Itapiranga (Amazonas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Itapiranga
""Cidade Santa" "Vaticano Brasileiro""
Bandeira indisponível
Brasão de Itapiranga
Bandeira indisponível Brasão
Hino
Aniversário 24/07/1908
Fundação 29 de dezembro de 1956 (60 anos)
Gentílico itapiranguense
Prefeito(a) Denise de Farias Lima (PROS)
(2017–2020)
Localização
Localização de Itapiranga
Localização de Itapiranga no Amazonas
Itapiranga está localizado em: Brasil
Itapiranga
Localização de Itapiranga no Brasil
02° 44' 56" S 58° 01' 19" O02° 44' 56" S 58° 01' 19" O
Unidade federativa  Amazonas
Mesorregião Centro Amazonense IBGE/2008[1]
Microrregião Itacoatiara IBGE/2008[1]
Região metropolitana Manaus
Municípios limítrofes Itacoatiara, São Sebastião e Silves
Distância até a capital 339 km
Características geográficas
Área 4 231,132 km² [2]
População 9 040 hab. (AM: 60º) –  estimativa populacional - IBGE/2016[3]
Densidade 2,14 hab./km²
Clima Tropical Am
Fuso horário UTC-4
Indicadores
IDH-M 0,654 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 68 935 mil (AM: 46º) – IBGE/2013[5]
PIB per capita R$ 7 856,77 IBGE/2013[5]
Página oficial

Itapiranga é um município brasileiro localizado na Região Metropolitana de Manaus, no estado do Amazonas.

Toponímia[editar | editar código-fonte]

"Itapiranga" é um termo de origem indígena que significa "pedra vermelha", através da junção dos termos tupi ou do nheengatu itá (pedra) e pyranga (vermelha).[6]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se na latitude 02º44'56" sul e longitude 58º01'19" oeste, estando a uma altitude de 43 metros. Sua população estimada em 2007 era de 9 141 habitantes.

Possui uma área de 4 249,629 km². Itapiranga é um município amazonense que se encontra em plena bacia hidrográfica do Rio Amazonas. É banhada tanto pelo Rio Urubu, quanto por um dos inúmeros paranás do Rio Amazonas: o chamado Paraná de Itapiranga.

Faz fronteira direta com Silves, bem como é próxima de São Sebastião do Uatumã e Urucará.

Apesar de não ser tão próximo, tem conexões facilitadas com o Rio Uatumã, no qual a pesca do tucunaré é bastante apreciada.

Aparições marianas[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Aparições marianas

Itapiranga é referência no Amazonas e pelo mundo por conta das supostas aparições de "Nossa Senhora Rainha do Rosário e da Paz" em 2 de maio de 1994 ao confidente Edson Glauber e sua mãe Maria do Carmo. Todos os dia 2 de cada mês, vários fiéis vão em romaria ao santuário de Itapiranga. São pessoas de todas as partes que são trazidas pela fé em Nossa Senhora e que recebem as mensagens que são transmitidas por Edson. Segundo Edson, Nossa Senhora pede a conversão das pessoas e a reza do rosário em família para se ter paz e ainda o desejo de que, em Itapiranga, seja construído o seu santuário. Há, também, em Itapiranga, uma fonte, segundo Edson, milagrosa, onde Nossa Senhora teria lavado seus pés. Muitos fiéis acreditam que sua água tem poder de cura.[7]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Estimativas da população residente no Brasil e Unidades da Federação com data de referência em 1 de julho de 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 12 de setembro de 2016. Consultado em 12 de setembro de 2016 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 9 de setembro de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2010-2013». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  6. NAVARRO, E. A. Método moderno de tupi antigo: a língua do Brasil dos primeiros séculos. 3ª edição. São Paulo. Global. 2005. 463 p.
  7. Santuário de Itapiranga: rainha do rosário e da paz. Disponível em http://www.santuariodeitapiranga.com.br/. Acesso em 14 de agosto de 2013.