Abelardo Luz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Abelardo Luz
Bandeira de Abelardo Luz
Brasão de Abelardo Luz
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 27 de julho de 1958 (56 anos)
Gentílico abelardo lusense ou abelardense[1]
Prefeito(a) Dilmar Antonio Fantinelli
(2009–2012)
Localização
Localização de Abelardo Luz
Localização de Abelardo Luz em Santa Catarina
Abelardo Luz está localizado em: Brasil
Abelardo Luz
Localização de Abelardo Luz no Brasil
26° 33' 54" S 52° 19' 40" O26° 33' 54" S 52° 19' 40" O
Unidade federativa  Santa Catarina
Mesorregião Oeste Catarinense IBGE/2008[2]
Microrregião Xanxerê IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes São Domingos, Ipuaçu, Ouro Verde, Passos Maia, Bom Jesus e Xanxerê
Distância até a capital 574 km
Características geográficas
Área 955,368 km² [3]
População 17 100 hab. Censo IBGE/2010[4]
Densidade 17,9 hab./km²
Altitude 760 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,785 alto PNUD/2000[5]
PIB R$ 345 897,665 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 20 503,71 IBGE/2008[6]
Página oficial
Prefeitura www.abelardoluz.sc.gov.br

Abelardo Luz é um município brasileiro do estado de Santa Catarina. Localiza-se a uma latitude 26º33'53" sul e a uma longitude 52º19'42" oeste, estando a uma altitude de 760 metros. Sua população estimada em 2014 é de 17.651 habitantes.

Sua principal atividade econômica é a agropecuária, embora o comércio e o turismo também sejam importantes. A colonização é predominantemente italiana e alemã.

História[editar | editar código-fonte]

Em 30 de dezembro de 1953, desmembrou-se primeiramente o que chamava-se "Velho Chapecó". Naquela época criaram-se mais oito municípios, incluindo Xanxerê. Abelardo Luz foi mantido como um dos distritos de Xanxerê, mas elevou-se, naquela situação em 1922. Em 1917, passou a chamar-se "Passo das Flores".[7]

Em parte, já se conheciam e se exploravam as terras do atual território municipal de Abelardo Luz durante o século XIX, quando criou-se a Colônia Militar de Xanxerê, por ordem do governo imperial brasileiro.[7]

Porém, o território municipal de Abelardo Luz só passou a ser povoado efetivamente por colonizadores que vieram principalmente de Minas Gerais nos primeiros anos do século XX. Mas o povoamento foi intensificado em meados do século XX, quando chegaram principalmente migrantes vindos de São Paulo, do Paraná e do Rio Grande do Sul, bem como descendentes de imigrantes que vieram da Europa, principalmente da Itália e da Alemanha.[7]

No dia 21 de junho de 1958, por meio da lei nº 348, o território municipal de Abelardo Luz emancipou-se politicamente, sendo instalado no dia 27 de julho do mesmo ano. Nomeou-se como primeiro prefeito o senhor Gerônimo Rodrigues e elegeu-se Maurício Rodrigues da Costa como primeiro prefeito.[7]

O município recebeu esse nome porque homenageia Abelardo Venceslau da Luz, descendente de Hercílio Luz.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município é acessível pela BR-282 (em Santa Catarina) ou pela BR-280 (no Paraná). Para quem vem do litoral ou do oeste catarinense, o melhor caminho é entrar em Xanxerê, na direção do Paraná. Quem vem pela BR-282 deve entrar em Coronel Firmino Martins. Todas as estradas são pavimentadas.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Natureza

O principal ponto turístico da cidade é o Parque das Quedas do Rio Chapecó, um conjunto de sete quedas d'água no rio Chapecó e mais três quedas no rio das Éguas. No local há também uma praia fluvial com mais de 1.000m de extensão e 7 pequenas ilhas. A maior delas – a Ilha das Flores - liga-se ao parque através de pinguelas. Localizado a 2 km da cidade e com uma área de 200ha, sendo 40ha destinados ao turismo, o parque recebe milhares de visitantes durante o ano, especialmente no verão. Conta também com a "Prainha", ótimo lugar beirando o Rio Chapeco. Possui áreas de lazer como: piscinas, restaurante, chales, área de camping, campo de volei de areia, campo de futebol, cachoeira, entre outras. A natureza de Abelardo Luz é encantadora.

Patrimônio histórico

No Parque das Quedas do Rio Chapecó, a gruta que existe atrás do véu branco das águas é célebre por ter abrigado mais de 100 soldados, durante a Revolução Federalista de 1893.

Cultura e Eventos

A cidade tem dois excelentes Centros de Tradições Gaúchas - Querência Farroupilha e Poncho Verde - e realiza um festival de música popular e sertaneja, o FEMPAL, considerado o melhor do sul do País. A festa típica alemã FEVERFEST e a FESTSOJA - exposição agropecuária, da indústria e comércio, que celebra a cultura da soja – levam milhares de visitantes à cidade todos os anos. Outros eventos importantes são o Canto das Águas, um concorrido festival municipal da canção, e a Abertura de Verão, que leva gente de toda a região e até de outros Estados ao Prainha Camping Turismo.

O Festival da Música Popular e Sertaneja (FEMPAL), que acontece todos os anos na cidade, é considerado o melhor festival do gênero no sul do País[carece de fontes?].

Infra-estrutura turística

A cidade conta com completa infra-estrutura para receber os visitantes. Além de uma razoável rede hoteleira, há áreas para camping, restaurantes, lanchonetes, pousadas e uma boa rede de comércio e de serviços.

Capital Nacional da Semente de Soja[editar | editar código-fonte]

Em 09 de Maio de 2014, a Presidenta Dilma Rousseff sancionou a Lei Nº 12.972/14 que confere ao Município de Abelardo Luz, Estado de Santa Catarina, o título de Capital Nacional de Semente de Soja.

Personalidades famosas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Histórico de Abelardo Luz no site do IBGE
  2. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  3. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  4. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  5. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  6. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  7. a b c d El-Khatib, Faissal. História de Santa Catarina (em português). Curitiba: Grafipar, 1970. p. 10. vol. 4.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Abelardo Luz