Minha Nada Mole Vida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Minha Nada Mole Vida
Informação geral
Formato Série
Duração 30 minutos
Criador(es) Luiz Fernando Guimarães
Alexandre Machado
Fernanda Young
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) José Alvarenga Jr.
Produtor(es) Daniel Vincent
Elenco Luiz Fernando Guimarães
Maria Clara Gueiros
David Lucas
Pedro Paulo Rangel (2007)
Exibição
Transmissão original 7 de abril de 2006 - 8 de junho de 2007
N.º de temporadas 3
N.º de episódios 23 (lista de episódios)

Minha Nada Mole Vida é um seriado de televisão brasileiro de comédia exibido originalmente pela Rede Globo nas noites de sexta-feira entre 7 de abril de 2006 e 8 de junho de 2007, em 3 temporadas[1][2].

Escrita por Luiz Fernando Guimarães, Alexandre Machado e Fernanda Young, com direção de Luciana Oliveira, direção geral de José Alvarenga Jr. e núcleo de Guel Arraes.

Foi estrelado por Luiz Fernando Guimarães e Maria Clara Gueiros

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Premissa[editar | editar código-fonte]

Luiz Fernando Guimarães interpreta o personagem principal, Jorge Horácio, colunista eletrônico que apresenta na emissora fictícia TV Tudo Plus o programa Jorge Horácio by Night, no qual cobre festas badaladas e entrevista famosos. No dia-a-dia do apresentador são abordados os conflitos causados pela ex-mulher Silvana (Maria Clara Gueiros) e por sua relação com o filho Hélio (David Lucas), de dez anos.

Jorge Horácio by Night é apresentado como um programa dentro do programa, com sua abertura e seu tema musical ("Gonna Make You Sweat (Everybody Dance Now)", do C+C Music Factory) próprios. o tema de abertura do programa é "Não é mole não" do grupo Funk'n'Lata.

Mudanças[editar | editar código-fonte]

Jorge Horácio by Night segue muito aproximadamente o formato de coluna social eletrônica consagrado por Amaury Jr. e seguido por Otávio Mesquita e outros apresentadores. No início da primeira temporada as referências aos programas de Amaury Jr. eram mais explícitas. Em certa ocasião, quando teve que interromper a transmissão ao vivo, Jorge Horácio pediu a reexibição das imagens de sua viagem recente a Punta del Este—o cassino Conrad, de Punta del Este, é um anunciante tradicional do Programa Amaury Jr. e um destino freqüente das viagens do apresentador. O fundo musical de dance music em geral, e o emprego de pelo menos uma música dos KC and the Sunshine Band em especial, são referências mais ou menos claras a Amaury Jr (dois temas dos KC & the Sunshine Band fazem parte da trilha regular do Programa Amaury Jr., incluindo "Keep it comin' love", a música mais freqüentemente associada à atração). Na medida em que os episódios passaram a destacar mais a relação entre pai e filho, os elementos de paródia de programas reais ficaram em segundo plano.

Na terceira temporada, em busca de audiência, a TV Tudo Plus promoveu alterações no Jorge Horácio by Night: a redação do programa, finalmente mostrada, foi transferida para uma parte do almoxarifado da emissora, num sinal claro de rebaixamento das condições da equipe. Nessa ocasião, sem maiores explicações, Cabreira foi substituído por Pascal, um obscuro diretor de filmes de arte que despropositadamente procura dar ao Jorge Horácio by Night um tom ora mais dramático, ora mais "conceitual"—com os previsíveis resultados cômicos das tentativas. Quando a audiência não atingiu o nível esperado, a administração da emissora cumpriu a ameaça de tirar o programa do ar, substituindo-o por uma reprise dos Atrapalhadões (referidos na própria sitcom como uma imitação barata dos Trapalhões).

Episódios[editar | editar código-fonte]

Personagens (elenco)[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Luiz Fernando Guimarães Jorge Horácio
Maria Clara Gueiros Silvana
David Lucas Hélio
Dani Barros Zenaide (Produção)
Leticia Isnard Bianca
Carlos Mariano Cabreira (1ª e 2ª temporadas)
Pedro Paulo Rangel Pascal (a partir da 3ª temporada)

Algumas participações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Minha Nada Mole Vida estréia em abril na Rede Globo». Estadão. 1 de março de 2006. Consultado em 9 de maio de 2016 
  2. «Minha Nada Mole Vida estréia hoje na Globo». Folha Ilustrada. 7 de abril de 2006. Consultado em 9 de maio de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]