Nelly

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nelly
Informação geral
Nome completo Cornell Iral Haynes, Jr.
Nascimento 2 de Novembro de 1974 (39 anos)
Origem St. Louis, Missouri
País  Estados Unidos
Gênero(s) Hip hop, R&B, Pop
Ocupação(ões) Rapper, cantor, compositor, produtor, ator, empresário
Período em atividade 1993—presente
Gravadora(s) Derrty Ent., Universal Records
Página oficial Site Oficial

Cornell Iral Haynes, Jr. (St. Louis, Missouri, 2 de Novembro de 1974), mais conhecido como Nelly, é um rapper, cantor, compositor, produtor, ator e empresário norte-americano.[1] [2] . Ele também é membro do grupo de rap St. Lunatics desde 1993, ao lado de Ali, Murphy Lee, Kyjuan e City Spud.

História e carreira[editar | editar código-fonte]

Após ter se mudado com a mãe para uma cidade universitária, ainda adolescente, Nelly aprendeu muitas coisas construtivas. Foi então que formou sua primeira banda com seus colegas do ginásio, a St. Lunatics. Chegaram a lançar o hit "Gimme What You Got", em 1996, com produção independente. Mas a tentativa frustrada fez com que Nelly chegasse a conclusão que se sairia melhor investindo numa carreira solo. Só assim conseguiu chamar atenção da gravadora Universal Records, que lançou seu álbum "Country Grammar", em 2000. No ano seguinte, sua popularidade aumentou e foi nomeado para três Grammys. O seu segundo álbum "Nellyville", também foi sucesso absoluto, entrando diretamente para a primeira posição do top de vendas dos EUA. Não podemos esquecer que Nelly sofreu diversas críticas de pensadores do rap, devido a seu estilo mais pop. Chegou a ser acusado de ser traidor do movimento, após ter gravado em parceria com a boyband 'N Sync. Porém ele afirma que não se incomoda com as críticas e que apesar do grande sucesso, o rapper não está numa competição de vendagem com Eminem. Actualmente um dos rappers mais bem sucedidos a nível mundial, Nelly começou por integrar a formação dos St. Lunatics, banda à qual garante ainda pertencer. Depois do êxito alcançado pelo quinteto com o single "Gimmie What You Got", no entanto, o músico foi aconselhado a tentar uma carreira a solo, com a promessa de que, dessa forma, seria mais fácil arranjar um contrato. Em 2000, a profecia cumpriu-se, com a Universal a lançar "Country Grammar", a estreia de Nelly nos álbuns de originais. Uma cantilena infantil deu o mote ao primeiro sucesso de Nelly. A solo—no tema-título do seu primeiro disco, Nelly aproveita a melodia de "Down, down baby", conseguindo uma aceitação que se viria a repetir nos restantes singles retirados de "Country Grammar". Em 2001, a popularidade do rapper estende-se do público até à crítica, sendo Nelly nomeado para três Grammys, entre os quais o de Melhor Álbum Rap do Ano. A distinguir o cantor nascido no Texas e criado em St. Louis estava precisamente a sua vontade de pôr a cidade na qual crescera no mapa do hip hop. Depois de uma infância turbulenta, Nelly acabaria por se distinguir, enquanto adolescente, na prática do baseball e, por fim, na composição e interpretação de música. Influenciado por artistas como LL Cool J, Jay-Z e Outkast, o jovem transportou para o seu trabalho os sons e o sotaque da sua região, acrescentando um novo elemento à habitual repartição do hip hop norte-americano entre a Costa Leste e a Costa Oeste do país. Depois de sete semanas no topo da tabela de álbuns dos EUA, Nelly mostrou-se fiel à sua palavra, lançando "Free City", o disco de estreia dos St. Lunatics, catalisado pelo single "Midwest Swing". Os aplausos e distinções não paravam, então, de agraciar o rapper, chegando de fontes tão diversas como a "People Magazine" e a MTV. Em 2002, a história repetiu-se com "Nellyville", que o artista descreve como a sua utopia—um disco no qual prefere falar em cenários que lhe agradem do que nas dificuldades que ultrapassou enquanto adolescente. Com entrada directa para o número 1 do top de vendas dos EUA, o segundo trabalho de Nelly tem como single "Hot in Herre", mais uma alusão à pronúncia de Saint Louis e eficaz amostra sonora com produção a cargo dos Neptunes. A abrilhantar o álbum aparecem ainda Kelly Rowland, das Destiny's Child, e Justin Timberlake, dos 'N Sync, que Nelly ajudara antes, na mistura do tema "Girlfriend". Esperando que a sua música seja entendida como "uma forma jazz de hip hop", o rapper mantém ainda uma ampla variedade de projectos paralelos aos discos, como o provam a recente participação no filme independente "Snipes" e o facto de dirigir uma empresa de roupa desportiva, para a qual desenha também alguns modelos. As acções de caridade juntos das crianças de St. Louis são outra das suas prioridades, pretendendo Nelly ajudar os jovens com dificuldades na mesma proporção que este público tem apoiado a sua carreira.

Carreira de Ator[editar | editar código-fonte]

A Estreia de Nelly como ator veio em 2001, no filme independente "Snipes", no papel de um rapper famoso chamado Prolifik. Seu primeiro grande papel em um filme veio no remake de 2005 de Golpe Baixo, estrelado por Adam Sandler e Chris Rock. A trilha sonora deste inclui a canção de Nelly, "Fly Away". Em Junho de 2008, em entrevista com Kiwibox.com, Nelly revelou estar relutante em continuar sua carreira de ator, notando que ele não quer "tirar a partir da cultura de agir".Em 2008 e 2009, Nelly apareceu em episódios do drama criminal da CBS, "CSI: NY". E em 2010 fez uma pequena participação na série 90210 .

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "Sign" (em inglês). iReport. Página visitada em 23 de Setembro de 2009.
  2. "Nelly » Overview" (em inglês). AllMusic. Página visitada em 23 de Setembro de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Nelly


Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.