The Beginning (álbum de Black Eyed Peas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Beginning
Álbum de estúdio de Black Eyed Peas
Lançamento 26 de novembro de 2010
Gravação Glenwood Place Hall Studios (Burbank, Califórnia)
Ethernet Studios e Planet Studios
(Los Angeles, Califórnia)

Germano Stateford Studios (Nova York, Nova York)
The Stewchia Place Studios (Toronto, Canadá)
Gênero(s) Electropop, dance, hip-hop
Duração 54 min 05 s
Gravadora(s) Interscope Records
Produção will.I.Am (Também exec.), DJ Ammo, Free School, David Guetta, Giorgio Tuinfort, Rodney Jerkins, DJ Frank E
Cronologia de Black Eyed Peas
Último
Último
The E.N.D.
(2009)
Próximo
Próximo
Singles de The Beginning
  1. "The Time (Dirty Bit)"
    Lançamento: 5 de novembro de 2010
  2. "Just Can't Get Enough"
    Lançamento: 4 de março de 2011[1]
  3. "Don't Stop the Party"
    Lançamento: 10 de maio de 2011
  4. "XOXOXO"
    Lançamento: 11 de Outubro de 2011
  5. "Whenever"
    Lançamento: 26 de Novembro de 2011

The Beginning é o sexto álbum de estúdio do grupo de hip-hop americano Black Eyed Peas. O álbum foi lançado em 26 de novembro de 2010 pela Universal Music. O primeiro single, "The Time (Dirty Bit)", foi lançado em 9 de dezembro de 2010. O álbum estreou na #6 posição na Billboard 200, com vendas na primeira semana de 119 mil cópias nos Estados Unidos.[2]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Em 6 de junho de 2010, a banda confirmou que eles estavam trabalhando em um novo álbum em entrevista para a The Big Issue. O álbum foi descrito como uma "sequela" do álbum anterior The E.N.D.. Will.i.am anunciou que o novo álbum "simboliza o crescimento, novos começos, e começa uma nova perspectiva fresca", por isso, intitulado The Beginning sendo lançado em 30 de novembro de 2010.[3] O álbum foi oficialmente anunciado em um comunicado de imprensa em 26 de outubro de 2010.[4]

Algumas canções foram disponibilizadas como singles promocionais para o lançamento do álbum. O primeiro, "Do It Like This", foi lançado em 15 de novembro de 2010.[5] e a segunda promoção, "Light Up the Night", em 22 de novembro de 2010.[6] The Beginning foi uma parte de "coisas favoritas de Oprah" e a audiência foi dado ao álbum 11 dias antes do seu lançamento oficial.[7] Um estádio está previsto para o início da turnê The Beginning World Tour, em fevereiro de 2011. Tendo anteriormente realizados em estádios da América do Sul durante a turnê The E.N.D. World Tour, Will.i.am revelou que em estádios, seria o ideal.[8]

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "The Time (Dirty Bit)" foi lançado como o primeiro single de The Beginning em 5 de novembro de 2010. Ele estreou no Estados Unidos na rádio em 16 de novembro de 2010. O single consegiu alcançar o quarto lugar na Billboard Hot 100, além também de ter entrado em várias paradas de todo o mundo.[9] [10]
  • "Just Can't Get Enough" é o segundo single do álbum, e foi lançado em 8 de fevereiro. O single conseguiu alcançar o 3º lugar na Billboard Hot 100.[11]
  • "XOXOXO" é o quarto single que foi lançado em 5 de Outubro de 2011. Seu clipe apresenta uma outra versão dos Black Eyed Peas os "Baby Peas", que são animações.Eles fizeram uma breve participação no clipe de The Time (Dirty Bit). não entrou em nenhum chart causando o cancelamento do lançamento no Canadá, que seria no dia 31 de Outubro
  • "Whenever" é o quinto single em alguns paises e o quarto no Canadá, foi lançada na França como single digital no dia 26 de Novembro de 2011. E em outos paises a partir do dia [30 de Setembro][12] A canção alcançou a posição de número 15 na França e 38 na Bélgica.[12]

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

Assim como aconteceu no The E.N.D., foram lançados 2 singles promocionais como parte da contagem regressiva para promover o álbum. "Do It Like This foi lançada como o primeiro single promocional no iTunes, no dia 15 de novembro de 2010.[13] Já a canção "Light Up the Night foi lançada como segundo single promocional no dia 22 de novembro de 2010.[14]

Outras canções[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Desempenho comercial[editar | editar código-fonte]

