Plano Piloto (região administrativa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a Região Administrativa do Distrito Federal. Para o projeto de Lúcio Costa para a capital do Brasil, veja Plano Piloto de Brasília.
Região Administrativa de Plano Piloto
Hino
Região Administrativa I
Fundação: 21 de abril de 1960 (57 anos)
Lei de criação: 4545 de 10 de dezembro de 1964

Mapa de Plano Piloto

Limites: Brazlândia, Sobradinho, Varjão, Lago Norte, Paranoá, Lago Sul, Candangolândia, Guará, Sudoeste/Octogonal, Cruzeiro, SCIA, Vicente Pires e Taguatinga
Distância de Brasília: 0 km
Administrador(a): Marcos Pacco Ribeiro Coelho[1]
Área  
 - Total 472,12[2] km²
População  
 - Total 214.529[3] habitantes '
Site governamental www.planopiloto.df.gov.br

O Plano Piloto é uma região administrativa do Distrito Federal brasileiro. Denominado de "Região Administrativa I" (RA-I), já recebeu o nome de "Brasília" de sua criação, em 1960[4][5] até 1989[6], quando passou a se chamar "Plano Piloto". Voltou a ser denominada "Brasília" de 1990[6] até 1997,[7] quando houve nova alteração do nome para "Plano Piloto". Apesar disso, ainda ocorre de a região ser denominada em documentos oficiais de Brasília.[8]

A região administrativa está formada basicamente por parte da área tombada de Brasília (conhecida como Plano Piloto de Brasília) e pelo Parque Nacional de Brasília. É dividida em diferentes setores, como as Asas Sul e Norte, Setor Militar Urbano (SMU), Noroeste, Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Granja do Torto, Vila Planalto e Vila Telebrasília.[2][9]

Entre as áreas que já fizeram parte da RA-I, podem-se citar o Cruzeiro, desmembrado em 1989; os Lagos Norte e Sul, que se tornaram regiões administrativas separadas em 1994; e o Sudoeste/Octogonal, criado como região administrativa em 2003.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Perfil do administrador». Administração Regional da RA-I. 1 de janeiro de 2015. Consultado em 1 de janeiro de 2015 
  2. a b «Coletânea de Informações Socioeconômicas - Brasília» (PDF). Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan). Maio de 2007. Consultado em 30 de julho de 2009 
  3. «Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios - 2012» (HTML). Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan). Agosto de 2012. Consultado em 25 de agosto de 2012 
  4. Parágrafo "a" do Artigo 4 da Lei nº 3751, de 13 de abril de 1960
  5. Artigo 31 da Lei nº 4545, de 10 de dezembro de 1964
  6. a b Lei nº 49, de 25 de outubro de 1989
  7. Lei nº 1648, de 16 de setembro de 1997
  8. Lei nº 2876, de 8 de janeiro de 2002
  9. Síntese de informações socioeconômicas

Ligações externas[editar | editar código-fonte]