinema brasileiro na Globo Filmes: Polidoro, confira a sinopse,o elenco». Globo Filmes. Consultado em 22 de abril de 2017 
  22. «Cinema brasileiro na Globo Filmes: Simonal,». Globo Filmes. Consultado em 22 de abril de 2017 
  23. «ASSASSINATO EM SÉRIE. Casa de Cultura Laura Alvim». Todo Teatro Carioca. Consultado em 22 de abril de 2017 
  24. «Gianne Albertoni e Letícia Isnard protagonizam beijo lésbico no teatro». Uol. Consultado em 22 de abril de 2017 
  25. «A estupidez :: Teatro e Dança :: Guia Rio Show :: O Globo». Rio Show. Consultado em 22 de abril de 2017 
  26. «Em montagem afiada, texto de Daniel Veronese explora ao limite a desarmonia familiar». VEJA RIO. Consultado em 22 de abril de 2017 
  27. «Em 'Tarja Preta', Letícia Isnard retoma parceria com Ivan Sugahara». Rede Globo Teatro. Consultado em 22 de abril de 2017 
  28. «Cia carioca encena em São Paulo Últimos Remorsos Antes do Esquecimento». Favo do Mellone. Consultado em 22 de abril de 2017 
  29. «Como É Cruel Viver Assim - VEJA RIO». VEJA Rio. Consultado em 22 de abril de 2017 
  30. «Uma conversa com Letícia Isnard, de volta aos palcos em peça de Neil LaBute passada na madrugada seguinte aos atentados de 11 de setembro de 2001 em Nova York». VEJA Rio. Consultado em 22 de abril de 2017 
  31. «'A Reunificação das Duas Coreias' estreia com Leticia Isnard no elenco». Rede Globo Teatro. Consultado em 22 de abril de 2017 
  32. «Confira fotos inéditas dos bastidores do spin-off 'A Lenda do Mão de Luva'». Rede Globo Teatro. Consultado em 22 de abril de 2017 
  33. «Confira os vencedores do Prêmio Shell». Rio no Teatro. 31 de outubro de 2012. Consultado em 22 de abril de 2017 
  34. «Letícia Isnard, indicada como Atriz Coadjuvante pelo papel de Ivana, em Avenida Brasil, confessa: 'Foi um desafio fazer uma mulher mala sem enjoar o público'». Extra Online. 31 de outubro de 2012. Consultado em 22 de abril de 2017 
  35. «Veja a lista completa dos ganhadores do Prêmio QUEM 2012». 19 de março de 2013 
  36. «'Kiss me, Kate' lidera indicações do Prêmio Cesgranrio de Teatro». O Globo. 14 de dezembro de 2015. Consultado em 22 de abril de 2017 
  37. «Os finalistas do Prêmio APTR». Folias Teatrais. 14 de dezembro de 2015. Consultado em 22 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]