O álbum estreou na #6 posição no Billboard 200, com vendas na primeira semana de 119 mil cópias nos Estados Unidos.[17] É o seu terceiro álbum que está incluído nas 10 primeiros álbuns, mas seu nível mais baixo foi do gráfico foi com o álbum Elephunk, que culminaram na #14 posição em 2003. Até 23 de janeiro de 2011, o álbum vendeu 441.600 cópias nos Estados Unidos.[18]

No Reino Unido, o álbum estreou na #17 posição vendendo 34.006 cópias. Normalmente, vendendo mais de 30 mil cópias é suficiente para obter um álbum no "Top 3" ou até mesmo no primeiro lugar, no entanto, devido a concorrência forte do outono, não estréia no "Top 10" devido a performance no X-Factor que aumentou 8 posições para o número 9, passando 3 semanas no "Top 10". No Canadá, ele estreou na #2 posição vendendo 27.400 cópias em sua primeira semana, sendo mantidas no primeiro lugar por uma margem de 200 cópias atrás de Susan Boyle, com o álbum The Gift.[19] O álbum estreou na França, vendendo 35.653 cópias em sua primeira semana.[20] É a terceira vez consecutiva que Black Eyed Peas alcança a primeira posição no país.

Na Alemanha, o álbum estreou na #5 posição, começando a cair lentamente. Na sua terceira semana, o álbum estava na #9 posição, mas podendo ir para a #7 na semana seguinte. Graças ao sucesso do single "The Time (The Dirty Bit)", o álbum subiu de número 7 para a de número 2, em sua quinta semana foi subiu estando no pico.[21] [22]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 2 de 5 estrelas.Star full.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg[23]
Billboard 6.6 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg[24]
Chicago Tribune 1.5 de 4 estrelas.Star half.svgStar empty.svgStar empty.svg[25]
Entertainment.ie 1.5 de 5 estrelas.Star half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg[26]
Entertainment Weekly (B+)[27]
The Guardian 3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svg[28]
The Independent (3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svg[29]
musicOHM 1.5 de 5 estrelas.Star half.svgStar empty.svgStar empty.svgStar empty.svg[30]
The New York Times (negativo)[31]
Rolling Stone 3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svg[32]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  • Todas as canções foram escritas por William Adams; escritores adicionais estão indicados abaixo.
Standard Edition[33]
N.º Título Produzido por Duração
1. "The Time (The Dirty Bit)"   will.i.am, DJ Ammo 5:08
2. "Light Up the Night"   will.i.am 4:21
3. "Love You Long Time"   will.i.am 3:45
4. "XOXOXO"   will.i.am 3:45
5. "Someday"   will.i.am, Free School 4:33
6. "Whenever"   will.i.am 3:16
7. "Fashion Beats"   will.i.am, DJ Ammo 5:19
8. "Don't Stop the Party"   DJ Ammo, will.i.am 6:07
9. "Do It Like This"   DJ Ammo 5:29
10. "The Best One Yet (The Boy)"   will.i.am, David Guetta, Giorgio Tuinfort 4:25
11. "Just Can't Get Enough"   will.i.am, DJ Ammo, Rodney "Darkchild" Jerkins 3:39
12. "Play It Loud"   Free School 4:21
Amostra de créditos

Desempenho nas paradas[editar | editar código-fonte]

Parada País Melhor
Posição
Australian ARIA Albums Chart  Austrália 9
Austrian Albums Chart  Áustria 15
Belgian Albums Chart (Flanders)  Bélgica 13
Belgian Albums Chart (Wallonia)  Bélgica 2
Brasil Albums Chart  Brasil 1
Canadian Albums Chart  Canadá 2
Czech Albums Chart  República Checa 18
UK Albums Chart  Reino Unido 9
Dutch Albums Chart  Países Baixos 34
Billboard 200  Estados Unidos 6
French Albums Chart  França 1
German Downloads Chart  Alemanha 1
German Albums Chart  Alemanha 5
New Zealand Albums Chart  Nova Zelândia 12

