Stella Artois

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Stella Artois
Tipo Cerveja
Fabricante Anheuser-Busch InBev
Origem  Bélgica
Introduzida 1926

A Stella Artois é uma cerveja pilsner lager (de baixa fermentação) premium, que tem suas origens em uma tradicional cervejaria chamada Den Hoorn, que data em 1366, uma das mais antigas do mundo[carece de fontes?].

Fabricada desde 1926 na cidade de Leuven, no interior da Bélgica, berço de algumas dos melhores mestres cervejeiros do mundo, a Stella Artois é uma cerveja super premium, de sabor balanceado e marcante. Resultado de mais de 600 anos de tradição, a Stella Artois é atualmente uma das marcas mais proeminentes da Anheuser-Busch InBev, a maior cervejaria do mundo.

História[editar | editar código-fonte]

A história de Stella Artois começa em uma pequena cervejaria na cidade de Leuven, no interior da Bélgica, há mais de 600 anos, ainda nos tempos medievais. O primeiro registro da cervejaria, então chamada de "Den Hoorn" data de 1366. A qualidade da cerveja produzida na pequena cervejaria ganhou fama e se espalhou pela Bélgica.

Em 1425, quando foi fundada a Universidade de Leuven, a cervejaria virou ponto de encontro.Logo os estudantes passaram a trabalhar em pesquisas para aprimorar a produção da cerveja. Até hoje os laboratórios da Universidade de Leuven são usados para garantir a qualidade de muitas cervejas belgas.

Cervejaria da Setlla Artois em Leuven, Bélgica

Em 1717, o Mestre Cervejeiro Sebastian Artois comprou a centenária "Cervejaria Den Hoorn" e mudou seu nome para Cervejaria Artois. A tradição cervejeira passou por gerações até que o sobrenome da família foi eternizado na melhor cerveja da história.

Stella Artois nasceu como uma edição especial de Natal. A cerveja era tão brilhante e clara que recebeu o nome de Stella - estrela em latim. O seu sabor marcante conquistou os paladares mais requintados e Stella Artois tornou-se a cerveja símbolo da Bélgica.

Pouca coisa mudou na produção de Stella Artois ao longo dos anos. A paixão em fazer a cerveja continua a mesma. O grande segredo é o uso de ingredientes de primeiríssima qualidade, aliado a um processo de produção exclusivo, resultado da experiência de mais de 600 anos de tradição.

Para cada litro de Stella Artois são usados 8 litros de água cuidadosamente tratada. A cevada - que dá origem ao malte que determina o sabor de Stella Artois - é importada e considerada a melhor do mundo. O lúpulo do tipo Saazner vem da República Tcheca e é o mais caro do mercado. Da Bélgica vem a levedura exclusiva de Stella Artois, a mesma usada na receita que impressionou os paladares mais exigentes anos atrás.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cerveja é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.