Rio Preto da Eva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rio Preto da Eva
  Município do Brasil  
Balneário em Rio Preto da Eva
Balneário em Rio Preto da Eva
Símbolos
Bandeira de Rio Preto da Eva
Bandeira
Hino
Lema Integração e progresso
Apelido(s) "Terra da Laranja"
Gentílico rio-pretense
Localização
Localização de Rio Preto da Eva no Amazonas
Localização de Rio Preto da Eva no Amazonas
Mapa de Rio Preto da Eva
Coordenadas 2° 41' 56" S 59° 42' O
País Brasil
Unidade federativa Amazonas
Região metropolitana Manaus
Distância até a capital 78 km
História
Fundação 10 de dezembro de 1981 (38 anos)
Aniversário 31 de março de 1982 (38 anos)
Administração
Prefeito(a) Anderson José de Souza (PROS, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 5 813,197 km²
População total (estimativa populacional - IBGE/2020[2]) 34 106 hab.
 • Posição AM: 23º
Densidade 5,9 hab./km²
Clima Equatorial (Aw)
Fuso horário Hora do Amazonas (UTC-4)
CEP 69117-000
Indicadores
IDH (PNUD/2010[3]) 0,611 médio
 • Posição AM: 13º
PIB (IBGE/2013[4]) R$ 326 547 mil
 • Posição AM: 10º
PIB per capita (IBGE/2013[4]) R$ 11 260,63
Outras informações
Padroeiro(a) São Pedro
Sítio www.riopretodaeva.am.gov.br (Prefeitura)
www.ale.am.gov.br/riopretodaeva (Câmara)

Rio Preto da Eva é um município brasileiro localizado na Região Metropolitana de Manaus, no estado do Amazonas. Está situado a 78 km da capital amazonense.

História[editar | editar código-fonte]

A história do município de Rio Preto da Eva é fortemente ligada ao município de Manaus.[5]

Sede de capitania em 1791, perdendo este título em 1799 e recuperando definitivamente em 1808, atual capital do Estado foi elevada a cidade em 1856, quando contava com cerca de 4.000 habitantes.[5] Na última década do século passado e nas primeiras décadas do atual, a região conheceu notável surto de prosperidade, com a fase áurea da borracha. A urbanização da cidade ganhou características europeias, surgindo construções grandiosas, como o Teatro Amazonas, o Palácio da Justiça e outros prédios e lugares luxuosos.[5]

Com o declínio econômico, a região passou a viver fase de prolongada recessão, invertendo-se a tendência a partir da criação da Zona Franca de Manaus e do Distrito Industrial. Como reflexo dessa fase de desenvolvimento, a área periférica da capital passou a ostentar maior envergadura econômica e social.[5] Dando expressão política a essa realidade emergente, a Emenda Constitucional nº 12, de 10 de dezembro de 1981, desmembrou de Manaus a então colônia do Rio Preto da Eva, que com território adjacentes de Itacoatiara e Silves, veio a constituir o Município Autônomo de Rio Preto da Eva.[5]

O município Rio Preto da Eva é um dos mais recentes municípios criados no estado do Amazonas, cuja instalação deu-se pela segunda vez em 1981. A maioria do povo de Rio Preto da Eva é da religião católica.[5]

A Lei nº 1, de 12 de abril de 1961, eleva à categoria de município pela primeira vez, sob o Governo de Gilberto Mestrinho de Medeiros Raposo, com o nome de Eva, com sede do mesmo nome localizado em um sítio aquém do Rio Preto da Eva, às margens do rio Grande.[5]

Com o advento da Emenda Constitucional nº 12, de 10 de dezembro de 1981, eleva à categoria de município, pela segunda vez, porém com o nome de Rio Preto da Eva, situado a altura do km 80 da rodovia Torquato Tapajós, também denominada como rodovia AM-010, ligando a capital à vizinha cidade de Itacoatiara.[5]

O nome Rio Preto da Eva veio em conseqüência das águas pretas (ou escuras) do rio que banha a localidade (ou aquele município) desembocado no Paraná da Eva. O estabelecimento do município deve-se ao fato de ter sido implantado a colônia agrícola por imigrantes japoneses e alguns colonos brasileiros que se instalaram em fins de 1967, três anos após ter chegado a estrada do Rio Preto, possibilitando a tornar-se município, vindo a ocorrer em dezembro de 1981, conforme deliberação tomada pelo governador José Lindoso.[5]

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município de Rio Preto da Eva está localizado no estado do Amazonas, na Mesorregião do Centro Amazonense, que engloba 31 municípios do estado distribuídos em seis microrregiões, sendo que a microrregião à qual o município pertence é a microrregião de mesmo nome que reúne dois municípios: Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva.[6] Rio Preto da Eva está distante 79 km ao norte da capital do Amazonas.[7] Seus municípios limítrofes são Presidente Figueiredo ao norte; Manaus ao sul e oeste e Itacoatiara e Itapiranga ao leste e nordeste.[8]

Esportes[editar | editar código-fonte]

O município é sede do Holanda Esporte Clube, um clube de futebol que atualmente participa da segunda divisão do campeonato amazonense. O clube participou da Série C do Campeonato Brasileiro de 2008 e da Copa do Brasil de 2009. Em Rio Preto da Eva também se pratica turismo de aventura com a Kayak Adventure. A descida do RIo Preto é feita com caiaques a partir da comunidade Jerusalém 13 km acima e outro roteiro é a descida do rio a partir da ponte da cidade até o parana da Eva. A Associação Jungle Bike Clube também leva os praticantes de Mountain Bike por uma trilha de 30km até a Cachoeira da Janaína localizada no km 91 da Am-010.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro acontece no município o carnaval "Eva me leva"; em 31 de março é comemorado o aniversário de Rio Preto da Eva; em 29 de junho ocorre a festa de São Pedro, padroeiro do município; e na 1ª quinzena de agosto é realizada a Feira da Laranja.

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  2. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (27 de agosto de 2020). «Estimativas da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2020». Consultado em 28 de agosto de 2020 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 3 de agosto de 2013 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2010-2013». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  5. a b c d e f g h i «CityBrazil - História do município de Rio Preto da Eva (AM)». City Brazil UOL. Consultado em 10 de janeiro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  6. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome IBGE_DTB_2008
  7. «CityBrazil - Dados Gerais: Distâncias de Rio Preto da Eva (AM)». City Brazil UOL. Consultado em 10 de janeiro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  8. «CityBrazil - Dados Gerais: Limites de Rio Preto da Eva (AM)». City Brazil UOL. Consultado em 10 de janeiro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016