Referências

  1. http://www.allaccess.com/top40-mainstream/future-releases
  2. Susan Boyle deve retornar ao topo das paradas americanas R7/Reuters Rede Record.
  3. MusicSearch Blog - Black Eyed Peas Reveal New Album Details! BlackEyedPeas.com (10-06-2010). Visitado em 26-11-2011.
  4. PR Newswire (26-11- 2010). The Black Eyed Peas to Release Brand-New Album — The Beginning — On November 30th, 2010. Press release. Página visitada em 26-01-2011.
  5. New Black Eyed Peas Single "Do It Like This" available on iTunes! Dipdive (15-11-2010). Visitado em 26-01-2011.
  6. Light Up the Night - Single iTunes Store United States. Visitado em 26-01-2011.
  7. Oprah's Ultimate Favorite Things - Page 21. Oprah.com. Retrieved 20-11-2010.
  8. Graff, Gary. "Black Eyed Peas Testing Waters for Stadium Tour in 2011", Billboard, Prometheus Global Media, 23-11-2010. Página visitada em 26-01-2011.
  9. Top 40/M Future Releases | Mainstream Hit Songs Being Released and Their Release Allaccess.com. Visitado em 26-01-2011.
  10. Top 40 Rhythmic Future Releases | R&B Song and Hip-Hop Music Release Dates | Allaccess.com. Visitado em 26-01-2011.
  11. The next single is.... BlackEyedPeas.com (21-01-2011). Visitado em 26-01-2011.
  12. a b The Black Eyed Peas - Whenever, Acessado em 12 de novembro de 2011.
  13. New Black Eyed Peas Track "Do It Like This" available on iTunes!, "Dip Dive". Acessado em 12 de novembro de 2011.
  14. New Black Eyed Peas Track "Light Up The Night" available on iTunes!, "Dip Dive". Acessado em 12 de novembro de 2011.
  15. The Black Eyed Peas Charts & Awards, Allmusic. Acessado em 14 de novembro de 2011.
  16. 2010 Top 40 Dance Singles Archive 11th December 2010, "UK Charts". Acessado em 14 de novembro de 2011
  17. Caulfield, Keith (08-12-2010). Boyle Back to No. 1 on Billboard 200, Peas Begin At No. 6 | Billboard.com Billboard. Visitado em 01-02-2011.
  18. Langhorne, Cyrus. Bruno Mars Soars, Nicki Minaj Shows & Tells In Top 10, Rihanna Takes A Few Steps Back. SOHH. Retrieved on 2011-01-26.
  19. Williams, John (08-12-2010). CANOE - JAM! Music - Artists - Boyle, Susan: Boyle battles Peas on charts CANOE Jam!. Visitado em 01-02-2011.
  20. Ventes de disques : Black Eyed Peas devant Jean-Louis Aubert (em french) LeParisien (07-12-2010). Visitado em 01-02-2011.
  21. http://www.gfk-entertainment.com/news/black-eyed-peas-im-hoehenflug.html
  22. http://musicline.de/de/chartverfolgung_summary/title/Black+Eyed+Peas/The+Beginning/longplay
  23. Bush, John. The Beginning - The Black Eyed Peas Allmusic Rovi Corporation. Visitado em 01-02-2011.
  24. Herrera, Monica (19-11-2010). The Black Eyed Peas, "The Beginning" | Billboard.com Billboard. Visitado em 01-02-2011.
  25. Kot, Greg (26 November 2010). Turn It Up: Album review: Black Eyed Peas, 'The Beginning' Chicago Tribune. Visitado em 2 December 2010.
  26. Mulligan, Jenny (24 November 2010). "The Beginning Entertainment.ie (24-11-2010). Visitado em 01-02-2011.
  27. Vozick-Levinson, Simon (24-11- 2010). The Beginning | Music | EW.com Entertainment Weekly. Visitado em 01-02-2011.
  28. Sullivan, Caroline (25-11-2010). Black Eyes Peas: The Beginning – review | Music The Guardian. Visitado em 01-02-2011.
  29. Gill, Andy. "Album: Black Eyed Peas, The Beginning (Interscope/Polydor) - Reviews, Music - The Independent", The Independant, 26-11-2010. Página visitada em 01-02-2011.
  30. Winkie, Luke (29-11-2010). The Black Eyed Peas - The Beginning | album reviews musicOMH. Visitado em 01-02-2011.
  31. Ratliff, Ben. "CDs from Black Eyed Peas, Calle 13 and Eric Benét - Review - NYTimes.com", The New York Times, 29-11-2010. Página visitada em 01-02-2011.
  32. Dolan, Jon (30-11-2010). The Beginning by Black Eyed Peas | Rolling Stone Music | Music Reviews Rolling Stone. Visitado em 01-02-2011.
  33. The Black Eyed Peas – The Beginning – Amazon.com Amazon.com. Visitado em 26-01-2011.
  34. a b c The Black Eyed Peas - The Beginning (Deluxe Edition) - iTunes iTunes. Visitado em 26-01-2011.
  35. PR Newswire (October 26, 2010). The Black Eyed Peas to Release Brand-New Album — The Beginning — On November 30th, 2010. Press release. Página visitada em 26-01-2011.
  36. Will.i.am Breaks Down Black Eyed Peas' New Disc Spin.com. Retrieved on 13-11-2010.


Ícone de esboço Este artigo sobre um single é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.