Robert May

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Robert McCredie May
Biologia
Nacionalidade Reino Unido Britânico
Nascimento 8 de janeiro de 1936 (78 anos)
Local Austrália
Atividade
Campo(s) Biologia
Prêmio(s) Medalha linneana (1991), Gibbs Lecture (1994), Prêmio Crafoord 1996), Medalha Copley (2007)

Robert McCredie "Bob" May, o barão May de Oxford (Austrália, 8 de janeiro de 1936), é um engenheiro químico e físico teórico com Ph.D. em física teórica.

Foi presidente da Royal Society de 2000 a 2005[1] , agraciado com a Medalha Copley de 2007[2] , "por seus estudos seminais sobre interações intra e entre populações biológicas, que reformularam o entendimento de como as espécies, comunidades e ecossistemas respondem a perturbações naturais ou criadas por interferência humana"[3] .

Seus interesses principais de pesquisa são zoologia e biologia teórica. É professor no Colégio Imperial de Londres.

Premiações (seleção)[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Robert, Professor Lord May of Oxford, OM AC FRS www.zoo.ox.ac.uk. Visitado em 2008-11-17.
  2. Página oficial da Medalha Copley
  3. No original em inglês: "for his seminal studies of interactions within and among biological populations that have reshaped our understanding of how species, communities and entire ecosystems respond to natural or human created disturbance
  4. The Linnean Society of London: Linnean Medal www.linnean.org. Visitado em 2008-11-17.
  5. The Crafoord Prize 1996 - Crafoordprize www.crafoordprize.se. Visitado em 2008-11-17.
  6. Lord May receives the oldest science prize royalsociety.org. Visitado em 2008-11-17.


Precedido por
Aaron Klug
Presidentes da Royal Society
2000 — 2005
Sucedido por
Martin Rees
Precedido por
Stephen Hawking
Medalha Copley
2007
Sucedido por
Roger Penrose


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.