Polo Industrial de Guamaré

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Polo Industrial de Guamaré está localizado no município de Guamaré, no interior do estado do Rio Grande do Norte (Brasil). Foi construído pela Petrobras para beneficiar o óleo, o gás natural e o petróleo oriundos dos campos marítimos de Ubarana e Agulha, e dos campos terrestres de todo o Estado.

Distando cerca de 180 km da capital potiguar, o pólo está localizado numa área construída de 1.500 metros quadrados. A produção de barris de petróleo é cem mil por dia.[1]

O Polo de Guamaré inclui várias instalações industriais da Petrobras, dentre as quais se destacam a Refinaria Potiguar Clara Camarão, a UTPF (Unidade de Tratamento de Processamento de Fluidos) ligada à diretoria de Exploração e Produção da Petrobras e a Transpetro (Subsidiária da Holding Petrobras).

Com a instalação do polo, dezenas de empresas privadas e bases de distribuição se instalaram próximo ao complexo.[2]

Constituição do Polo[3][editar | editar código-fonte]

  • Estação de Tratamento de Óleo: recebe e trata cerca de 115 mil barris de petróleo diariamente. Esta produção é enviada para refino através de navios que se utilizam do porto de Guamaré.
  • Estação de Compressores: recebe 2.200.000 m³ de gás natural por dia, e os comprime para que possam ser fracionados. É a maior estação de compressores da América Latina.
  • Unidade de Processamento de Gás Natural: fraciona o gás natural, produzindo GLP, C5+ e gás industrial. A produção local de GLP é de cerca de 310 ton/dia (26.000 botijões/dia), enquanto que a de gás industrial é de 730.000 Mm3/dia. O gás industrial é vendido para toda a região através do gasoduto "Nordestão".
  • Estação de Tratamento de Efluentes: trata toda a água e resíduos do processo segundo exigentes normas ambientais, antes de devolvê-los à natureza.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências